*ANNA* Estrela de Maria - 28 de abril de 2011 - Autres Dimensions

Clique aqui para comentar esta publicação




- Intervenção da Estrela OD -
Primeira mensagem de ANNA (mãe biológica de Maria)
no site Autres Dimensions




ÁUDIO mp3 ORIGINAL:

Eu sou Uma Estrela: ANNA.

De Espírito a Espírito, de Coração a Coração, de Verdade a Verdade, que a Luz da Graça nos acompanhe e nos abençoe.
Enquanto Semente de Estrela e Estrela OD, eu sou o OM e o Ômega, eu sou o OD de Yésodh, eu sou o fundamento e a fundação, eu sou a Via Láctea, eu sou a Inteligência, por que é o que vocês São.


Eu venho falar e Vibrar, no seu espaço, falar e Vibrar da matriz e da Terra, da Terra Interior e da Terra exterior, da matriz Verdadeira (de Verdade) e da matriz falsificada.
A matriz é o lugar da manifestação.
Uma Dimensão é uma matriz onde se desvenda o conjunto e o infinito dos potenciais, vibrando a uma frequência e a uma gama de frequência.
As Dimensões se interpenetram.
As Dimensões são livres, da frequência mais elevada à frequência mais tênue.
A matriz dá corpo e dá liberdade.
A matriz é calor, calor de vida, vida não limitada, não confinada.
Vida em que se experimentam as qualidades d’A FONTE, a qualidade d’A FONTE.
Entre o Alfa e o Ômega, de um ao outro, do início ao fim, a mesma ressonância e a mesma liberdade.
Sobre a Terra, todos nós fomos livres, depois confinados.
O que é o confinamento?
É a impossibilidade, a não liberdade, de Ser.
A não liberdade de viver, de maneira simultânea, as outras Dimensões.
A matriz falsificada é uma ruptura da matriz Verdadeira.
A manifestação, a vida, na matriz falsificada, é um confinamento.
Confinamento impedindo a Consciência de viver o seu Ilimitado.

***


A Terra exterior que nos sustenta era, originalmente, uma matriz Verdadeira onde então existia uma Liberdade total de movimento, de Vibração, de frequência e, portanto, de Consciência.
A forma ligada à estrutura em carbono não é, em si mesma, uma matriz falsificada.
A Terra é uma matriz Verdadeira em meio à qual foi estabelecido um confinamento.
Esta matriz foi então falsificada devido a mecanismos chamados de exteriorização.
A Terra exterior, sobre a qual o ser humano, como outras Consciências, podiam levar sua alma, encontrou-se prisioneira da sua própria criação.
Isso foi denominado a queda.
Esta queda é uma queda desejada do exterior, não tendo nada a ver com o Interior.
A limitação jamais foi decretada pelo ilimitado, mas por uma forma do ilimitado querendo experimentar o limitado do confinamento.
Pouco a pouco, esta matriz, tornando-se falsificada gradualmente e à medida dos milênios, criou novas regras e novas leis, ligadas a este confinamento, rompendo sempre mais e impedindo sempre mais, a capacidade para conexão e reconexão com as esferas do ilimitado.
Assim, a Terra exterior tornou-se a única possibilidade para o Espírito confinado nesta matriz.
A Terra Interior não podia mais existir senão como um sonho distante, uma lembrança distante, esvanecendo-se gradualmente e à medida das épocas e dos tempos, até permanecer simplesmente como um impulso, muito distante, para reencontrar a Luz.
O homem, a mulher, manteve a lembrança do seu nascimento, de maneira confusa e de maneira não clara, o confinamento tendo sido praticamente devido a esta ressonância de liberdade e do ilimitado.

***


Hoje, o confinamento está terminando.
Do limitado, a Consciência vai passar de novo ao ilimitado. 
Aquele e aquela que vivenciaram o confinamento não podem imaginar o que é o não confinamento porque, mesmo a imaginação, é dependente do confinamento.
Tudo o que é visualizado pelo 3º olho, tudo o que é imaginado pelo cérebro, participa, de maneira inexorável, da lei de confinamento ou da Ação / Reação.
Isso termina, sob os seus olhos e sob a sua Consciência, permitindo-lhes reencontrar a Multidimensionalidade ou os múltiplos estados do Ser que prevalecem para qualquer Consciência tendo a ver com a Liberdade.
O homem, a mulher, confinados há tanto tempo, mantêm apenas a saudade desta Liberdade, liberdade que, no entanto, não faz parte da sua vivência, que, no entanto, não faz parte da sua experiência.
O confinamento em meio à matriz falsificada privilegiou, de maneira exclusiva, a Terra exterior.
A Terra Interior jamais sendo acessível, exceto sob a forma figurada, durante os sonhos ou em certos estados, limitados, para o acesso ao que é denominado Mundo Astral.
O Mundo Astral é uma matriz na matriz, uma matriz confinada em meio à matriz confinada.
O homem e a mulher, tendo se revestido deste hábito limitado chamado de Corpo, guardou, entretanto, nele, além da lembrança, a possibilidade, nesse próprio corpo, de reencontrar o seu ilimitado e a sua liberdade e, então, de seguir a Terra Interior.
O mecanismo de confinamento, na matriz falsificada, oriundo da projeção de um eixo falsificado, como vocês sabem, tendo desviado o eixo AL-OD por um eixo profundamente diferente, denominado Visão e Bem, expressa-se, hoje, nos termos de confinamento, de ‘Vontade de Bem’ (ndr: ver esquemas no Protocolo do ‘Yoga Integrativo’) (1).
O ser humano não pode conceber outra realidade, porque esta concepção levaria a fazer a experiência para poder ser manifestada e expressa.

