PROTOCOLO: DESLOCALIZAÇÃO DA CONSCIÊNCIA

Clique aqui para comentar esta publicação





Informações transmitidas por O.M. AÏVANHOV, em 27de dezembro de 2011 (texto integral na seção «mensagens a ler»).

Uma segunda intervenção irá completar esta, até meados de janeiro de 2012.
Para pôr em ação o princípio e a função da Deslocalização da Consciência.
Para favorecer a Obra no Branco, a desidentificação, consciente, do corpo.
PRINCÍPIO:
Diferentes posições e um movimento da cabeça permitem a Revelação da Luz sobre pontos específicos do corpo.
Isso facilita a revelação da multidimensionalidade.
Os Pontos e Zonas citados são desenvolvidos há vários meses pelos diferentes intervenientes.
Vocês encontrarão os detalhes nas seções «mensagens a ler» e «protocolos a praticar».
Os Triângulos são desenvolvidos, por exemplo, no protocolo «as Doze Estrelas de Maria».
A fim de relembrar, apenas a localização é lembrada abaixo:
Posição 1 – Indiferente
A cabeça é colocada no eixo do corpo, sem movimento (o olhar coloca-se diante de si).
Ponto(s) ativado(s):
- ER da cabeça: no topo da cabeça, no cruzamento da linha que passa pela ponta das duas orelhas e da linha que passa pelo nariz e pelo occipital.
ER do peito: no eixo do esterno, na sua parte superior, acima do chacra do Coração, na saliência do esterno, chamada de ângulo de Louis.


 
________________________________________________
Posição 2 - Flexão
A cabeça é inclinada para a frente.
Ponto(s) ativado(s):
Ponto KI RIS TI (nas costas): entre as omoplatas, no meio, sob a quinta vértebra dorsal (Raiz do chacra do Coração).
Triângulo da Terra (parte traseira da cabeça).

 
__________________________________________
Posição 3 – Extensão
A cabeça é inclinada para trás.
Ponto(s) ativado(s):
OD do peito: na ponta inferior do esterno.
ER do peito: no eixo do esterno, na sua parte superior, acima do chacra do Coração, na saliência do esterno, chamada de ângulo de Louis.
Triângulo do Fogo (à frente da cabeça).

_______________________________________
Posição 4 – Inflexão lateral esquerda
A cabeça é inclinada do lado esquerdo (como se a orelha esquerda fosse colocar-se sobre o ombro esquerdo).
Ponto(s) ativado(s):
Triângulo da Água (no lado direito da cabeça).
AL do peito: chakra de enraizamento da alma - do lado direito do peito, uma largura de mão acima do mamilo, no nível do 2o. espaço intercostal.












______________________________________
Posição 5 - Inflexão lateral direita
A cabeça é inclinada do lado direito (como se a orelha direita fosse colocar-se sobre o ombro direito).
Ponto(s) ativado(s):
Triângulo do Ar (no lado esquerdo da cabeça).
UNIDADE do peito: chakra de enraizamento do Espírito - do lado esquerdo do peito, uma largura de mão acima do mamilo, no nível do 2o. espaço intercostal.

_________________________________
Movimento - lemniscata (chamada, também, de símbolo do infinito: ∞)
A cabeça traça um «8», no plano, cujo ponto de cruzamento é a garganta.
Pode-se começar, indiferentemente, para a direita ou para a esquerda.
Se a lemniscata for difícil de reproduzir (a cabeça que vai, no plano, para trás), um movimento leve basta: é a intenção que conta.
 
  
Ponto(s) ativado(s):
OD, ER, UNIDADE e AL do peito, e KI-RIS-TI das costas, de modo sincrônico.
 
NA PRÁTICA:
- Sentado ou em pé,
- com os olhos fechados,
- com a boca entreaberta,
- a respiração sendo nasal (inspirar e expirar pelo nariz).
Depois, sigam o seu sentir, sabendo que:
- a ordem não tem importância, entre as cinco posições e o movimento da lemniscata.
- as cinco posições e o movimento podem ser praticados independentemente uns dos outros.
- vocês podem, também, encadeá-los, não importa em qual ordem.
- esta prática pode ser feita a qualquer momento. 
- centrar-se no movimento ou na posição. Nada mais. Vocês podem, também, dizer, interiormente: «Eu sou UM».
__________________


Versão para o português: Célia G.   
 Postado por Célia G.

***
Colaboração de Rosa Amelia Muruci
***
Transcrição e edição: Andrea Cortiano e Zulma Peixinho
******


Gostou? Compartilhe esta publicação nas redes sociais

0 comentários:

Postar um comentário