Coletânea: Vibração da Palavra FONTE - Autres Dimensions

Clique aqui para comentar esta publicação





Antes de começar a coletânea, lembrando que "deus" é uma palavra inventada, inventada pelo demiurgo que criou esta Dimensão. Assim, nós, nós das esferas Unitárias, empregamos a palavra Fonte, de Luz ou de UnidadeUM AMIGO – 06 de março de 2010.

A Fonte é Una. A Fonte é bondade. A Fonte é Vibração. A Fonte é amor. Ela não é nenhum outro. Não existe qualquer Deus vingador se não aquele que se intitulou assim e que é ele mesmo o Diabo, jogando assim o duplo jogo daquele que pune e daquele que recompensa à volta de papel, provocando-os ainda mais na Ilusão.

A palavra certa para a Luz é a Fonte, a Unidade.
Vocês são os filhos da Lei do Um porque, todos, foram criados e criaram, vocês mesmos, por mediação da Unidade.
Vocês não podem pertencer à multiplicidade e ainda menos àquele que queria fechá-los totalmente. Vocês foram criados livres e devem reencontrar sua liberdade. Sua liberdade está além das contingências, além de todas as crenças que lhes foram acrescentadas, camada por camada, em suas encarnações.
MARIA - 21 de novembro de 2009

Algo de exterior a vocês não os teria obrigado ao que quer que fosse, porque sua Fonte é Amor.
Sua Fonte é Unidade.
Vocês são Unidade.
Vocês são Fonte, todas as Unidades, tanto quanto vocês são.
Não há, portanto, punição.
Essa lei de ação/reação foi criada, unicamente, por vocês mesmos e por nada mais.
Cabe-lhes, hoje, liberar-se dessas ilusões, mas cabe-lhes, totalmente, também, decidir que o que nós dissemos é uma ilusão e que vocês estão na realidade.
Então, nessas condições, cabe-lhes continuar em sua realidade, mas nós, nós preferimos ir para nossa realidade que é, também, a realidade da Unidade da Fonte.
Ela não pode enganar.
Ela não pode fazer sofrer.
Ela não pode dividir e nós preferimos isso, amigo leitor.
Livro: A HUMANIDADE QUE COMEÇA - Ramatan

A Ilusão foi tão bem construída, tão bem desenhada que, mesmo nos modelos espirituais os mais conduzidos (sendo dado ao pouco de seres que tiveram êxito para sair realmente da matriz), a maior parte de seres que viveram até o presente experiências místicas descrevem sensivelmente a mesma coisa: a passagem através de um túnel, a chegada diante de uma luz magnífica, o acolhimento por seres chamados de Luz.
Mas tudo isso pertence à matriz, inteiramente.
Assim, portanto, fizeram-nos crer que o objetivo era juntar-se a esta luz, purificando seu carma.
São as leis Arcônticas.
Jamais a Fonte criou qualquer carma.
A Fonte é Amor infinito e expansão infinita e criação infinita.
Não há qualquer lugar, nesta criação, para qualquer Sombra, para qualquer resistência ou qualquer Ilusão.
Toda a dificuldade provém daí.
A Verdade está além de suas mais belas projeções ou mesmo de seus mais belos desejos.
ANAEL – 7 de agosto de 2010

A Fonte é Unidade e Ação de Graça, em todos os mundos Unificados e em todas as Dimensões Unificadas, quaisquer que sejam os universos e os Multiuniversos.
Apenas nos universos falsificados existe esta lei de ação/reação (que nós preferimos, quanto a nós, chamar de forças gravitacionais)
Quando os chamamos de «Sementes de Estrelas», «Filhos da Lei de Um», insistimos em sua Dimensão real, que é aquela que está além desse mundo, que estritamente nada tem a ver com as leis do mundo que vocês percorrem.
A manipulação dos Arcontes consistiu em fazê-los aderir e, portanto, crer (o que dá no mesmo) em leis, leis de ação e de reação que existem em todos os planos desta matriz, desde o mundo visível que vocês são, até o mundo dito invisível, que é também uma criação da matriz.
Assim, portanto, nos mundos Unificados, o que vocês chamam de astral não tem qualquer existência.
O que vocês chamam de causal, não tem qualquer existência.
ANAEL – 3 de agosto de 2010 - Parte 2

A ação/reação não pertence à Vontade da Fonte.
A Vontade da Fonte é Una.
Ela é simplesmente que vocês realizem e vivam no Estado de Ser, na liberdade, na Alegria e na Unidade.
Qualquer outra Criação é uma falsificação.
ANAEL - 29 de junho de 2010