***


Portanto, o aparecimento de novas regras e de novas leis, já bastante antigas, contribuiu, de maneira intensa, para restringir, sempre mais, o acesso a esta lembrança, o acesso a esta memória, o acesso a este ilimitado.
Dessa forma, o ser humano encontrou-se vivendo em meio a regras falsificadas, em meio a uma Terra exterior onde havia tido uma separação.
Separação entre Ele (território Interior desconhecido) e o restante (território exterior ficando sob o sentido da visão e sob o sentido da percepção), esquecendo a percepção Interior, resultante da matriz original ligada à Interdimensionalidade e à Multidimensionalidade pré-existente e manifestada pela Vibração denominada Fogo do Coração.
O Fogo tornou-se, de algum modo, o inimigo, porque o fogo consome a forma, porque o fogo faz desaparecer o limitado, pois o ser humano (e a sua Consciência) está confinado em um corpo.
Existem mundos de carbono não falsificados, então procedentes de uma matriz Verdadeira.
A Consciência presente no Interior desta matriz Verdadeira de carbono tem a capacidade para se manifestar, de maneira simultânea, no tempo e no espaço, nesse corpo de carbono como em qualquer outro corpo pertencendo a matrizes Verdadeiras nos mundos Multidimensionais ou em outras formas de manifestação, não ligadas ao tempo e não ligadas ao espaço.

***


Hoje, o momento chegou de reencontrar este ilimitado.
A Consciência limitada, denominada consciência do ego ou da personalidade, fez ponderar que ela estava separada (e ela o foi, realmente) de todas as outras Consciências, não podendo então viver a realidade do Tudo é Um.
Hoje, o Tudo é Um desvenda-se, revela-se, permitindo a alguns homens e a algumas mulheres, deixarem com toda a lucidez a matriz falsificada, a fim de conectarem com as matrizes Verdadeiras.
Isso foi denominado Corpo de Personalidade e Corpo de Estado de Ser.
O Corpo de Estado de Ser que veio ao seu encontro, produzindo a síntese de um corpo ilimitado, com base na estrutura de carbono, tendo sido confinado, que, no final (cujo término chegou), permite-lhes reencontrar o seu estado ilimitado, multidimensional e interdimensional.
A única diferença está ligada a esta noção de confinamento.
A matriz em carbono é uma matriz perfeita, da mesma forma que as matrizes cristalinas ligadas à 11ª Dimensão, da mesma forma que as matrizes geométricas existentes na 24ª Dimensão.
De uma extremidade a outra das Dimensões, as matrizes são perfeitas, como espaço e tempo homogêneos, tendo por regra a simples e única regra da Liberdade, da autonomia, e da capacidade para viver a confiança direta no conjunto dos seus corpos e no conjunto das suas Dimensões, desde o átomo (assim denominado nesse mundo de carbono) até a A FONTE.

