1

YVONNE AMADA DE MALESTROIT - 30 de abril de 2011 - Autres Dimensions

Clique aqui para comentar esta publicação




- Ensinamentos da Estrela KI-RIS-TI -

Primeira mensagem de YVONNE AMADA DE MALESTROIT no site Autres Dimensions

ÁUDIO mp3 ORIGINAL:

Eu tenho grande Alegria de intervir em meio a este canal.
Eu fui, durante a minha última encarnação, a Irmã YVONNE AMADA DE MALESTROIT.
Hoje, eu me apresento a vocês como a Estrela KI-RIS-TI.
A vocês todos, meus Irmãos e minhas Irmãs, aqui presentes, e que vão ler ou escutar o que eu tenho para lhes dizer, eu transmito o meu Amor, que é seu.
Eu vou começar, se vocês permitirem, por um breve resumo do que foi a minha vida, não tanto como uma lembrança, mas, de preferência, a título de exemplo do que vai se tornar a sua vida, para todos vocês, se vocês o aceitarem.
Se vocês acolherem, em vocês, a sua dimensão de CRISTO, o seu estado de CRISTO.

***

Eu dirigi, durante a minha vida, uma comunidade religiosa, em uma região da França, muito perto de um lugar mágico chamado Brocéliande.
Eu efetivamente fiz parte de uma congregação Católica romana, pois, no início do século passado e até a minha morte, era muito difícil manifestar este estado de CRISTO em outros lugares senão nesses espaços, pelo menos para uma ocidental.
Aqueles que quiserem pesquisar sobre o que foi a minha vida e o que eu realizei durante a minha vida, independentemente da minha própria vontade ou de qualquer atenção ou desejo da minha parte, irão encontrá-lo facilmente.
Hoje, eu sou a representante e a portadora da Estrela CRISTO.
O Eixo que foi meu, em ressonância com a minha Irmã HILDEGARDA DE BINGEN, que viveu muito tempo antes de mim, este Eixo KI-RIS-TI / REPULSÃO é o Eixo que veio, gradualmente e à medida dos séculos, tentar retificar a Luz alterada (ndr: ver os esquemas no protocolo “Yoga Integrativo” (1)).
Durante a minha vida, muitos mecanismos que os seres humanos chamam, ainda hoje, de sobrenaturais, foram o meu cotidiano.
As minhas lágrimas transformavam-se em diamantes, os vômitos com sangue transformavam-se em cravos e forravam o meu quarto.
Eu estava presente em muitos lugares ao mesmo tempo, neste próprio corpo físico que eu então habitava.
Eu pude assim intervir, durante a segunda guerra mundial, ao mesmo tempo no monastério, na congregação que eu dirigia e, simultaneamente, a milhares de quilômetros de distância.
Eu passei por muitos sofrimentos, mas mesmo esses sofrimentos se tornaram, eles próprios, estados profundamente diferentes deste sofrimento.

***

Hoje, vocês serão levados a tornarem-se ou a tornarem-se de novo CRISTO e, portanto, a manifestar esta criação espontânea da Beleza e da Verdade.
Naquela época, isso foi chamado de milagre, dos quais muitas das minhas Irmãs e muitos observadores foram testemunhas privilegiadas, até um dos nossos chefes de Estado assistiu à incorruptibilidade da minha carne, bem depois da minha morte.
Ao contrário das minhas Irmãs mais jovens que viveram no início do século XX, como GEMMA GALGANI ou Santa TERESA do Menino Jesus, o meu Caminho foi o da Fusão consciente e integral com CRISTO.
Eu não fui somente uma das suas Esposas, assim como foi denominado na época, mas eu fui Ele próprio.
Eu cheguei então, durante a minha vida, ao que é chamado, hoje, de Androginia Primordial, permitindo realizar a Fusão d’Ele e d’Ela, como lhes disse a minha Irmã ANNA.
Isso, eu já tinha vivenciado durante a minha vida.
Esta Fusão do Andrógino dá acesso à dimensão real do ser humano, enquanto Filho Ardente do Sol, Filho do UM, Filho da Eternidade, CRISTO.
Esta Fusão me permitiu então descobrir e revelar a mestria total da Graça, não em um sentido de controle, mas na manifestação desta Graça nos vários setores da minha vida, nos vários estados de Êxtase que eu vivi naquela época.
Eu fui, dessa maneira, de algum modo, pelo meu corpo e pelo meu Espírito, a testemunha privilegiada deste Andrógino Primordial, correspondendo à reunificação das polaridades e permitindo então manifestar a totalidade da Verdade, neste mundo de Ilusão.

