COLETÂNEA: MERKABAH INTERDIMENSIONAL COLETIVA - PARTE 1 - AUTRES DIMENSIONS

Clique aqui para comentar esta publicação





Eu abro em vocês, se vocês o acolhem, pelas doze portas da Cidade Santa, o Cubo de Yerushalayim.
Filhos da Fonte, o apelo do Fogo torna possível, pela Lemniscata Sagrada ressoando no eixo AL-AL (a escala dessa Lemniscata é agora construída e criada), ao Fogo e à Verdade, fazer viver, em vocês, Transfiguração e Ressurreição.
Essa reconexão torna possível o livre acesso da Terra e do conjunto de suas consciências ao conjunto do Fogo da Luz.
A última etapa, aquela da Transfiguração e da Ressurreição, abre-se, chamando-os a elevarem-se para além dos limites.
O Homem é chamado ao Fogo de sua Ressurreição, ao Fogo de sua Transfiguração.
As doze portas de Yerushalayim, abertas em sua cabeça, permitem inserir, em vocês, o Canto do Cubo, o Canto da Unidade.
A cada noite, doravante, às 19 horas [hora francesa], eu estarei em vocês.
Eu penetrarei em vocês, ao nível do quadrado, imagem plana de Yerushalayim, presente em sua cabeça, entre CLAREZA, PRECISÃO, PROFUNDIDADE e UNIDADE.
METATRON – 14 de maio de 2011


Questão: poderia falar-nos da Merkabah Interdimensional coletiva?
Bem Amada, a Merkabah Interdimensional coletiva (que foi realizada no final do mês de setembro do seu ano precedente) corresponde ao estabelecimento de um campo de formas, misturando as Vibrações da Consciência Unificada da Terra com aquelas do conjunto de seres humanos que despertaram as Coroas Radiantes do Coração e da cabeça, ou da cabeça, e é um campo de formas ao qual vocês têm a possibilidade de religar-se.
Isso está, evidentemente, bem além do que é chamada uma egrégora que, esta, situa-se ao nível das forças astrais.
Pode-se dizer que a Merkabah Interdimensional coletiva é um Veículo que se situa ao nível do Supramental, e bem além das contingências astrais, mentais, desse mundo, tendo-os feito conectar, a título individual e coletivo, esse campo de formas destinado a favorecer sua Ascensão.
Esse campo estando estabelecido, de maneira definitiva, há a possibilidade, como foi dito, de ali religarem-se, por ressonância, e, portanto, aproveitar da energia da Merkabah Interdimensional coletiva, através da percepção da Cruz da Redenção, de diversos pontos da cabeça e, para alguns de vocês, pela ignição do Fogo do Coração.
ANAEL – 22 de maio de 2011

Progressivamente e à medida que o Fogo (levado a revelar-se em sua individualidade e em sua consciência) produzir-se (de maneira, primeiro, descontínua e, depois, em seguida, contínua), inicialmente em suas noites e, em seguida, em suas noites e em seus dias, isso permitirá estabelecer essa rede de comunhão, essa rede de Ascensão, ultrapassando, amplamente, o quadro do que havia sido estabelecido há mais de um ano, chamado Merkabah interdimensional coletiva.
MIGUEL – 15 de outubro de 2011

Lembrem-se de que cada Consciência, qualquer que seja, qualquer que seja seu caminho hoje, e quaisquer que sejam suas escolhas, é portadora, em definitivo, da mesma Chama, da mesma Consciência, da mesma Unidade.
Simplesmente, a revelação da Luz e a conscientização do Amor não são as mesmas para todos, no mesmo momento.
Mas, devido à sua capacidade para ir além dessas separações postas pelos outros (barreiras postas, por vezes, por alguns outros), vocês poderão elevar a Vibração da Merkabah Interdimensional Coletiva e fazê-la Fusionar com a Merkabah da Terra, a fim de que vocês se elevem nos campos de coerência da Consciência Unificada.
Isso se desenrola para muitos de vocês, agora.
Resta-lhes comunicar isso, resta-lhes Comungar isso.
MARIA – 15 de outubro de 2011