***



A personalização, ligada ao confinamento, é uma identificação com uma ilusão.
Esta identificação com a ilusão criou regras e leis que lhes são próprias, tendo sido aplicadas em meio a este confinamento e tendo excluído dos cálculos da ciência tudo o que está ligado ao que foi denominado pelo ser humano, o não conhecido, o negro ou a não existência.
Tudo está invertido em uma matriz falsificada: o que é denominado Sombra, é Luz.
O que é denominado Luz, é Sombra.
A partir do momento em que o olho se coloca sobre esta Terra exterior, ele se afasta cada vez mais da sua Terra Interior.
Esta Terra exterior é conhecida como perigosa, é o que é observado no Cosmos, em relação ao que vocês chamam de ‘ausência de Luz’: os buracos negros ou, por exemplo, o vazio que é de fato apenas vazio na sua mente, ao passo que são vocês que estão vazios porque vocês estão projetados no exterior de algo real.
Há então uma inversão, inversão total situando-se também tanto no nível do espaço como do tempo, como até mesmo do princípio de manifestação da Consciência.
O princípio de projeção em um eixo falsificado, tendo sido realizado por algumas Consciências denominadas Administradores (arcontes), permitiu, de alguma forma, criar as próprias leis aplicáveis exclusivamente em meio ao confinamento.
Essas leis, vocês as conhecem, elas estão ligadas à velocidade máxima da luz, como observada neste Universo.
Este confinamento tem apenas um objetivo, é o de se manter ele mesmo através de uma série de regras confinantes, denominadas limitação, denominadas, em outros termos, gravitaçãoeletromagnetismo, privando-os da Graça, ou seja, do acesso aos mundos Supra Luminosos.
Os Mundos Unificados são, sem exceção, Supra Luminosos, mesmo os Mundos em Carbono.
Existem matrizes Verdadeiras, em carbono, totalmente livres e totalmente autônomas.
Vocês têm um exemplo, atualmente, no seu espaço / tempo, pela intervenção das matrizes de carbono das estruturas Vegalianas, penetrando e perfurando a sua ilusão.
Isso se tornou possível pela Fusão dos Éteres, mecanismo de penetração da Luz Azul, restabelecendo a continuidade entre a matriz de carbono falsificada e as matrizes Verdadeiras.
O que foi visível, em seus Céus, denominada Espiral Azul, denominada Luz Azul, é apenas a concretização e reordenação desta solução de continuidade Dimensional.
O ser humano é levado a passar da Terra exterior para a Terra Interior.
É exatamente o que realiza, hoje, os seres vivendo o que é chamado de Coroa Radiante do Fogo do Coração, de Coroa Radiante do Fogo da Cabeça ou de Triângulo do Fogo ao nível do Sacro, permitindo restabelecer (através do que foi denominado Fusão dos Éteres) a Multidimensionalidade, isto é, uma matriz Verdadeira.

***


Esse corpo é então levado (enquanto sistema de projeção induzido por um eixo falsificado denominado Atração e Visão) a desaparecer, totalmente, a fim de pôr fim à matriz dita falsificada, permitindo então desvendarviver e manifestar, a matriz Verdadeira.
A matriz Verdadeira, por definição, não pode coexistir com uma matriz falsificada.
Somente os constituintes podem permanecer os mesmos.
Os ‘Anjos do Senhor’, chamados para intervir de maneira cada vez mais ampla no seu mundo, pertencem a uma matriz de carbono Verdadeira.
Eles vêm então, por uma analogia Vibratória ligada ao carbono, introduzir-se na sua realidade tridimensional alterada e perturbada, permitindo-lhes passar da Terra exterior para a Terra Interior.
Essa passagem da Terra exterior para a Terra Interior não é simplesmente um mecanismo de visão, mas refere-se à realidade da vida em meio às atmosferas planetárias dos mundos Unificados.
Vocês vivem no exterior do Interior, vocês vivem na superfície da Terra, mas vocês não vivem no Interior da Terra.
Os mundos multidimensionais não são no exterior, eles são no Interior, o que quer dizer que vocês irão passar da Terra exterior para a Terra Interior, quer seja neste planeta, em sua nova Dimensão, ou no seu mundo estelar de origem.
Ser-lhes-á feito, muito exatamente, segundo a sua Vibração.
Passar da Terra exterior para a Terra Interior é a ‘alquimia’ que vocês vivem, neste momento, e que encontra a sua conclusão na alvorada do último dia.
Fusão dos Éteres, revelação da Luz Azul, instalação da Luz Branca e retorno em meio à matriz Verdadeira.

***



Paralelamente a isso, a matriz de carbono da Terra, por um mecanismo de evolução, qualificado de lógico, passará de um sistema de carbono para um sistema de silício, sem entrar nos detalhes de química ou de alquimia.
A passagem do carbono para o silício refletir-se-á por qualidades Vibratórias, por qualidades de transparência e por qualidades de retorno ao ilimitado, permitindo-lhes, em um momento, ser uma Consciência em meio a esse novo corpo, como uma Consciência em meio a A FONTE, ou ainda uma Consciência em meio a todas as matrizes Verdadeiras, e ali passar, de maneira totalmente consciente e livre.
Para isso, é preciso que o caminho AL-OD, a fundação, o OM, seja estabelecido.
A fundação não é mais a estrutura em carbono, mas a fundação será a estrutura em silício se fixando e ilustrada pelo que é chamado de 8º Corpo, o ponto OD, que é a passagem da antiga Terra para a nova Terra ou, se vocês preferirem, da Terra exterior para a Terra Interior, denominada também nascimento do embrião Crístico.
O eixo AL-OD permite fechar o círculo.
Fechando o círculo, isso desfaz o seu confinamento, permitindo-lhes reencontrar a linearidade e a não curvatura do espaço / tempo, tal como existiu em meio à falsificação.
É o que descobre atualmente a Consciência do ser humano começando a viver a sua própria transparência e o seu próprio retorno à sua Eternidade.
Isso foi denominado, em termos metafóricos, a passagem da lagarta para borboleta.
Eu denominaria isso metamorfose, metamorfose alquímica, fazendo-os passar de uma forma a outra forma, de um confinamento para a liberdade e para a autonomia mais total.

