COLETÂNEA: OS ÚLTIMOS SERÃO OS PRIMEIROS, E OS PRIMEIROS SERÃO OS ÚLTIMOS - AUTRES DIMENSIONS

Clique aqui para comentar esta publicação





Nota MA: A Coletânea foi atualizada.

Mas, então, é preciso ir atrás do que o faz Vibrar, não daquilo que lhe traz um conhecimento sobre a origem do mundo e sobre tudo o que nós pudemos dizer durante esses anos.
Mas, sobretudo, em você (não pela intuição ou pela razão, vá além das palavras, aí também, e da lógica), o que o faz Vibrar, o que o mobiliza, em um primeiro momento. E depois, assim que você tiver encontrado o interruptor que liga você e que o faz Vibrar, naquele momento, as coisas seguirão sozinhas.
Então, é claro, vocês têm sido acompanhados, durante esses anos, por muitos, muitos exercícios de Yoga (que lhes foram dados por UM AMIGO), com cristais (que foram comunicados, há alguns anos, por RAMATAN) e cujas retransmissões são apoiadas, hoje, por ANAEL e por outros, com relação a algumas utilizações dos cristais (ndr: ver a coluna “protocolo a praticar”).
Certamente não para curar, mas para aumentar o nível Vibratório, para atingir o Si e, se você se decidir por isso, para Abandonar o Si.
Mas isso pode ocorrer instantaneamente.
E nós sempre lhes dissemos que os primeiros seriam os últimos e que os últimos seriam os primeiros, em todos os sentidos da expressão.
E, hoje, há Irmãos e Irmãs que se abrem como flores.
Na véspera, eles estavam em suas situações materiais, afetivas, espirituais e, da noite para o dia, eles vivem uma Vibração, uma Consciência diferente que os faz alterar completamente.
Isso é também a oportunidade desses tempos especiais.
AIVANHOV – 24/11/12

Estejam certos de que nesta fase específica, cada consciência, cada ser humano, cada átomo, cada animal desta Terra, como dos planos paralelos da Terra (constituídos de mundos que se enredam com o seu, mas que nada têm a ver com o de vocês), estão perfeitamente lúcidos sobre o que acontece.
As propriedades de liberdade da consciência e de experiências podem posicioná-los de forma oposta, e diferentemente, do que se desenrola em relação a esses prazos astronômicos.
No último momento do Encontro com a Luz, vocês irão perceber o que significa, realmente, esta frase: “os últimos serão os primeiros, e os primeiros serão os últimos”.
ANAEL -24/11/12

Os comportamentos humanos irão se tornar profundamente diferentes, fazendo perder, para alguns dos seus Irmãos e Irmãs, a sua beneficência, culminando em comportamentos totalmente incomuns.
De qualquer modo, muitas mudanças, muitos humores, muitas emoções.
E é aí aonde o seu fundamento, no Manto Azul da Graça ou na Onda da Vida, irá se tornar preponderante.
Este Apelo ao Despertar representa o que foi nomeado o Choque da Humanidade (ndr: ver em particular a intervenção de SRI AUROBINDO de 17 de outubro de 2010).
Alguns seres, mais sensíveis (e eu bem digo sensíveis, e não Despertos), irão captar, por antecipação, sem poder ali colocar palavras, uma série de elementos de transformação.
Para outros, enfim, o Apelo ao Despertar será vivenciado como um conto de fadas.
Onde, aí também, havia um antes e um depois, mas se traduzindo por uma abertura tal, que isso irá chegar à frase que foi dada: “os primeiros serão os últimos, e os últimos serão os primeiros”.
Alguns dos seus Irmãos e Irmãs humanos foram programados desta forma: eles programaram, eles próprios, para viver o Despertar total, pelo Fogo do Coração, nesses Últimos momentos.
GABRIEL – 21/08/12

Pergunta: você disse que você estaria aí para aqueles que se voltam para você a fim de fazê-los viver a União Mística. Mas desde três anos que eu chamo por você, nada acontece. Por quê?
Bem amado Filho, como você diz: “por enquanto”.
Você está com pressa?
Você sabe se esse é o seu tempo?
Você sabe se isso não corresponde ao que eu disse, há alguns instantes, hoje?
E depois, também, há um conceito capital, hoje, muito mais do que há três anos: você se Abandonou a mim?
Você se Abandonou ao que você É, além do primeiro nome que você carrega?
Você está pronto a tudo perder para nos encontrarmos, e para se encontrar?
Toda questão está aí.
Você não pode, no momento, como tantos outros, nos ouvir, nos sentir, porque nós não podemos nos aproximar daqueles que desejam atrair-nos, neles, em meio à sua pessoa.
Eu não digo que você seja isso, eu digo simplesmente que, talvez, para você, esse ainda não seja um bom momento.
Pode ser que, para você, haja ainda outras coisas para soltar.
Ou, então, pode ser que, para você, o momento ainda não chegou porque “os primeiros serão os últimos, os últimos serão os primeiros”.
Cabe a você se olhar e se ver.
A raiva nada resolve.
A raiva é tudo exceto o Abandono: a raiva é a persistência de uma personalidade, de uma oposição.
E eu falo a você desta raiva frente a você mesmo, frente a nós (não a raiva que pode ser manifestada de Irmão a Irmão ou de Irmão a Irmã em certas circunstâncias).
MARIA - 15/07/12

