Coletânea sobre o tema Religião - Autres Dimensions

Clique aqui para comentar esta publicação





Questão: o que é das religiões?
A religião, qualquer que seja, foi destinada a cortar o homem, contrariamente à acepção primeira da palavra, a cortar o homem do Pai.
Porque se vocês tomam intermediários, é como se… como explicar isso de maneira simples?
É como se, todas as manhãs, você abrisse sua janela para ver a Luz, e, depois, um dia, alguém lhe diz: «permaneça na cama, vou acender a Luz para você».
E você vai ficar contente.
Outro dia ele vai dizer: «não vale a pena abrir os olhos, a Luz está aí, você sabe que ela está aí, isso lhe basta. Eu abri a janela e você sente a Luz do sol».
E depois ele vai levá-lo assim cada vez mais distante da realidade da Luz.
E você vai crer ainda que ele vai falar à Luz por você e você entra então no golpe criado por um intercessor idiota que vai tomar sua liberdade.
Aí está o que vocês fazem desde milhares de anos com as religiões.
Vocês não podem crescer se não estabelecem relação direta com a Luz.
Vocês não têm necessidade de intercessor.
Vocês têm necessidade de caminhos, de imagens de caminhos, de maneira a conhecerem as vias a seguir, mas é tudo.
O.M. AÏVANHOV – 23 de janeiro de 2009


Não sei mais quem, em sua humanidade, disse: «a religião é o ópio do povo».
É exatamente assim.
ANAEL - 13 de setembro de 2009


Vejam vocês como a Falsificação pode funcionar à maravilha, e vocês veem isso nas religiões que vão falar-lhes de salvar sua alma, a fim de não estar em estado de pecado mortal.
Sim, é um pecado mortal, efetivamente, para o Demiurgo, perder a alma e encontrar o Espírito.
Obviamente, o ponto de vista da Luz Vibral não se importa com esses conceitos espirituais, filosóficos ou religiosos.
Ela vem restabelecer a Verdade.
Ela vem restabelecer a Unidade, se tal é seu desejo.
IRMÃO K - 9 de julho de 2011

Vocês não crerão mais no que lhes contaram as religiões, as crenças, diversas e variadas, espirituais ou exóticas.
Vocês não terão mais necessidade disso, porque vocês estarão no Ser, na realização.
É para isso que vocês são chamados, inteiramente.
Se vocês forem capazes de dar esse passo, de aceitá-lo como possível, vocês não têm mais necessidade de nada mais.
Vocês suprimirão todas as muletas, sem exceção, e vocês se lançarão, vocês se jogarão na Luz.
Vocês são chamados a isso.
MA ANANDA MOYI – 8 de abril de 2011

Devem saber que em termo energético, não é aquele que come que é vencedor, mas aquele que é comido.
É um princípio essencial do qual o Cristo participou dizendo: “esse é meu corpo” falando do pão.
Era um símbolo que foi traduzido, particularmente na religião católica romana, pela hóstia e que é uma imagem distorcida da realidade.
ANAEL - 20 de maio de 2009

Quando há religião, há uma tomada de poder.
E aí, mais poder necessita congelar e fixar nos dogmas.
E o dogma, é o inverso da liberdade.
O.M. AÏVANHOV - 29 de agosto de 2009

Foi apenas o olhar de sua consciência que cristalizou ao redor de vocês esse mundo, essas manifestações, essas estruturas rigidificadas, fossilizadas, que fizeram aparecer tanto as religiões como o que vocês chamam o dinheiro.
Essas estruturas de troca paliaram, de algum modo, à sua deficiência, eu diria, quase congênita (porque inscrita em seus genes), que lhes ocultou a realidade das leis espirituais e a realidade das outras dimensões.
Livro: A Humanidade que Começa - Ramatan

Questão: a que corresponde o sacramento do casamento religioso?
Isso é eminentemente diferente segundo os povos, segundo as tradições, segundo os costumes.
Os sacramentos, quaisquer que sejam, foram instaurados pelos humanos.
Eles são a reminiscência antiga do sacramento original de sua ligação ao Pai.
Eles são o reflexo, antes de tudo, de crenças, de acordo com o povo no qual vocês nasceram, de acordo com os costumes aos quais vocês aderem.
Os sacramentos, quaisquer que sejam, como vocês observam, são sempre ligados à intervenção de uma terceira pessoa.
Isso os priva de sua responsabilidade.
Vocês entregam o poder naquele que é o pretenso representante para unir ou desfazer algumas relações.
Isso é uma retirada de responsabilização de sua responsabilidade pessoal e nada mais.
É extremamente agradável crer que os sacramentos os ligam para a vida.
É extremamente agradável crer que o sacramento do batismo, na religião católica, imuniza-os contra os ataques do demônio.
É satisfatório para o Espírito que o batismo os faça pertencer à manada dos eleitos de Deus, mas isso é uma heresia.
O pertencimento ao reino dos Céus se faz por sua qualidade de coração e por nada mais.
Ele não é função de uma obrigação, ele é consentido e livremente consentido por você mesmo e por ninguém mais.
O único sacramento válido aos olhos do Pai e da Luz é o seu, livremente consentido, para além dos grupos sociais e para além das crenças.
MA ANANDA MOYI – 13 de agosto de 2008