***


Esse processo acontece, em vocês, nesta Terra exterior como em meio à Terra Interior, mesmo se vocês ainda não conhecerem isso, realizando assim o que A FONTE denominou o Juramento e a Promessa, realizando o que os Anciãos, bem antes deste confinamento, prometeram realizar, durante o retorno da Luz e durante o retorno da Liberdade.
Reencontrar a Liberdade necessita de ali crer, não enquanto crença, mas enquanto suposição: “E se este corpo que eu estou não for real? E se o que eu digo não for real, então o que permanece? O nada ou outra coisa?”.
Esta suposição que é, de fato, uma pergunta, vai conduzi-los a viver o mecanismo denominado Abandono à Luz, porque não se trata de uma substituição de uma crença por outra crença, mas, bem mais, da passagem de uma crença para uma suposição que vai levá-los para a sua Liberdade.
É preciso, agora, aceitar deixar morrer o limitado, para reencontrar o ilimitado.
A única porta e a única chave são o seu próprio Coração.
Nós estamos aí para acompanhá-los, Umas e Outras, Uns e Outros, sejam quais forem os meios que nós empregarmos.
Quer sejam as Embarcações de Luz, quer seja a própria Luz Azul, quer seja a própria Luz Branca, quer seja a nossa Presença (nesse canal ou em outros locais), sempre com um único e mesmo objetivo: restituí-los à sua Liberdade Dimensional.
Vocês não podem pretender à Luz e à Liberdade Dimensional, mantendo esta forma na qual vocês estão confinados.
Isso passa, evidentemente, por uma mudança de status Vibratório, por uma mudança de status de identidade, por uma mudança de status de todas as regras ambientais da sua Terra exterior, permitindo-lhes, pela desertificação desta Terra exterior, passar, em Verdade, em meio à sua Terra Interior.

***


Esse mecanismo é seguido ao pé da letra, ele não é uma visão simbólica, mas uma visão real dos mecanismos que acontecem atualmente sobre esta Terra, refletindo-se pelo fim da curva do confinamento, desatrelando a Terra, explicando que esta Terra vai passar de um raio de cerca de seis mil e alguns quilômetros, para mais de dez mil quilômetros.
Explicando que o confinamento do próprio Sol, dando esta visão de um Sol alaranjado, transforma-se hoje na visão de um Sol branco, tornando-se, no final, após a transmutação transitória, no que foi denominado um super gigante vermelho em um ‘Sol azul’, refletindo a filiação deste Sol com seu Sol original que é Sirius, em ressonância direta com a Luz Azul.
Tudo isso é vivido em vocês antes de ser vivido no exterior.
Lembrem-se de que vocês estão em uma projeção limitada, limitante e confinante.
Portanto, o que se deixa ver aos seus olhos, durante este período ligado aos mecanismos de emergência da Luz Azul, como da emergência dos ‘Anjos do Senhor’, corresponde, integralmente, à sua revolução Interior de desatamento permitindo-lhes reencontrar o ilimitado, a fim de sair do limitado.
Isso passa, de maneira absoluta, pelo desaparecimento total desta Terra exterior, já que a Terra é chamada (e ela respondeu ao apelo) a passar de uma dimensão a outra e de deixar a dimensão de confinamento para reencontrar a sua nova forma, ela também.
É isto que é chamado de metamorfose.
Se nós tomarmos o exemplo da libélula que passa do estado de larva para o estado de libélula, abandonando uma carcaça que está morta e que não suporta mais a vida (porque aprisionada em um espaço / tempo de Dimensão ainda mais inferior do que a 3ª Dimensão dissociada), é exatamente esse processo de metamorfose ligado à alvorada do novo dia que vocês estão prestes a viver, refletindo-se, para vocês, pela ignição das suas Estrelas, pela redenção das Cruzes Mutáveis, e pela ativação da Merkabah Interdimensional, coletiva e pessoal, permitindo-lhes Vibrar em uníssono com a Luz Unitária, até vocês se identificarem com a Luz que é, ela mesma, Liberdade Absoluta e Inteligência Absoluta, tal como ela se desvenda nos seus Céus, apesar da falsificação, chamada de Via Láctea, chamada de Inteligência Criadora, no seu sentido mais nobre.