Vocês vão constatar, aliás, ao redor de vocês (por exemplo, em suas famílias, junto aos seus amigos), pessoas a quem vocês falam de tudo o que vocês vivem e que os olham como um louco.
E vocês irão constatar, com surpresa, que esses seres (que nada viviam, estritamente nada) que olhavam vocês como um maluco, vão viver a Onda da Vida.
Porque será que eles não a viviam?
Como nós sempre lhes dissemos, pode ser que esses seres tenham um Coração tão puro, tão pronto, que eles não tinham necessidade de fazer todos os exercícios que nós lhes demos, de praticar os yogas que nós lhes demos, de escutar (mesmo Vibratoriamente) tudo o que nós lhes fornecemos.
É o que dizia, já, o CRISTO: “os primeiros serão os últimos; os últimos serão os primeiros”.
Nós sempre lhes dissemos isso.
AIVANHOV – 24/03/12

O fato de ter-lhes dado o Yoga da Unidade, o Yoga da Verdade, são elementos que vão, como nós ainda lhes dissemos, diverti-los, ou seja, distrair, de algum modo, o ego (não vejam, aí, tampouco, noção pejorativa).
É preciso ocupar o ego para fazer outra coisa do que se voltar, assim, sobre ele mesmo, de maneira rotineira.
Portanto, isso são estratégias, se vocês quiserem, que vão levar, pouco a pouco, o ego a soltar, a soltar o frasco que tem os amendoins, como eu dizia.
Em seguida, talvez, aceitar ver as Sombras.
Depois, colocá-las sob o tapete.
Depois, retirar o tapete.
E para, em última análise, aperceberem-se de que tudo isso era uma máscara.
Mas, o ego adora desempenhar papeis e funções.
E isso é normal.
Portanto, não havia outra estratégia que permitisse, para o conjunto da humanidade, realizar o que SRI AUROBINDO havia dito, ou seja, a descida do Supramental.
Há, hoje, muitos seres humanos, nos caminhos espirituais, que leram, por exemplo, sobre o Supramental.
Mas vocês não podem viver o Supramental compreendendo intelectualmente o que é o Supramental.
Há uma etapa indispensável que é o Abandono: o Abandono à Luz e, depois, o Abandono do próprio Si.
Então, se vocês não sabem o que é o Si, se o seu ego não contemplou a Luz, como vocês querem deixar algo que vocês nem mesmo sabem reconhecer?
Hoje, isso é diferente.
Isso corresponde ao que havia dito o CRISTO: “os primeiros serão os últimos; os últimos serão os primeiros”.
Hoje, há seres que vão viver esta Onda da Vida e, então, o resultado é o Casamento Místico que faz transcender toda carne, que faz Ascensionar toda carne.
Se vocês quiserem, é um processo extremamente dinâmico e que é lógico, porque a Luz é lógica.
Não é qualquer coisa: ela é Inteligência, nós sempre lhes dissemos.
AIVANHOV 17/03/12

Nada há de mais natural do que a Eternidade.
O que não era natural, obviamente, eram as condições de vida sobre este mundo.
Não é este mundo que não é natural, é o que foi retirado deste mundo que não é natural.
O retorno do natural acompanha-se de marcadores: esses marcadores foram desenvolvidos longamente a vocês, eu não voltarei ali.
Mas, além de viver, ou não, esses marcadores, o mais fundamental é fazer o Simples e de modo breve.
Como outros intervenientes lhes disseram, é preciso realmente felicitar o conjunto das Consciências, a Unidade, a FONTE, a Obra que foi realizada e que permitiu, de algum modo, ter atrasado e diluído vários elementos que tinham sido vistos pelos profetas, dados pelo CRISTO ou por outras tradições, referentes a este tempo específico que termina.
Vocês estão, de alguma forma, além da participação, agora, dos processos coletivos.
Há muito tempo Ele disse: “os primeiros serão os últimos”.
Se, até hoje, vocês nada perceberam do que aconteceu, diga-se bem que esse é o seu justo lugar e que, vocês também, da mesma maneira que os Coroados, são Abençoados.
PHILIPPE DE LYON - 17/03/12 