Questão: que são a Luz e a Consciência Crística com relação à Fonte?
A Fonte é Luz. A Consciência Crística está ligada à tomada de Consciência de sua dimensão Fonte e de sua dimensão Luz.
A Luz pode se manifestar independentemente da Fonte, mesmo se ela alí está sustentada e se ela ali encontra sua origem.
A Fonte é o tudo, ou o Um, se preferem.
A Luz tem diferentes tonalidades, diferentes frequências. A Luz de que falamos, quando falamos da Luz de 5ª dimensão, é uma Luz que vocês chamam, na Terra, os raios X e os raios gama, que são, a priori, nocivos, e com razão, para esse corpo físico que está privado.
A Luz não é portanto unicamente os fótons visíveis mas os níveis Vibratórios diferentemente mais elevados, pertencentes a outras densidades de tempos e suportados por vezes por partículas que lhes são desconhecidas nesta Dimensão.
A Fonte é o conjunto de Luzes. A Fonte é o conjunto de Consciências. Vocês são, vocês mesmos, Fonte, quando vocês a revelam, obviamente.
UM AMIGO – 6 de março de 2010

Questão: pode desenvolver sobre a Fonte e sua natureza?
Bem amada, a Fonte é Fonte de tudo.
Ela é Fonte do menor átomo existente nos Multiversos e Multidimensões. 
Eu sou a Fonte e você é a Fonte.
A Fonte tem, enfim, a capacidade de manifestar-se em toda forma de Consciência: dentro de um átomo, dentro de uma forma humana, dentro de uma forma Arcangélica.
A Fonte não pode ser limitada de qualquer maneira.
Ela pode ela mesma limitar-se à vontade para percorrer o conjunto de campos da Criação, o conjunto da manifestação, o conjunto dos multiuniversos, o conjunto das galáxias.
Não há qualquer limite à Fonte, porque se a Fonte fosse totalmente ausente, nenhuma Criação e nenhuma Consciência poderia existir.
A Fonte é a única Consciência que pôde ir e vir nesta ilusão, emprestando, de maneira temporária, criando todas as peças, um corpo.
Esse corpo não é viável numa duração de tempo correspondente à vida humana, mas num período de 7 ou 14 anos.
A Fonte não privou-se de fazê-lo porque isso faz parte de sua capacidade.
A Presença da Fonte, entre vocês, foi revelada pelo próprio Cristo, quando ele falava de seu Pai.
ANAEL – 30 de maio de 2010

Se vocês soubessem como a Fonte é simples, como a Vida e o Amor são simples, nos mundos da Unificação!
Somente o filtro de seu mental os faz crer que é complicado.
Somente o filtro de seu mental os provoca, sem parar e permanentemente, no julgamento, na ilusão e nesta materialidade.
Vocês fazem a experiência, para alguns, desde tempos imemoráveis, mas pouco importa.
Hoje, a hora vai em breve soar, para aqueles que o desejam, e eu lhes desejo, ainda uma vez, cada vez mais numerosos a desejá-lo.
Retornem à sua casa, juntem-se a nós, meu Filho e eu, nos mundos Unificados.
Nas casas do Pai e da Mãe, que vibram em uníssono, do conjunto das galáxias, do conjunto dos universos.
Vocês têm a possibilidade.
MARIA – 3 de agosto de 2009

Sua Fonte é a Alegria.
ANNA – Mãe biológica de Maria – 13 de setembro de 2011

A Fonte é Liberdade. A Fonte é Eternidade. Ela é Amor ilimitado. 
O.M. AÏVANHOV - 3 de dezembro de 2009

Cada Instante é Um e reunido à Liberdade absoluta, à Essência absoluta.
Nada há a realizar, porque tudo está realizado.
Nada há a evoluir, porque tudo é perfeito na Verdade do Um.
A FONTE é Una.
Cada um é Um.
Tudo é Um.
URIEL – 8 de agosto de 2011

A FONTE está presente (como foi dito por muito numerosos místicos) no grão de areia, no conjunto dos Universos, no conjunto dos Sóis.
A FONTE não é limitada por qualquer Dimensão e qualquer forma.
A FONTE pode mesmo ter a liberdade (e ela o fez), de tomar um corpo, de criar um corpo, diretamente nessa matriz falsificada, sem ser alterada de maneira alguma.