***


A Inteligência Criadora fazem-nos passar de uma criação confinante para uma criação totalmente livre.
Isso foi expresso, de diferentes modos, por diferentes povos.
Vocês são criadores, mas, entretanto, não é porque vocês pensam em criar uma cadeira, um objeto, que isso se manifesta.
Isso existe, em outro Plano, mas vocês jamais irão vê-lo aparecer sobre a Terra exterior.
Isso é diferente para alguns impulsos procedentes de desejos e de projeções, aí também, levando à concretização de algo como, por exemplo: “quando eu crescer, quando eu for isso ou aquilo”, criando então uma intenção voltada para o exterior e refletindo-se pela criação e pelo encontro com o ideal projetado em meio a esta Terra exterior.
O processo acontecendo atualmente, esta alquimia da metamorfose, é profundamente diferente porque ela visa criar um novo corpo, uma nova Dimensão, uma Dimensão de Liberdade, passando, aí também, pelo desaparecimento da larva ou da lagarta.
A metamorfose é total, ela se refere aos corpos como a tudo o que é projetado sobre o olho exterior da Terra exterior.
A Terra exterior, aqui, em todo caso, é uma Terra não tendo qualquer realidade objetiva, trata-se de um confinamento tendo privado, por esta privação da Multidimensionalidade, o próprio acesso a uma matriz Verdadeira.
A matriz falsificada deve então desaparecer, enquanto elemento de projeção exterior, sob a influência da visão Interior da sua Terra Interior, que não é outra senão o seu aspecto Interdimensional e Multidimensional.
Não há então que se alarmar, não há então que se assustar, porque o que vocês vão observar no exterior, durante o mês de maio, irá acontecer, evidentemente, de maneira sincrônica, no interior do seu corpo.
O que significa que o que se dissolve no exterior, irá se dissolver no exterior do que vocês são (ou seja, nesse corpo projetado), então por intermédio da visão, enquanto realidade tangível e que é, no entanto, totalmente intangível nos mundos Unificados.

***


Isso ao que vocês são chamados então a viver, de maneira concomitante, simultânea e perene: a ‘metamorfose’ e o ‘choque’.
Se o choque for aceito, a metamorfose irá ocorrer cada vez mais depressa, liberando-os então da larva ou da lagarta.
Esse processo não está estabelecido, de maneira sincrônica, para o conjunto da humanidade.
Ele deve acontecer segundo um tempo particular, durante um certo tempo em meio ao confinamento da matriz falsificada, devendo levar a uma ignição progressiva dos países, dos continentes e das almas, permitindo transmutar a Consciência, ao mesmo tempo que a Terra, sobre esta nova Terra denominada ‘Terra Interior’.
Esse processo faz frente a certo número de resistências, essas resistências não estão tão ligadas à resistência à Luz, mas, bem mais, à resistência oriunda do confinamento, ele mesmo tendo privado este confinamento da Luz.
Vocês então não são, nem responsáveis, nem culpados, seja do que for.
É para isso que vocês não devem se identificar com as suas próprias resistências, mas simplesmente aceitar olhá-las face a face, não para querer fazê-las desaparecer, não para querer transmutá-las, mas simplesmente olhá-las transmutarem-se elas mesmas na alvorada do novo dia, permitindo-lhes então, gradual e progressivamente, passar da Terra exterior para a Terra Interior.
A Terra Interior não tem, de qualquer maneira, a mesma gama de frequência que a Terra exterior.
Nesta Terra Interior, vocês são criadores, mas contrariamente à Terra exterior, a criação far-se-á, o que vocês podem denominar, hoje, de maneira instantânea.
Vocês irão criar, nesse mundo Interior, instantaneamente (transcendendo o tempo e o espaço), a sua própria realidade.
Vocês passam então de uma criação temporizada, confinada e confinante, para uma criação procedente da Liberdade e da Autonomia.
Esta criação instantânea será, na totalidade, realizada antes do final deste ano.
Vocês tornar-se-ão então, efetivamente, o que vocês tiverem criado, quer seja o seu Corpo de Estado de Ser ou ainda o que vocês tiverem projetado, não mais no exterior, mas, desta vez, no Interior da Eternidade.