Lembrem-se do que dizia CRISTO.
Ele dizia que no fim dos Tempos, seria muito mais fácil um camelo passar pelo buraco de uma agulha, do que um rico.
E que o Reino dos Céus estava aberto às crianças, que era preciso tornar-se como uma criança.
Aquele que viu a Luz, e que se construiu segundo o que nós lhes dissemos, atuou, talvez, bastante bem no jogo da Luz.
E, então, ele se espelha em uma projeção que não é mais ele mesmo, mas que é, ainda, uma projeção, que é a projeção da Luz.
Ora, não há nada a projetar na Luz, porque é o que vocês São.
A Luz é considerada como exterior.
É uma etapa, muitas vezes, indispensável, principalmente no Ocidente.
Por outro lado, também foi dito que “os últimos serão os primeiros”.
Isso quer dizer que aqueles que não vivenciaram as Coroas Radiantes, os Apelos da Luz, os Alinhamentos, as meditações, todos os trabalhos que nós lhes demos, o Yoga da Unidade, etc., etc., paradoxalmente, aqueles são mais capazes de se tornar como crianças, ou seja, Abandonar-se à Onda da Vida que eles são realmente.
Isso é um mistério, para vocês, desse ponto de vista.
Mas tudo isso se esclarece no momento em que vocês passarem, em nível de consciência, além da Consciência, de qualquer limite, de qualquer forma, ou seja, quando vocês tocam e vivem, realmente, o Absoluto.
Não antes.
AIVANHOV – 10/03/12

Eu não tenho outro encontro a dar-lhes senão aquele de vocês mesmos com vocês mesmos, na Comunhão, na Unidade e na Eternidade.
O conjunto das estruturas que eram úteis para estabelecer e restabelecer o seu Estado de Ser, aqui mesmo, aí onde vocês estão, está, doravante, estabelecido permanentemente.
Então, para aqueles de vocês que não têm a percepção nem a Consciência, eu lhes peço para preservar, em alguma parte gravada em vocês, o que lhes disse, também, o meu Filho: “os últimos serão os primeiros”.
Então, tenham Fé e Confiança no que vocês São e não no que lhes diz a sua cabeça, e não no que lhes dá a refletir o seu mental.
Sejam Humildes, sejam Simples e o Amor será sua Presença, sua Graça e sua Eternidade.
MARIA - 01/03/12

Pergunta: é possível avançar para o Abandono à Luz sem viver estados específicos de Consciência?
Então aí, cara amiga, eu a remeto ao que dizia o Arcanjo MIGUEL, no encerramento das Núpcias Celestes (é, também, o que dizia o CRISTO): “os últimos serão os primeiros”.
Porque, mesmo o seu mental, sem ter vivenciado processos Vibratórios extraordinários, sem ter vivenciado deslocalizações de Consciência, tem, nele, em alguma parte, uma certeza Interior, é claro.
Isso está além da crença.
os últimos serão os primeiros: eu não posso lhe dizer melhor.
A única coisa a observar, hoje, é dar atenção ao que isso é, realmente, a Presença e não o ego.
Isso é tudo.
E a Presença está além da própria Vibração.
Aivanhov – 30/01/12 

Questão: poderia desenvolver sobre a frase «os últimos serão os primeiros...»?
Oh, é muito simples.
Os primeiros a terem sido despertos, a despertarem-se, seja no início dos Casamentos Celestes e mesmo muito mais tempo antes, porque a Energia do Espírito Santo começou a efusionar-se sobre a Terra em 1984, isso não data de hoje.
Foi a época, aproximadamente, em que nós morremos, ao nível dos Servidores, dos Melquisedeques.
Isso quer dizer o quê?
Isso quer dizer que os mais antigos, vocês são os primeiros, vocês permanecem até o último momento.
E, em contrapartida, como vocês o constatam hoje, há seres que se abrem agora, que são os últimos a abrirem-se, porque, como disse Maria, é o último mês da Graça, os últimos instantes da Graça e estes serão os primeiros a partir, simplesmente.
Não é uma noção de primeiros e últimos da classe, hein?
É simplesmente: aqueles que foram os primeiros despertos serão aqueles que são mais capazes de suportar, no sentido Vibratório, a Luz.
E, portanto, acolher essa Luz, desde o tempo, em quantidade cada vez mais importante.
Enquanto aqueles que vão abrir-se nos últimos instantes da Graça vão fazê-lo de modo extremamente brutal.
A evolução dos seres, dos primeiros e dos últimos, não é a mesma.
Isso não quer dizer que os primeiros sejam mais fortes, hein? Eu não disse isso.
Aïvanhov – 16/05/11