Na religião ocidental que prevalece, o cristianismo, o salvador exterior é representado sobre uma cruz, pregado.
A cruz é, primeiro, e antes mesmo da presença de Cristo sobre ela, o símbolo do cristianismo, uma vez que é um símbolo levado, de maneira comum, por aqueles que são católicos ou cristãos.
Há, portanto, uma identificação a uma imagem.
Essa imagem, é claro, não corresponde a realidade alguma, a verdade alguma, se não é a indução, pela impressão, de uma crença.
O que vocês chamam, em seu mundo, a publicidade, funciona exatamente do mesmo modo, que é desencadear, por meio de uma imagem (por vezes também por sons, é claro, mas, nesse nível, a imagem é bem mais potente do que o som), provocar uma atração, uma adesão para a publicidade e uma compra.
Mas, para as crenças religiosas, a adesão cega, é o caso de dizê-lo, a certo número de elementos, chamados dogmas, recorrem à fé, sem ter a capacidade de neles verificar a verdade ou a realidade.
O olho é, portanto, baseado, diretamente, na sedução dessa impressão.
Aliás, mesmo em inúmeras tradições, o olho é maquiado, iludido de alguns benefícios, a fim de atrair, por sua vez, o olhar, a fim de seduzir.
O olho é a ferramenta a mais perfeita da falsificação do éter, dado que o olho baseia-se na transparência do ar para apreciar, ser atraído, ser impressionado e ser seduzido por uma imagem, independentemente de qualquer apoio Vibratório, porque a Vibração da árvore, obviamente, não é a imagem da árvore.
Esses mecanismos de visão exterior conduzem o conjunto da vida da humanidade, como do humano, sem qualquer exceção.
NO EYES – 29 de abril de 2011

O Cristo sempre disse: «Jamais façam de minhas palavras uma religião».
Essas palavras realmente foram pronunciadas.
PHILIPPE DE LYON – 3 de dezembro de 2010

O Coração não tem necessidade nem de religião nem de qualquer Mestre exterior a vocês mesmos, nem mesmo de qualquer deus.
Isso vocês o sabem, nós esperamos.
Se há, efetivamente, algo a realizar, é isso: que não há qualquer Mestre exterior, mesmo o chamado de ascensionado; não há qualquer Deus exterior, a não ser aquele que usurpou o lugar no Trono.
Há apenas Seu Coração e, ele, tem todas as respostas, sem exceção.
É isso que vocês descobrem, uns e outros, progressivamente, cada um em sua velocidade, segundo sua capacidade própria de integração e de inserção, pode-se dizer, literalmente, que lhes permite, pouco a pouco, aproximarem-se do núcleo de sua Essência.
A era nova que se abre é uma era de reconhecimento do Coração, onde tudo o que estava ligado à falsificação, à predação, à competição, à concorrência, não existirá mais.
SRI AUROBINDO – 2 de novembro de 2010

Enquanto vocês são complicados, enquanto vocês não são simples, vocês não podem Vibrar no Coração.
O Coração é extremamente simples.
Ele não se importa com qualquer conhecimento.
Ele não se importa com qualquer esoterismo.
Ele não se importa com qualquer religião.
Isso, são ilusões Luciferianas que os fizeram crer que vocês se aproximam do Conhecimento, para livrá-los, por um Conhecimento, por uma Crença.
O Coração é experiência, e nada mais.
O.M. AÏVANHOV – 19 de setembro de 2010

Não existe qualquer religião que não tenha falhado. Não existe qualquer sistema que não tenha falhado. O único sistema que não falhará jamais, são Vocês mesmos e seu Ser interior. É isto que vocês devem reencontrar. Então, isso se encontra no interior.
Ensine a uma criança a meditar. Ensine a uma criança viver sua dimensão interior. Isso é o mais importante e não, hoje, prepará-lo certas coisas exteriores.
ANAEL - 17 de outubro de 2009

O ser humano chama de Amor, concepção, até mesmo filosofia, até mesmo religião.
E, no entanto, isso permanece no domínio dos conceitos, no domínio das palavras e no domínio da Ilusão.
Enquanto não há Vibração, no que concerne ao Coração, o Amor e a Luz, não há Verdade, há Ilusão da Luz, Ilusão do Coração e Ilusão do Amor.
RAM - 30 de outubro de 2009


Trechos extraídos das mensagens do site http://www.autresdimensions.com
Traduzidas para o português por:
Célia G. http://leiturasdaluz.blogspot.com e
Zulma Peixinho http://portaldosanjos.ning.com
Seleção e Edição: www.mestresascensos.com

Gostou? Compartilhe esta publicação nas redes sociais

0 comentários:

Postar um comentário