***

O.M. AÏVANHOV - 26 de novembro de 2011 - Autres Dimensions

Clique aqui para comentar esta publicação




- E BEM, CAROS AMIGOS... -

ÁUDIO mp3 ORIGINAL:
 E bem, caros amigos, eu estou extremamente contente de encontrá-los e eu estou, sobretudo, muito contente de, primeiramente, dizer-lhes bom dia, de trazer-lhes o meu Amor, e de vivermos uma Comunhão, juntos.
Então, eu lhes proponho, em primeiro lugar, um momento sem perguntas, de Comunhão e, como diria UM AMIGO, de Coração a Coração, não é?
Esse momento de Graça que lhes é oferecido para ser vivido, quando desejarem, a partir no instante em que vocês acolherem a Luz, a partir do instante em que vocês estiverem totalmente inscritos (de algum modo) no Instante Presente.
Então, vivamos esses poucos minutos e, logo após, eu lhes darei a palavra.
Então, Comunguemos.

... Efusão Vibratória / Comunhão ...

Eu lhes dou a palavra, e eu escuto todas as perguntas que vocês têm para me fazer.

***


Pergunta: poderia desenvolver sobre o princípio da Liberdade?

Então, caro amigo, a Liberdade pode se inscrever de vários modos.
Há (vocês sabem, isso são palavras que nós todos empregamos) a Liberdade deste mundo, por exemplo, de pensar.
Ninguém, em princípio, pode impedi-los de pensar, mas todo mundo tenta fazê-los pensar segundo uma determinada direção.
Mas o ser humano tem, em princípio, a capacidade para exprimir o seu pensamento, como ele o crê, eu diria, independentemente de qualquer restrição.
Mas vocês sabem, evidentemente, que nesse mundo moderno, o conjunto do que vocês podem ver, o conjunto do que vocês podem escutar, tende a dirigir o seu pensamento no sentido que é desejado por aqueles que querem conduzi-los ali onde vocês não têm necessariamente desejado ir, mas onde vocês se submetem, de uma maneira ou de outra (quer se chame de egrégoras ligadas a crenças, etc., etc..).
Nós lhes falamos, nós, de uma outra Liberdade, e eu volto, de novo, em particular, àquele (talvez) dos Melquizedeques que melhor lhes falou (de algum modo) do que é a Liberdade.
A Liberdade de que lhes falamos é a Liberdade do Espírito.
Que não é a liberdade de pensar, que não é a liberdade de escolher ter um filho, ou de não ter um filho, ou a liberdade de se estabelecer em tal região ou em tal outra região do mundo.
Porque, isso, é uma liberdade em meio à prisão: é a possibilidade de ir a uma janela ou a outra.

MIGUEL - 17 de abril de 2009 - Autres Dimensions

Clique aqui para comentar esta publicação




- Ensinamentos do Príncipe e Regente das Milícias Celestes -
Setembro, mês da Festa de MIGUEL

ÁUDIO mp3 ORIGINAL (Partes 1 e 2):