A cada vez, nós lhes dizemos que é agora, é claro, porque os processos Vibratórios ligados à conexão, ao que foi chamada a Merkabah Interdimensional coletiva (realizada no ano passado, para a festa do Arcanjo - ndr: Arcanjo Miguel, festa de Miguel) permite-lhes, a todos e a cada um sobre esta Terra (e agora, independentemente, como lhes disseram, do período de 19 horas), religar-se a essa Luz Vibral.
Religando-se a essa Luz Vibral, o Eixo falsificado que foi retificado por intermédio das Cruzes Mutáveis, permitiu a revelação da Luz e a chegada de METATRON pela Porta Posterior do Coração.
Atualmente, os Quatro elementos (os Quatro Hayoth Ha Kodesh) estão instalados.
Eles estão instalados na cabeça, no Coração.
Eles estão instalados no cosmos, ao redor do Sol, prontos para acolher a Terra em sua nova Dimensão.
O.M. AÏVANHOV – 11 de setembro de 2011

No início de minhas intervenções por este canal (em 2005 / 2006), nós não sabíamos, nós mesmos, quanto tempo ia tomar essa Passagem.
No ínterim, houve os Casamentos Celestes (ndr: as doze Etapas desenvolvidas pelo Arcanjo Miguel, entre 25 de abril e 12 de julho de 2009).
No ínterim, houve um Despertar da Consciência da humanidade, não toda a humanidade, é claro, mas suficientes almas que se voltaram para o Espírito para induzir, de algum modo, uma dinâmica Vibratória completamente excepcional, uma vez que a Merkabah Interdimensional coletiva realizou-se desde quase um ano (em alguns dias, fará um ano).
Isso quer dizer o quê?
Que muitas coisas mudaram e que cada dia de ganho é um dia de ganho em todas as coisas, não muito agradáveis, que podiam decorrer desse tempo de Passagem.
Isso quer dizer o quê?
Isso quer dizer que o tempo da Passagem é, agora, extremamente reduzido e é tanto melhor para vocês.
O.M. AÏVANHOV – 24 de setembro de 2011

A preparação que foi efetuada, por vocês todos, desde um ano, muito precisamente, permitiu, como vocês sabem, manter a Merkabah Interdimensional coletiva como Ponte de Luz, que permite reunir essa Dimensão (na qual vocês ainda estão) e os nossos Mundos.
Isso permitiu, há alguns dias, anunciar a chegada de suas Núpcias de Luz que, de fato, assinalam o fim dos tempos.
Compreendam, com isso, que o fim dos tempos não é nem o fim do mundo nem seu fim, mas, bem mais, uma mudança.
Uma mudança a nenhuma outra similar, uma vez que vai permitir, num tempo curto e, como vocês sabem, indeterminado – inscrito, contudo, em certo número de limites precisos – viver (ou não) a instalação de sua Consciência num tempo novo.
Esse tempo novo é um tempo que lhes é desconhecido.
Isso, muitos intervenientes exprimiram, com talento, concernente a essa evolução após a Revelação da Luz.
SRI AUROBINDO – 30 de setembro de 2011

Tornar-se Luz, inteiramente, permitir-lhes-á, também, irradiar essa Luz sobre o conjunto de seus Irmãos e de suas Irmãs, a fim de realizar, todos juntos, por intermédio da Merkabah Interdimensional coletiva, um fenômeno e um mecanismo de amortização da Luz, permitindo aos seus Irmãos e Irmãs viverem, e ainda é tempo, o tempo da Luz neles, a fim de rememorarem-se do juramento da Fonte, da Promessa – que havia sido feita às almas e aos Espíritos que se precipitaram nesse mundo – que, um dia, vivia sua Liberação definitiva do confinamento.
Guardem presente, também, no espírito que, qualquer que seja seu estado: a Unidade a mais pura e o estado Crístico o mais puro, vocês não podem e não devem forçar o que quer que seja.
Vocês devem, simplesmente, deixar emanar sua Presença e a Luz que vocês recebem, sem nada ali acrescentar, sem nada ali aportar e sem nada dali subtrair.
ANAEL – 28 de setembro de 2011

Questão: qual é a Vibração da Merkabah Interdimensional?
A Vibração da Merkabah Interdimensional é aquela que vocês vivem, às 19h (ndr: Alinhamento de 19 às 19:30h, hora francesa – 14 às 14:30 em Brasília).
É o que os religa, por intermédio da Fonte de Cristal (Bindu), uns aos outros, a esse veículo de Luz que é a Yérushalaim, ou seja, a Jerusalém Celeste, que é conduzida por METATRON.
Portanto, vocês são religados, nas fases de Alinhamento, ao nível da Coroa Radiante da cabeça.
É a dissolução na Luz, com graus diversos para cada um.
O.M. AÏVANHOV – 14 de setembro de 2011