Pergunta: a utilização de cristais é ainda útil hoje?
Bem amado, não é possível responder, de maneira global, a esta pergunta.
Cada consciência é profundamente diferente em seu Despertar à Luz.
Alguns, ainda uma vez, vivem a Graça sem mesmo ter pedido o que quer que seja.
E outros perseveram em certo número de elementos de busca, sem viver a Graça.
Cada ser humano é diferente.
A Graça apenas se vive quando os quatro Pilares do Coração estão instalados: Humildade, Simplicidade, Transparência e Pobreza.
Ninguém pode penetrar o Reino dos Céus se não se torna como uma criança.
Todo conhecimento esotérico, todo conhecimento (no sentido oculto) é apenas uma projeção da consciência, em meio a esse mundo exteriorizado, e de modo algum uma interiorização da consciência.
Isso lhes foi falado, desde já alguns anos, pelo Arcanjo Jofiel, e confirmado por vários Anciãos: ninguém pode penetrar o Reino dos Céus pelo conhecimento porque o Conhecimento é Interior.
Todo conhecimento exterior é apenas uma projeção exteriorizada da consciência e jamais conduzirá à Luz e jamais à Unidade.
Ele os afasta, cada vez mais.
Os primeiros serão os últimos.
os últimos serão os primeiros.
Felizes os simples de Espírito, o Reino dos Céus a eles pertence.
Anael – 24/10/11

"Mas é também importante dizer que os estados que vocês podem viver (de maneira intermitente, no momento) conduzem-nos a experimentar e a aproximá-los desta Libertação, de maneira talvez mais fácil do que para aqueles dentre seus Irmãos e Irmãs que não estão interessados, ou que não estão ocupados, no momento, desta Revelação da Luz, da ativação do que é chamado dessas zonas energéticas particulares do corpo.
CRISTO disse: os últimos serão os primeiros, e os primeiros serão os últimos”.
Isso é uma Verdade fundamental, que faz com que, até o momento da Libertação, todo ser humano possa se voltar para seu Estado de Ser.
Desde que, é claro, se desvie de tudo o que é do fogo do ego, da consciência do ego.
Deste modo, nenhum ser humano pode determinar, ou condicionar, o caminho de quem quer que seja, até o término da Libertação, ou seja, até o desdobramento total e final do Supramental, que está agora em andamento."
Sri Aurobindo – 07/08/11

Quando eu falei do planeta grelha, o que é que desaparece?

É a Ilusão.
Então, por que preocupar-se pelo que é a Ilusão, dado que vocês vão descobrir, paralelamente, a Verdade?
Frequentemente, os Arcanjos, nós, os Anciões e as Estrelas dissemos que lhes será feito, exatamente, segundo sua Vibração.
Nós dissemos, também, muito frequentemente, que os primeiros serão os últimos e que os últimos serão os primeiros.
E que não seria necessário, jamais, julgar ninguém, porque um ser humano, até o extremo limite, podia decidir Ver claramente e aceitar o que era Visto claramente.
Então, é claro, isso não se faz na Alegria e no bom humor para toda a humanidade.
Seria uma mentira dizer-lhes isso.
Isso não vai se fazer assim, no contentamento o mais absoluto.
Mas vai provocar, é claro, certo número de atritos, tanto no interior como no exterior de vocês.
E, é claro, a atitude de cada consciência é diferente em relação a isso.
Há aqueles que não quererão (e aceitem isso) soltar o que eles têm, porque eles viverão mecanismos que, mesmo se há a iluminação da Luz, será, como vocês dizem, simplesmente demasiado para a consciência deles, o que quer dizer que eles viverão algo de abusivo.
Aïvanhov – 04/08/11

"Esses mecanismos que se produzem hoje são naturais, a tal ponto que seres que jamais viveram a menor percepção Vibratória, seriam colocados em alguma espécie em sono e vão se Linkreencontrar, de um dia para o outro, vivendo muito facilmente esta Consciência Supramental, ilustrando, aí também, as palavras muitas vezes repetidas: «os últimos serão os primeiros e os primeiros serão os últimos».
Isso vai lhes demandar, contudo, nos primeiros instantes, uma forma de vigilância específica.
Assim que vocês tenham localizado os momentos em que sua Consciência estabelece-se no Sat-Chit-Ananda do Maha-Samadhi, vocês terão então marcadores extremamente fiáveis do estado no qual vocês estão.
Vocês não poderão mais mentir a si mesmos e, sobretudo, ninguém mais poderá lhes mentir quando vocês mesmos estiverem estabelecidos nesta Consciência Unitária."
Sri Aurobindo – 20/02/11