Questão: qual é Sua forma de origem?
Ela está por toda a parte.
A forma da FONTE é ser, justamente, a totalidade de formas.
Não se pode restringi-la a uma forma.
Ela criou, ela criou-se a si mesma no espelho, numa Dimensão interior, no Senhor METATRON.
Mas a FONTE, não se pode dizer que ela está em tal Dimensão, dado que ela está em todas as Dimensões.
Ela infiltra, no sentido o mais nobre, todas as Criaturas, todas as Criações, todas as Consciências.
Portanto, ela tem a forma que você deseja.
E ela mesma toma a forma que ela deseja.
É sempre o mesmo princípio, vocês têm muita dificuldade para conceber a Multidimensionalidade.
Justamente porque isso não pode ser concebido, isso pode apenas ser vivido.
Isso não corresponde a um cérebro; isso não corresponde a um mental.
É, aliás, por isso que SRI AUROBINDO havia empregado a palavra Supramental, porque é algo tão fora do comum, fora do âmbito de referencial habitual, que não pode haver palavras.
A única coisa que posso dizer-lhe é que a FONTE está presente no grão de areia como numa consciência humana, a totalidade, mas pode também manifestar-se, ela mesma, através de um corpo criado, aqui, como não importa em qual Dimensão.
Isso parece extremamente difícil a apreender, mas, quando vocês são multidimensionais (e isso não concerne apenas à FONTE, isso concerne a um Arcanjo, a um anjo), vocês estão aqui, mas vocês não estão localizados aqui.
É o princípio do holograma: vocês estão aí, mas são, ao mesmo tempo, todo o resto.
Não há barreira, não há limite, não há confinamento, não há separação.
A Consciência Unificada, aqueles que a viveram sobre a Terra vivem essa ausência de separação.
Eles não fazem qualquer diferença de Consciência vivida entre eles e todos os outros.
Isso corresponde, inteiramente, ao que dizia o CRISTO: «O que vocês fazem, ao menor de vocês, é a mim que vocês o fazem. Eu e o Pai somos Um».
O.M. AÏVANHOV – 3 de julho de 2011

A Fonte é Fonte, mesmo para aqueles que a recusam.
A Fonte é Doação.
Não pode haver Vida, mesmo fechada, sem Fonte, é impossível.
GEMMA GALGANI - 10 de abril de 2011

A Fonte é a totalidade dos caminhos.
ANAEL – 9 de abril de 2011

Mas, enquanto vocês consideram que Deus é exterior a vocês, que a Fonte é exterior a vocês, vocês não são a Fonte e, portanto, vocês não estão em sua Unidade.
O.M. AÏVANHOV – 28 de março de 2011

A Fonte é tudo.
Eu vou tomar um exemplo que é muito simples: a maior parte das leis físicas (que eu chamei as leis de ação/reação) da matriz são leis reais que funcionam.
A prova, quando vocês deixam cair uma maçã, ela cai, não é?
Portanto, as forças gravitacionais eletromagnéticas são forças que foram fechadas, recurvadas, ao nível do espaço-tempo.
Vocês, vocês veem a luz, não é? Vocês veem o Sol e vocês dizem que o dia se levanta e a noite chega quando a noite chega.
Mas, para nós, como foi dito, vocês estão na sombra, porque não há Luz.
A Luz não é o que vocês veem com seus olhos.
A Luz não é unicamente a Luz do Sol, é o melhor reflexo, digamos.
Portanto, nos Mundos Unificados, nós somos A Fonte e não há separação.
Como eu disse: tudo é Um, mas esta noção de Unidade de serem todos Unitários e Um não é uma visão do Espírito, nem um conceito.
É uma Vibração.
O.M. AÏVANHOV – 12 de março de 2011

Vocês irão onde puserem, segundo sua Vibração, unicamente isso.
Portanto, a Fonte é você, inteiramente.
A única diferença é que a Fonte, ela sabe que ela é a Fonte e você, você não o sabe ainda.
O.M. AÏVANHOV – 2 de outubro de 2010

Leitura Complementar:
Coletânea sobre o tema Religião


Curiosidade: Em quase a totalidade das canalizações AD traduzidas para o Português (até a última mensagem de Miguel de 15/10), a palavra "Fonte" foi usada aproximadamente 4 mil vezes pelos intervenientes.
A palara deus foi usada somente, aproximadamente, 500 vezes, sendo que na maioria das vezes para explicar que foi uma palavra inventada, etc (o resto da história vocês já conhecem).


************
Trechos extraídos das mensagens do site http://www.autresdimensions.com
Traduzidas para o português por:
Seleção e Edição: www.mestresascensos.com
Publicado em: www.portaldosanjos.net 



Gostou? Compartilhe esta publicação nas redes sociais

0 comentários:

Postar um comentário