***


Assim, portanto, através do que eu acabo de lhes dizer, tomar-se-á um relevo especial as palavras de CRISTO quanto ao julgamento, à medida com a qual vocês julgarem:vocês serão julgados porque vocês irão se tornar criadores da sua própria realidade.
Tornar-se criador não é uma visão da mente, mas é a realidade de um ato Consciente de qualquer um que é livre e autônomo e isso ocorre fora do espaço / tempo como é conhecido neste mundo.
Todos vocês são chamados, sem exceção, durante este mês de maio, a tornarem-se criadores da sua nova realidade.
Criar a sua nova realidade consiste em aceitar, antes de tudo, se desfazer da sua antiga realidade, aprisionadora e confinante.
Vocês não poderão manter uma forma e a outra.
Vocês deverão escolher entre uma forma e outra forma.
Não há outra possibilidade.
Vocês devem se preparar para viver a ressurreição.
Esta ressurreição não é uma palavra em vão: vocês irão ressuscitar na Verdade da Luz criadora, instantânea, da sua Verdade, porque, neste mundo, vocês estão submissos às ‘leis de confinamento’ denominadas gravidadegravitaçãobem e mal.
No entanto, nos Mundos da Unidade, vocês se tornam Criadores e Cocriadores de Universos, de maneira instantânea, imediata.
Isso significa que vocês não poderão ser, às vezes, um e outro.
Isso se denomina uma passagem.
Essa passagem que eu chamei de metamorfose, não é a passagem para a morte, mas é a passagem para a verdadeira Vida.
É, de fato (como isso lhes foi dito), quando vocês estão confinados nesta Terra exterior, quando vocês estão confinados nos limites deste corpo, que vocês estão mortos.
Por outro lado, a criação é perfeita.
Desde a sua origem, ela é subtendida e sustentada pela Luz, mesmo quando ela estiver falsificada.
O que explica que o que vocês observam deste mundo, como lhes disseram algumas Estrelas, algumas das minhas Irmãs, como, por exemplo, SNOW que lhes fala da natureza, pois a natureza é perfeita: mesmo no seu confinamento, ela manteve a ligação com A FONTE, o que não é o caso da Consciência humana, e ela é perfeita: ela obedece ao seu programa de vida, mesmo em meio ao confinamento.
Somente o ser humano não pode realizar o seu programa de vida, no confinamento, por uma razão que é muito simples, é justamente pela perda da Multidimensionalidade, pela perda da Autonomia e pela perda da Liberdade, resultantes do seu próprio confinamento.
É preciso então, literalmente, extraírem-se da ilusão para penetrarem na Verdade.
Isso foi expresso por muitos ensinamentos, vivenciados por muitos adeptos da Unidade (e não adeptos de uma pessoa qualquer), em diversas práticas existindo nas diferentes correntes tradicionais ou mesmo religiosas deste planeta.

***


Vocês são levados, individual e coletivamente, a acompanhar a Terra, da sua passagem de Terra exterior para Terra Interior, de uma Terra dissociada para uma Terra Unificada, onde o carbono será substituído pelo silício e pela sílica.
Essa passagem necessita de uma alteração de estado Vibratório, de uma metamorfose, da passagem de um estado a outro, de um renascimento, de uma ressurreição.
Vocês entraram (e vocês irão entrar de maneira ainda mais formal) nos tempos da ressurreição.
Nós os convidamos, Umas e Outras, Uns e Outros, o conjunto da Confederação Intergaláctica dos Mundos Livres, a encararem os fatos.
Então, obviamente, muitos seres humanos, muitos Irmãos e Irmãs não conhecendo esta realidade (e não podendo conceber qualquer evolução nos limites deste mundo), não poderão aceitar a Autonomia e a Liberdade.
Não cabe a vocês fazê-los mudar de opinião, vocês apenas podem propor, sobretudo sem palavras, mas unicamente pela sua qualidade Vibratória, pelo acesso à sua própria Terra Interior, pelo acesso ao seu próprio Fogo do Coração.
Vocês tornar-se-ão, como disse o Arcanjo MIGUEL, não mais unicamente Semeadores da Luz, mas Estandartes da Luz que permitem à Luz se manifestar.
Não há outra maneira de aceder à sua Unidade.
Todo o resto apenas seria, de novo, uma falsificação e uma manutenção da Terra exterior em detrimento da sua Terra Interior e, então, uma manutenção da sua Consciência, por vocês mesmos, em meio ao que é chamado de matriz de carbono, não mais confinada nem confinante, mas, entretanto, limitada pelo próprio fato das suas adesões a uma série de crenças limitantes e confinantes.

***


O que está chegando é totalmente novidade e totalmente novo.
Muitos de vocês, não tendo tido acesso ao Estado de Ser, não podem sequer imaginar o que pode ser a criação instantânea e, no entanto, vocês irão vivê-la e isso, eu repito, antes do fim deste ano 2011.
Vocês apenas têm, progressivamente durante este mês de maio, que penetrar, cada vez mais, nos mistérios da Terra Interior.
Lembrem-se: a Terra Interior não é clarividência, a Terra Interior não é qualquer imagem nem qualquer coisa podendo ser elucidada pela visão exterior.
Somente a visão do Coração lhes permite, pela Vibração e especialmente pela qualidade do seu humor, devendo se expressar pela Alegria e pelo acesso mais ou menos profundo ao obscurecimento da sua Consciência comum, refletindo-se por fases de letargia e de sono, que refletem, de fato, a sua passagem da Terra exterior à sua própria Terra Interior, mesmo se vocês não tiverem a percepção consciente disso.
Vários seres humanos, Irmãos e Irmãs atualmente encarnados, já vivem essas primícias refletindo-se, durante os seus dias, por sensação de obscurecimento ou de não mais estarem presentes e, efetivamente, é exatamente isso que ocorre.
Não mais estar enraizado não significa estar desconectado da vida.
Não mais estar enraizado na ilusão permite enraizar-se na Liberdade e na Autonomia.
É a única maneira que vocês têm de percorrer a sua Terra Interior e de tornar-se criador do seu próprio mundo.
Tudo o que é projetado, tudo o que é visto com os olhos, é uma visão falsificada neste mundo, a tal ponto, e como isso lhes foi dito por um dos Comandantes da Frota e das Tropas Vegalianas manifestando-se, hoje, nos seus Céus e na sua Terra, pois eles colocaram, eles são obrigados, para vê-los, a colocar óculos nos olhos, que vocês, vocês denominam negros, que são, de fato, óculos iluminadores para eles, permitindo a eles vê-los na ilusão, porque vocês estão fora da manifestação e fora da vida.
Vocês existem.
Etimologicamente, existir é “ex-stare”, ou seja, “estar fora de”.
Vocês estão, efetivamente, fora da Vida e fora da Verdade, mas vocês estão tão acostumados a isso que, para vocês, isso se tornou a Verdade do Ser, então isso é apenas a existência, ou seja, o que fica fora da Verdade, que fica no exterior e não no Interior.