Se, quando desse Apelo – que é um apelo preparatório – vocês acolhem, sem pergunta, sem interrogação e sem medo, por sua preparação, por sua capacidade para rememorar-se, naquele momento, da Merkabah Interdimensional coletiva, se vocês se rememoram dos Quatro Pilares e se sua Consciência alinha-se HIC e NUNC, então, vocês voltarão a tornar-se Cristo, na maior das evidências e na maior das Alegrias.
ANAEL – 14 de setembro de 2011

Questão: após a chegada de Cristo, a Merkabah Interdimensional continuará existente e sua função continuará a mesma?
Sim, apenas ela será, de algum modo, magnificada pela instalação de CRISTO ao centro mesmo da Merkabah, tanto a sua como a da coletiva.
Questão: existe uma Merkabah Interdimensional por Dimensão?
A construção da Merkabah Interdimensional (como vocês constataram nesse plano em que estão) constituiu e demandou certo número de Presenças humanas, certo tempo e desenrolou-se em certo tempo também.
Nesses Espaços Unificados e Multidimensionais, a Merkabah não tem necessidade de ser coletiva, no sentido (na medida) em que a Luz Vibral é onipresente e constitui o apoio das Dimensões.
ANAEL – 16 de setembro de 2011

O apelo será, a um dado momento, aquele do som da Terra a e do som do Céu e, a um dado momento, será o apelo de Maria.
Naquele momento, mais nenhuma circunstância exterior pode e deve alterá-los, de modo algum.
É naquele momento que vocês deverão religar-se ao seu Coração e à Merkabah interdimensional, como vocês o fazem, agora, desde já algum tempo, às 19 horas, hora francesa [14 horas em Brasília].
Mas isso poderá sobrevir e vocês poderão realizar nos momentos em que o apelo da Luz Vibral fizer-se mais intenso, porque cada um será chamado, de maneira mais intensa, de acordo com seu calendário e seu próprio relógio.
Esse apelo da Vibração far-se-á pelo que vocês nomearam a Coroa Radiante da Cabeça, a Coroa Radiante do Coração, o Sacrum e, cada vez mais, pela ativação da porta KI-RIS-TI em suas costas.
SERETI – 6 de setembro de 2011

Questão: a ativação da Nova Aliança tem uma relação com a Merkabah, individual ou coletiva (ndr: ver na rubrica «protocolos» de nosso site)?
Sim, é uma ressonância direta.
A Merkabah Interdimensional é um campo de forças resultante da interação da Luz Vibral com a luz falsificada, que se manifesta, densifica-se, de algum modo, ao nível do que é chamada a Vajra (ou Fonte de Cristal), situada acima da cabeça, ao nível do que poderia ser chamado o 13º Corpo.
A Nova Aliança permite, pela ativação do Supramental, ativar os três pontos chamados da Tri-Unidade do Coração, que tem favorecido, durante quase o ano completo que acaba de escoar-se, a ativação da Porta posterior do Coração, realizada por Metatron.
Não seria necessário, no entanto, crer que bastaria, simplesmente, realizar o que é chamado esse protocolo da Nova Aliança para ganhar, de algum modo, seu próprio Céu.
Apenas a Consciência e apenas vocês mesmos, sozinhos, é que realizam o Abandono à Luz e jamais uma técnica, qualquer que seja.
Nós sempre dissemos que o conjunto de informações e de Vibrações que nós comunicamos, uns e outros, tinham apenas um único objetivo: constituir o Corpo de Existência, permitir-lhes estabelecer uma conexão com a Merkabah Interdimensional, coletiva e individual.
Mas a Passagem da última Porta são vocês, e vocês sozinhos, que realizam.
Não existe qualquer meio, qualquer procedimento, qualquer técnica outra que o si, para realizar o Si.
Em outros termos, nada de exterior pode fazê-los cruzar a Porta, a última.
Quaisquer que sejam as Portas abertas, qualquer que seja a revelação da Luz, quaisquer que sejam as experiências do Samadhi, é, em definitivo, o Si que decide.
Existe um princípio de ampulheta ou de vaso comunicante entre a consciência limitada e a Consciência Ilimitada.
De momento, a consciência pode estabilizar-se, oscilando de uma à outra.
No momento da chegada total da Luz Branca, será ou uma ou a outra.
ANAEL – 11 de agosto de 2011


