RAFAEL - 03 de março de 2012 - Autres Dimensions

Clique aqui para comentar esta publicação




- Intervenção do Arcanjo da Cura e da Passagem -


ÁUDIO mp3 ORIGINAL:
http://www.mediafire.com/file/2obu9mxpl56rnbm/3-RAPHAEL-3_mars_2012-article2410.mp3


Eu sou RAFAEL, Arcanjo.
Bem-amados Filhos do Único, eu sou a Onda que vem aliviar e tornar leve.
Eu sou o Arcanjo que vem curar o que deve sê-lo.
E o que deve ser curado não é qualquer doença, mas, sim, a densidade e a dor da separação.
Eu sou o Arcanjo que, em meio à Onda da Vida, é a Vibrância que vem pôr fim a toda separação.
Eu venho, então, curar o apego à densidade, o apego a uma pessoa, a uma vida.
Eu contribuo para retorná-los ao seu Ser Eterno.
Eu venho pôr fim a toda densidade e a todo peso.
Eu venho aliviar o que deve sê-lo.
Eu acabo, pela minha Onda, em vocês, com toda identificação com qualquer peso.
Iluminando, fazendo com que o peso não exista mais.
Eu sou o alívio de todo peso.
Eu sou a ausência de peso, a ausência de apego, a Inocência e a Infância.

***

Eu sou a Onda que põe fim a toda contingência do que vocês denominam (aí onde vocês estão) matéria.
 Não a negando, não a rejeitando, mas, bem mais, transportando o seu olhar de um olhar exterior para a ausência de qualquer olhar.
Pois, para tudo o que vocês olham, tudo o que vocês veem, afasta-os do Absoluto.
O olhar (o seu olhar) é projeção.
O olhar é efêmero, como o pensamento, como o corpo, como o ego.
E, no entanto, é em meio ao ‘eu’, no qual vocês estão, que vocês creem transfigurar, vencer e superar a Ilusão.
Não há nada para vencer.
Não há nada para superar.
É preciso, apenas, estabelecer-se além de todo estado, em sua leveza, em sua Infância, em sua despreocupação e na Eternidade.
Nenhum efêmero poderá conhecer e Ser a Eternidade.
Enquanto vocês se sentirem dependentes e pesados (neste corpo, neste efêmero), inscritos entre um nascimento e uma morte (que, por essência, é efêmero), vocês não podem pretender qualquer Eternidade, qualquer Absoluto.

***

PHILIPPE DE LYON - 19 de março de 2010 - Autres Dimensions

Clique aqui para comentar esta publicação




- Intervenção do Mestre Philippe -


Irmãos e Irmãs a caminho da Unidade, eu sou o Melquizedeque da Terra.
Eu faço parte da Ordem de Melquizedeque, meu assento é a Terra (Elemento Terra).
Meu papel é de pesar os prós e os contras, em meio à Assembleia dos 24 Anciões, de tudo o que diz respeito, de perto ou de longe, à organização da forma.
Durante minha última encarnação, foi-me dado poder sobre a matéria orgânica humana.
Eu venho hoje até vocês, além de um aspecto de cura, expressar também uma série de ideias e de conceitos, referentes ao que ocorre no Interior das suas estruturas físicas, hoje, e que irá se acentuando, se amplificando, durante os próximos dias, semanas e meses.
Eu empregarei uma linguagem metafórica que fala à sua alma, antes de tudo.
Até agora o ser humano, desde tempos imemoriais, está comprimido dentro de uma forma denominada corpo físico, dentro desta compressão que é o seu corpo e que eu lembro a vocês que não é a sua realidade, mas, bem mais, um modo limitado de expressão da sua realidade.
Entretanto, a sua Consciência está estivada, fixada nesta forma, a tal ponto que a imensa maioria dos seres humanos pensa estar limitada a esta forma e não visualiza a possibilidade de uma Consciência existente fora dela e, no entanto, é o que a Humanidade vai descobrir muito em breve.
Alguns de vocês, como aqui, vivem a aproximação desta realidade que é a sua Verdade.
Vocês estão, portanto, em uma rede, em uma forma limitada e comprimida, sujeita a interações, na sua própria vida, chamadas de ação/ reação.

***