Questão: poderia desenvolver sobre a frase «os últimos serão os primeiros»?Bem amada, isso pode ser compreendido e interpretado em diferentes níveis.
Os primeiros serão os últimos, ao nível Vibratório.
De fato, muitos seres humanos viveram a transformação que conduz a viver a Unidade, desde já quase 30 anos.
Eles são os antigos.
E, em contrapartida, hoje, há seres humanos, em número importante, que se despertam e aqueles que se despertam hoje, que são portanto os últimos, são os primeiros, porque eles serão os primeiros a aceder à Dimensão nova.
Os mais antigos dentre eles são aqueles que estarão encarregados de velar para o estabelecimento das novas regras de vida na nova Dimensão.Eles serão portanto chamados para se agruparem e para viverem reagrupamentos num tempo ulterior, a fim de recolher e de acolher os diferentes ensinamentos ligados às novas Vibrações da Luz nas Dimensões Unificadas.
Anael – 12/07/10

Questão: É o Conclave Arcangélico que decide o lugar do impacto Vibratório e a população em causa?Bem amado, nós podemos focalizar, como Arcanjos, uma emissão de radiações, focalizando como jogando com um focalizador, a fim de que o território seja mais ou menos amplo, mas trata-se, antes de tudo, de uma afinidade Vibratória, porque cada solo da Terra é portador de uma Vibração específica.
A Vibração de seu país, a França, nada tem a ver com a Vibração do Brasil.
Assim, portanto, há afinidade Vibratória real, sintonizada entre algumas irradiações e algumas partes desta Terra remetendo, com isso, à frase: "os primeiros serão os últimos, os últimos serão os primeiros".
Há Consciências, do mesmo modo como há territórios que estão, pelo momento, muito mais permeáveis do que outros para a recepção da Luz, em sua fase final.
Anael – 21/01/11

Questão: como ajudar àqueles que não chegam a viver as mudanças atuais?Mas nem todos vivem as mudanças, cara amiga.
Há seres que são refratários às mudanças, porque há o medo, porque há a incompreensão e porque há também certa forma de peso da Consciência que não está ainda desperta.
Então, é necessário continuarem otimistas, porque «os primeiros serão os últimos», não é? e «os últimos serão os primeiros».
Agora, a título pessoal, eu sei que isso pode colocar problemas, por exemplo, nas famílias, num casal, onde há um que evolui e o outro que não se move.
O que vocês podem fazer?
Vocês podem apenas ser vocês mesmos na Vibração e propor a Vibração.
Vocês não podem estar de modo algum na vontade pessoal de mudar o que quer que seja porque, naquele momento, vocês voltam a descer, vocês mesmos, na Dualidade.
E com que direito vocês vão querer que alguém vá para onde ele não quer ir?
Há seres que recusam a Luz, ainda hoje, sobre a Terra.
É a experiência e é também a liberdade deles.
Vocês não podem forçar ninguém, podem apenas propor.
Então, há seres que vão dizer: «eu quero, eu quero, eu quero». Justamente, não é necessário querer.
São talvez seres que estão demasiado na vontade.
Não falo daqueles que recusam a Luz, mas dos que querem a Luz e que não vivem a Luz.
Onde está o problema?
Vem da Luz?
Não.
A Luz da Unidade não é uma vontade, é um Abandono.
Ora, enquanto se estiver na vontade, não se pode viver o Abandono à Luz, inteiramente.
É tão simples assim.
Portanto, há vários casos.
Há seres que recusam a Luz por medo, incompreensão, ou qualquer outra razão e que recusarão até no limite, porque preferem permanecer na ilusão.
E é a liberdade mais estrita deles.
Há seres que estão numa diligência dita espiritual, mas ligada a Crenças, ligada a esquemas de funcionamento que estão totalmente ao oposto do Abandono à Luz.
A estes tampouco, vocês nada podem fazer.
Vocês podem apenas estar vocês mesmos na Luz, no alinhamento, na sua Presença a si mesmos e talvez, por simpatia, por sintonia, eles vão se abrir.
Há seres que recusam a Luz, ainda hoje, que dizem e que podem dizer: «como é que conta tolices, esse velho», e que, de um dia para o outro, vão abrir-se, porque a abertura não se decide mentalmente, ela se decide Vibratoriamente.
E, aí também, é necessário compreender que são gamas de Vibrações.
A Consciência fragmentária do ego é uma consciência pesada, extremamente limitada.
Basta que esta Consciência pesada, por vezes, se expanda um pouco, que a pessoa afrouxa-se, de modo que chegue a captar as Vibrações da Luz Unificada e, naquele momento, tudo vai se desencadear.
É necessário efetivamente compreender que os primeiros seres que foram abertos, nos anos 80, exatamente antes de minha partida, viveram transformações que duraram quase trinta anos.
E há hoje seres que desembarcam, pode-se dizer, mas que são muito novos.
Eles não têm crenças, não têm preconceitos, não têm vontades.
Eles são, como vocês dizem e como eu poderia dizer, «open» [abertos] e quando vocês são «open», tudo pode se produzir, o que não é o caso quando são fechados.
E não é uma questão de vontade, é uma questão, realmente, Vibratória.
Portanto, vocês nada podem fazer por aquele que não está pronto, é impossível.
Senão, vocês recaem, vocês mesmos, na Dualidade e vão sofrer imensamente, o que é o caso de muitos seres, hoje, que viveram fases de abertura e que, no último momento, recusaram a Luz porque tinham medo, simplesmente.
Portanto, recaíram na personalidade e na Dualidade, temporária ou definitivamente.
Mas isso não lhes concerne.
A única maneira de servir, e eu já o disse, a única maneira de ajudar, é irradiar o que vocês são.
Qualquer outra vontade de ajuda que viria do ego não vai no sentido da Luz e isso é talvez difícil compreender através de certos tipos de ensinamentos que os levaram na vontade de Bem.
A vontade de Bem não é a Unidade, ela mantém a oposição Bem/Mal, permanentemente.
Aivanhov – 19/02/11