***


Autonomia e a Liberdade podem efetivamente dar medo.
Como o IRMÃO K perfeitamente disse a vocês, uma vez passado o ‘choque da humanidade’, ser-lhes-á conveniente estabelecerem-se para tornarem-se o criador da sua própria Autonomia e da sua própria Liberdade.
OD.
Eu sou o ponto do Triângulo da Terra, zona particularmente ativa, porque ela compreende, ao mesmo tempo, ao nível dos pontos laterais, o Filho Ardente do Sol, KI-RIS-TI e, do outro lado, justamente, o que era fator de confinamento, isto é, a VISÃO.
KI-RIS-TI, Filho Ardente do Sol, em vocês, convida-os a ultrapassar a VISÃO para penetrar nas novas fundações, nos novos fundamentos.
O novo OM, estabelecido no 8º Corpo, denominado também a ‘Porta Estreita’, o momento em que vocês nascem, o momento em que vocês ressuscitam, passando do ego ao Coração, realizando o Alfa e mantendo o Ômega.
É a isso que vocês são chamados, é a isso que vocês devem ressoar, se o Coração lhes disser.
Se o Coração não lhes disser, então, continuem no seu caminho, na existência.
É a melhor maneira de estarem em concordância com vocês mesmos.
O acordo com si mesmo precede o acordo com o Si.
Viver o Si pode acontecer apenas quando há concordância entre as diferentes parcelas da personalidade, mesmo em meio à ilusão.
Passar da existência ao Ser, é passar da crença à Verdade, é não mais aderir a outra coisa senão à Verdade, é não mais supor, é não mais imaginar, é passar do imaginário ao imaginável ou passar, se vocês preferirem, do imaginário à imagem, à Verdade do que é Interior.
Passar do exterior ao Interior.
Passar do limitado ao ilimitado.
Alguns de vocês, tendo realizado as Núpcias Celestes, vivenciaram fenômenos de despertar Vibratórios.
Alguns levaram isso ao final: eles saíram da existência para penetrar no Ser.
Alguns mantêm ainda a existência, por medo, por negligência, por incompreensão.
O marcador da ‘passagem ao Ser’ tornar-se-á, durante este mês de maio, unicamente a capacidade para Vibrar no Som do Coração e no Canto do Coração, refletindo-se pelo Som ‘Si’, pelo Som do Céu e pelo Som da Terra, mesclando-se, para criar uma alquimia musical em seus ouvidos e criando também, se isso já não for fato, a Coroa Radiante do Coração.
Porque o Coração é a porta da saída da existência para penetrar no Ser.

***


Então, ao redor de vocês, as pessoas próximas, evidentemente, aquelas que não estiverem no mesmo contexto de referência e de vivência que vocês, não poderão aderir, de forma alguma, ao que vocês vivem.
Elas irão tentar, por todos os meios, sem exceção, reconduzi-los à sua visagem e à sua visão, porque vocês representam o pior, ou seja, a Liberdade.
Contrariamente ao que reclama a existência do ser humano, isto é, a Liberdade.
Esta Liberdade é algo que dá medo porque a liberdade é o infinito, porque a liberdade é perder o que é finito.
É perder a Terra exterior para penetrar na Terra Interior, é perder todos os pontos de referência estabelecidos e construídos na ilusão deste mundo.
É reencontrar-se sem orientação.
É viver e experimentar esta ausência de ponto de referência.
É passar do finito ao infinito.
É passar da estupefação ao despertar, é tudo ao que vocês estão engajados durante o mês que se abre a vocês.
Vocês têm, através do que vocês irão viver, no Interior de vocês como no seu exterior, os mesmos mecanismos que vão estar trabalhando.
Observem: onde colocarem os seus olhos, quer seja nos conflitos entre os seres humanos, em determinados locais do planeta, quer os seus olhos se voltem para os ciclones, quer os seus olhos se voltem para as terras que desaparecem ou para as terras que emergem, é exatamente o mesmo processo que eu denominaria de ‘Terra em formação’ que ocorre no Interior do que vocês são, no nível da sua Terra Interior.
Vocês estão prestes a criar a sua nova Terra.
A Terra está prestes a criar a sua nova Dimensão que já nasceu em outras Dimensões.
Resta simplesmente pôr fim ao limitado, pôr fim à Terra exterior.
É exatamente isso que está em via de ocorrer.
Então, é claro, segundo o olhar que vocês adotarem, ainda uma vez, isso poderá ser denominado catástrofeapocalipse ou liberação.
Cabe a vocês escolherem, cabe a vocês criarem a sua realidade.
As novas fundações se apoiam na luz redirecionada AL-OD e no Aqui e Agora, a primeira Cruz Fixa revelada há agora vários meses, no ano passado, no mês de agosto, pelo Senhor METATRON.