~ PRESSÃO DA RADIAÇÃO DO ULTRAVIOLETA ~
PREÂMBULO DAS NÚPCIAS CELESTES
 Eu sou MIGUEL, Príncipe e Regente das Milícias Celestes.
Recebam todo o Amor e toda a proteção do conjunto das hierarquias espirituais que, atualmente, vigiam e supervisionam.
O tema da minha intervenção, hoje, será centrado sobre três polos concomitantes, eu diria, da sua realidade e no nível do que está chegando.
De agora em diante, e como eu anunciei a vocês, a minha manifestação e a minha Presença, através das palavras, mas também através da pressão do Ultravioleta (que alguns de vocês estão vivendo e já conhecem), irão se reforçar de maneira exponencial a partir da data de 07 de maio.
Eu gostaria também de preveni-los que, doravante, a cada uma das minhas intervenções, eu irei lhes comunicar a data da minha próxima intervenção, a fim de que, aqueles que quiserem, possam se beneficiar da Vibração que eu emito, de uma energia específica que eu vou explicar.
Assim, a minha próxima intervenção vai ocorrer, na sua data humana e na hora do seu país (ndr: a França), às 22h30, em 25 de abril.
Durante o mês de maio e durante o mês de junho, em cada uma das minhas intervenções semanais, aqueles que quiserem se conectar com esta energia específica que eu vou descrever, poderão fazê-lo, onde estiverem.
Isso é importante e eu vou explicar também por quê.
A pressão da Radiação do Ultravioleta é uma energia e um nível de consciência que eu tenho, por missão, que trazer e, isso, até o período do mês de maio do próximo ano.
Entretanto, eu não estou sozinho, a partir de agora, para retransmitir esta pressão da Radiação.
Eu estou acompanhado de algumas entidades espirituais que eu vou listar e que vão tentar conduzir o maior número de seres humanos a viver o despertar e a viver a potencialidade do despertar da sua dimensão Divina, a fim de que a maioria de vocês que estão encarnados possa, se tal for o seu desejo, aceder à Glória da Unidade. 
*** 
De fato, esta efusão de energia necessita, além da presença, de uma focalização específica da energia.
Isso se tornou possível pela colocação em Vibração de algumas Consciências vindo de várias Dimensões e que eu vou listar agora antes de entrar nos detalhes da manifestação desta energia e desta Consciência.
O primeiro círculo é constituído pelo Conclave.
Eu chamo de Conclave a totalidade do Coro dos Arcanjos e a Vibração conjunta retransmitindo a Vibração do Sol Central denominado Alcyone.
O Conclave vai permitir, durante a manifestação da minha Presença, regar literalmente as consciências humanas encarnadas na FONTE do Sol de Alcyone.
Além deste primeiro círculo terá um segundo círculo.
Este segundo círculo foi denominado, de todos os tempos, a Ordem dos Melquizedeques.
É o que corresponde ao que a sua tradição chama de “vinte e quatro Anciãos”, mas também de “Senhores do Karma”.
O terceiro círculo, enfim, é constituído de entidades muito mais próximas de vocês, quanto à sua Dimensão de encarnação e, no entanto, Unitária, correspondendo a uma 3ª Dimensão Unificada, denominados na sua Bíblia os “Anjos do Senhor”.
Trata-se de alguns seres cuja origem e local de vida é Vega da Lyra.
Esses três círculos: o Conclave Arcangélico, a Ordem dos Melquizedeques e o círculo dos Vegalianos, irão se juntar à minha Presença, a fim de retransmitir as energias do Sol Central diretamente nas consciências prontas para recebê-las.
Entendam que os momentos que vocês vivem são momentos únicos na história da sua vida, da sua alma e do seu Espírito.
É indispensável e primordial que o máximo possível de seres humanos seja capaz de retransmitir, de veicular, de amplificar a pressão da Radiação que, como eu lhes dizia, vai aumentar de maneira exponencial, nos próximos dias.
Eu insisto e eu repito mais uma vez, que de nada serve se preocuparem com as desconstruções ocorrendo neste mundo.
Elas são necessárias, indispensáveis, inevitáveis, inexoráveis para permitir à Glória do seu Pai e do nosso Pai, à Glória da Luz, chegar a se manifestar. 
***