"Foi dito: «os primeiros serão os últimos, os últimos serão os primeiros» porque aqueles que se abrem, hoje, para esta realidade da Consciência Unitária, vivem a totalidade do que vocês viveram (alguns desde 20 anos e outros desde os Casamentos Celestes) no espaço de um instante, revelando sua tripla Lareira de maneira instantânea.
Ainda é necessário, para isso, que a personalidade aceite apagar-se, morrer simbolicamente, porque não é a morte da vida, é, obviamente, o nascimento da vida que se acompanha e que acompanha a passagem da consciência fragmentária para a Consciência Unitária.
A Unidade não é um conceito.
A Unidade é uma vivência.
Essa vivência é Vibratória, a Consciência Unitária é Vibração, a Consciência Unitária é Inteligência absoluta, ela é compreensão e vivência.
Um Amigo – 12/02/11

Questão: que fazer quando se sente a Coroa da cabeça, mas não a do Coração?Oh, cara amiga, recorde-se de uma frase que é essencial: «os primeiros serão os últimos e os últimos serão os primeiros».
Há seres que têm a Vibração da Coroa Radiante da cabeça, que percebem a Cruz da Redenção, e mesmo as 12 Estrelas, para alguns, mas que não têm ainda a Vibração percebida efetivamente ao nível da Coroa Radiante do Coração ou do Triângulo Sagrado, com os pontos que correspondem ao Triângulo com ponta para baixo.
Recordem-se que o chacra do Coração é a porta de saída.
E, se abrisse-se a porta de saída, esses Seres que nada sentem, eles partiriam imediatamente.
Mas os Arcanjos disseram, e nós dissemos, que temos necessidade de vocês aqui, sobre a Terra, para manifestar e ancorar a Luz.
E, portanto, há Seres que são capazes de sentir o Coração e de irem à Existência e voltarem.
E outros, se lhes permitisse isso, obviamente, eles não permaneceriam sobre a Terra.
Há já seres humanos que começam, sobretudo entre os jovens, a partir assim, de só um golpe, partir e a transitar e a viver a Ascensão.
Mas a Luz instala-se sobre a Terra.
Vocês sabem que o Arcanjo Miguel disse, ele mesmo, que ele havia semeado e fundido a Terra e a Vibração Cristo, uma vez que ele disse que era, ele mesmo, Cristo/Miguel.
Vocês têm, vocês mesmos, que manifestar certo número de qualidades.
É necessário efetivamente compreender que os espaços Interiores, quando meditam, quando fazem a Merkabah interdimensional (ndr: espaço de alinhamento de 19h-19h30, hora francesa ao relógio), quando vibram o OD ER IM IS AL, vocês vão, naquele momento, reforçar sua própria, se posso dizer, densidade de Luz.
Vocês vão aglutinar cada vez mais partículas Adamantinas.
E vão preparar, literalmente, sua Ascensão.
É o que vive a Terra, nesse momento, e os seres humanos, aqueles que percebem, obviamente, pelo menos uma das Vibrações.
A Vibração do Supramental, a Vibração das partículas Adamantinas, obviamente, penetra pela cabeça, ou pela Coroa exterior, ou pela Coroa central onde há o ponto ER (o centro da Cruz da cabeça).
Agora, há, efetivamente, seres que não percebem ainda a Vibração da Coroa Radiante do Coração porque, se percebessem, ativariam inteiramente e deixariam esse Plano.
E o objetivo não é deixar esse Plano agora.
Vocês estão nos primeiros camarotes.Não vão deixar esse Plano agora, não é?
Coisas apaixonantes vão chegar.
Aivanhov – 05/03/11