***


Como vocês sabem, Senhor METATRON retorna agora, a pouco mais de duas semanas do seu tempo, para manifestar a nova Terra.
Cabe a vocês, em vocês, manifestarem esta nova Terra, a fim de acolherem as últimas Chaves representando o acesso à sua nova Dimensão, então o acesso à sua Liberdade e à sua Autonomia.
O eixo AL-OD, como os outros eixos presentes na sua cabeça, vão permitir-lhes realizar esse trabalho de transparência total à Luz a fim de criar a sua nova realidade, a fim de sair da existência para entrar no Ser (ndr: ver o Protocolo “As 12 Estrelas de Maria”) (2).
Novamente, a Luz dá medo.
A Luz, entretanto muito desejada pelo homem, é chamada, pelos seres humanos, de irradiações Gama.
Essas irradiações Gama, vindas do Cosmos, assim como diversas partículas denominadas exóticas, estão prestes a se manifestar, de maneira cada vez mais intensa, ao mesmo tempo sobre o último envelope isolante denominado ionosfera, mas também sobre o solo desta Terra.
A ação dessas irradiações Gama, e dessas partículas denominadas exóticas sobre a Terra, permite à Terra cantar.
A Terra canta, ela vai cantar em locais cada vez mais importantes, sobre esta Terra, até o momento em que esse Canto da Terra tornar-se global sobre o conjunto da Terra, ao qual vai corresponder o Canto do Céu que não é outro senão o Canto do Sol transformando-se em ‘super gigante vermelho’ antes de reencontrar a sua dimensão de Sol Azul.
Isso corresponde ao que foi denominado, pelos Maias, a passagem da quinta raça raiz para a sexta raça raiz.
O Sol, de alaranjado, tornar-se-á azul.
Vocês são levados a viver isso.
Nós os acompanhamos.
Se vocês não quiserem vivê-lo, então, naquele momento, permaneçam na sua Terra exterior.
Ninguém irá julgá-los, ninguém além de vocês mesmos vai decidir aonde vocês irão.

***


Eis as poucas palavras de que tinha para falar em função do ponto OD que, eu recordo a vocês, está envolvido com KI-RIS-TI e com VISÃO.
KI-RIS-TI, CRISTO interior, Terra Interior, vindo pôr fim ao processo da Visão exterior ocular para substituí-la pela Visão do Coração, como foi definido por NO EYES.
Cada uma das minhas Irmãs que vocês conhecem irá se expressar, durante o período que vocês vivem aqui, dando-lhes, a cada vez, elementos complementares permitindo-lhes decidir, com todo conhecimento de causa, o seu futuro na existência ou no Ser.
Uma série, não mais de ensinamentos, por que eles terminaram, mas de capacidades para colocarem em ressonância, vocês mesmos, a sua Terra exterior e a sua Terra Interior, será comunicada por diferentes intervenientes, nos próximos dias, permitindo-lhes, assim que o eixo AL-OD estiver definido, redefinir algumas Estrelas, quanto à sua capacidade para Vibração, e permitir-lhes viver essa passagem da existência ao Ser, da Terra exterior à sua Terra Interior.
Existem em vocês perguntas com relação ao que eu acabo de dizer?

***


Nós não temos perguntas, nós lhe agradecemos.

***


Então Irmãos e Irmãs, presentes em nós como presentes no outro (o outro que é como nós, não conscientizado), vivamos, juntos, a Graça da nossa Liberdade, da nossa Autonomia e da nossa Conexão.
Uma Estrela lhes diz até uma próxima vez.



************
1 - 'YOGA INTEGRATIVO' [Protocolo]
*
2 - 'AS 12 ESTRELAS DE MARIA' [Protocolo]
***


Mensagem da Amada ANNA no site francês:
28 de abril de 2011
(Publicado em 29 de abril de 2011)

***


Tradução para o português: Zulma Peixinho

************


Gostou? Compartilhe esta publicação nas redes sociais

0 comentários:

Postar um comentário