"Cristo disse: «Àqueles a quem muito foi dado, muito ser-lhes-á pedido».
As lagartas, como vocês as chamam, não têm qualquer noção e qualquer consciência do que é a Luz, porque o confinamento nas crenças, o confinamento na ilusão foi muito mais forte do que a vontade da alma, da potência do Espírito para manifestar essa Luz tal como vocês tiveram a chance de vivê-la através dos Casamentos Celestes.
Recordem-se também, de que Cristo disse: «Os primeiros serão os últimos, e os últimos serão os primeiros» porque estes despertarão de um dia para o outro, de um minuto para o outro e irão para a Luz.
É por isso que ele pediu a vocês para não julgar e para respeitar o caminho de cada um, na condição, contudo, de ver claramente em vocês.
Ora, hoje, inúmeras Sementes Estelares veem cada vez mais claramente na Ilusão desse mundo, na Ilusão dos comportamentos de alguns.
Então, o que é preciso fazer?
É preciso afirmar sua Maternidade Interior e mostrar, com um Coração amoroso, o que é a Maternidade exterior que afasta de Cristo.
Agora, ter mostrado basta.
Nada há a impor, porque a maior parte dos seres fechados nas crenças seguirá essas crenças até o final.
Eles não terão os meios psíquicos para sair desse mundo de crenças e desse mundo da Ilusão.
A Luz é transparência total."
Ma Ananda Moyi – 28/04/11

"Assim, portanto, eu repito, sem noção de julgamento, sem noção de responsabilidade ou de qualquer culpa, se existe em vocês uma dúvida, se existe em vocês um questionamento, esse é um convite para ir para ainda mais Abandono, para ir mais ainda para a Luz, para ir para mais humildade.
A Luz está ao alcance do Coração, ela é onipresente, hoje.
Esta revelação da Luz começou em 1984, ela termina hoje.
O que, hoje, é extremamente potente era, na origem desse ciclo, extremamente tênue.
Hoje, qualquer ser humano, mesmo sem reconhecer qualquer noção espiritual, mesmo sem buscar o que quer que seja, se ele se abandona espontaneamente à Vida, neste Abandono Final, mesmo sem compreender, naquele momento, viverá a revelação da Luz, coisa que não pode ser obtida, mesmo por uma ascese rigorosa, enquanto o Coração não está no Abandono à Luz, ao menos intelectualmente e, em seguida, num segundo tempo, vivido de modo Vibratório.
O paradoxo é, de fato, naquele nível, ilustrando ainda uma vez à maravilha a frase de Cristo: «Os primeiros serão os últimos e os últimos serão os primeiros».
Porque aqueles que se abrem hoje voltam a tornarem-se instantaneamente como crianças.
Eles se instalam com facilidade no instante presente, na certeza do instante.
A dúvida é sempre procedente de um passado ou de um futuro, mas não está jamais presente no instante.
Assim, portanto, se a dúvida (qualquer) se manifesta, é que vocês não estão instalados no instante."
Anael – 12/03/11

"Maria está pronta.
O Conclave Arcangélico entregou as chaves a Maria.
Maria está pronta a lhes dar a mão, a todos, todos aqueles que querem ir para a Luz.
Quer vocês tenham atingido o corpo de Existência ou não, no momento.
Aqueles que atingiram o corpo de Existência hoje devem se lembrar que «os primeiros serão os últimos».
E que «os últimos serão os primeiros».
Eles têm um papel de assento da Luz, de irradiação da Luz e de revelar o Fogo do Amor na Humanidade e nada mais."
Aivanhov – 25/09/09

Questão: como atingir a Existência quando não se sente mesmo as Vibrações?É impossível.
Lembre-se também de que os primeiros serão os últimos, que os últimos serão os primeiros.
Há Seres que não percebem ainda a Vibração porque há destinos específicos.
Mas nem todos os Seres que vieram nos ver, uns e outros, vibram a Vibração e, no final de certo tempo, aqueles que não vibram a Vibração, para eles, não é a Verdade, obviamente, uma vez que não a vivem.
Portanto, não há fórmula miraculosa.
Há pessoas que vão fazer os, como vocês chamam isso..., protocolos sem parar e que jamais vão perceber uma Vibração, e outros que vivem Vibrações sem jamais terem feito o que quer que seja.
Há, sobre a Terra hoje, multidões de seres humanos que percebem o Canto da alma, os sons, que percebem o Fogo do Coração.
Há mesmo, entre eles, os que talvez sejam persuadidos de estarem enfeitiçados.
Eles vivem, no entanto, a Vibração Unitária.
Mas, pouco a pouco, esta Vibração Unitária transforma a visão da Consciência e transforma a Consciência.
Mas a Consciência é Vibração.
Há indicadores da transformação para a Unidade e para a Existência.
Sri Aurobindo, quando era São João, no Apocalipse, disse: «haverá muitos chamados, eles serão marcados na fronte».É a ativação das primeiras Estrelas da Coroa Radiante da Cabeça.
Os mais adiantados entre vocês já bascularam o ponto da Estrela AL para baixo.
Eles estão na ressonância final, eu diria, pelo canal cristalino que une a boca e o 11º Corpo ao Coração, e eles vibram muito potentemente na zona da espinha do nariz.
A transformação alquímica, para eles, está quase totalmente terminada.
E depois, há outros que não vivem Vibrações.
Mas lembrem-se de que não há qualquer obstáculo à Vibração da Consciência atualmente.
Não há carma, não há idade, não há déficit mental ou físico que seja.
Há apenas a consciência que, apesar, por vezes, de suas afirmações, não está pronta a se abandonar à Luz.
É um mecanismo extremamente preciso.
Há personalidades que estão prontas a abandonar-se a outra coisa que elas mesmas e outras que não estão prontas.
Pelo medo, talvez.
Geralmente, aliás, é o medo, o medo de perder esse corpo, o medo de perder essa identidade Ilusória.
Mas tranquilizem-se, com o choque isso vai mudar.
Aivanhov – 20/03/11

"Enquanto vocês mantêm o que quer que seja em sua vida, mesmo este corpo, vocês não podem viver o Coração, por completo.
Vocês podem aproximar-se, cada vez mais perto, mas chegará um momento em que a experiência da Luz e a instalação da Luz, pela terceira Passagem da Porta do Coração, irão colocá-los frente ao desafio do Abandono total à Luz, denominado, como vocês sabem, Crucificação e Ressurreição.
Esta Crucificação e esta Ressurreição não se referem, é claro, especificamente, ao fato de ser pregado na cruz, mas sim, simbolicamente, a não reter o que quer que seja, a aceitar nada ser.
Não há outra maneira de ser o Tudo na Luz.
É um desafio.
E é um desafio, em particular, para aqueles de vocês, meus Irmãos e minhas Irmãs, que não vivem as Vibrações e que não têm a testemunha da Vibração, permitindo levá-los, pela própria Vibração, a atravessar, eu diria custe o que custar e valha o que valer, a Porta do Coração, de maneira definitiva.
Mas lembrem-se também de que CRISTO lhes disse que os primeiros seriam os últimos e que os últimos seriam os primeiros.
E para estes últimos, tornar-se primeiros, é simplesmente tudo deixar, sem qualquer exceção, a fim de realizar o que dizia o CRISTO também: “deixe os mortos enterrarem os mortos e siga-me”.
Obviamente, o princípio de culpabilidade, ou de responsabilidade, seja familiar, financeiro, afetivo, ou sabe-se lá ainda, vai erguer-se entre vocês e a Luz.
Enquanto vocês não aceitarem tudo perder e enquanto vocês não tiverem tudo perdido, vocês não poderão viver o Coração.
E esta perda, é claro, não se refere ao fato de tudo abandonar, isso lhes foi dito, mas sim de se abandonar, vocês mesmos, aceitar não ser mestres do que vocês denominam sua vida, para descobrir e viver a vida em CRISTO.
Realizar o Si é apenas possível se isso se realiza.
Philippe de Lyon– 30/10/11

Trechos extraídos das mensagens do site
http://www.autresdimensions.com
Seleção e Edição: Beth Rodrigues
Traduzidas para o português por:
Célia G. http://leiturasdaluz.blogspot.com e
Zulma Peixinho http://portaldosanjos.ning.com

Gostou? Compartilhe esta publicação nas redes sociais

0 comentários:

Postar um comentário