É necessário apreender e aceitar que, quanto mais sua consciência está centrada e colocada (dirigida) na Vibração, mais sua Consciência e sua Intenção colocam-se no Corpo através dessas Vibrações, mais lhes será fácil pôr fim à sobreposição, ao mesmo tempo tendo conta de diferentes fatores que condicionam, de algum modo, esse momento final de que falei (seja o tempo calendário astronômico da própria Terra ou, também, o calendário da revelação da Luz Metatrônica) e o acesso do conjunto da humanidade à Merkabah Interdimensional Coletiva.
IRMÃO K – 4 de agosto de 2011

Os alinhamentos que vocês vivem, pela Merkabah Interdimensional Coletiva, têm sido um meio privilegiado (e continuarão a sê-lo) de permitir-lhes aproximar-se dessa Visão do Coração.
Na Visão do Coração não existe palavra alguma, não existe pensamento algum, porque não são vocês que emitem, não são vocês que compreendem, mas é o Espírito que os apreende e que os compreende.
Não é, de modo algum, o mesmo sentido do movimento.
NO EYES - 13 de julho de 2011


Eu esclareci e voltei a esclarecer que é a própria Vibração que é o testemunho de sua Consciência.
Para receber a Luz Vibral é necessário que a Merkabah Interdimensional Individual tenha sido ativada.
É preciso, para isso, que a Coroa Radiante da Cabeça esteja Vibrante ou que a Coroa Radiante do Coração esteja Vibrante.
Se não há Vibração percebida (dado que a Consciência é Vibração), em momento algum pode existir contato com esses planos.
NO EYES - 13 de julho de 2011

Questão: as pessoas que não teriam preparado a Merkabah Individual terão acesso, igualmente, a uma Merkabah Coletiva?
A revelação da Luz realiza a Fusão da Merkabah Interdimensional Coletiva com o princípio CRISTO e com o CRISTO.
Lembrem-se de que cada um de nossos Irmãos e Irmãs é Livre no caminho dele, em sua própria Vibração.
E cada um Vibrará a própria Consciência onde ela está e reencontrar-se-á onde estiver, em função da própria Vibração.
O Corpo do CRISTO é realizado pela Merkabah Interdimensional Coletiva e absolutamente não por uma Merkabah Individual.
O princípio CRISTO realiza-se, no entanto, de maneira individual, para aqueles que estão interconectados à Merkabah Interdimensional Coletiva, quer eles tenham disso a consciência, a presciência ou não ainda (uma vez que isso não são palavras, mas um estado Vibratório específico da consciência confinada na Ilusão, que se liberta e se desincrusta, pouco a pouco, dessa Ilusão).
Assim, portanto, não há a colocar-se a questão da Merkabah Interdimensional pessoal para aqueles de seus Irmãos e de suas Irmãs que recusarem, pela própria Vibração deles, esse processo de Ascensão ou de Etereação e que viverão, entretanto, por intermédio da Merkabah Interdimensional Coletiva, essa Liberação, mas de outro modo.
Lembrem-se, como o disseram os Arcanjos e os Anciões: vocês são Liberados, inteiramente, da Ilusão.
E aqueles que não o quiserem, terão a possibilidade de levar a efeito essa Liberação, porque eles viverão o fato de que ela existe, enquanto, no momento, eles não podem mesmo concebe-lo, o que os conduz, pouco a pouco, a conscientizar-se da Vibração CRISTO neles e, portanto, a realizar essa Etereação, e, portanto, de fato, a não mais estar separados do que quer que seja na Criação, não mais estar confinados no livre arbítrio, mas reencontrar a verdadeira Liberdade.
Compreendam, efetivamente, que, enquanto a Liberdade não é aceita, encontra-se, unicamente, o livre arbítrio e a ilusão de uma escolha.
E que essa ilusão de escolha pode ser Transcendida apenas pela própria Consciência que encontra sua Própria Unidade.
Não há, portanto, qualquer preocupação, nem qualquer interrogação a formular concernente àqueles de seus Irmãos e de suas Irmãs que tiverem decidido, pela Vibração e não pelo mental (que eles terão levado e apoiado), não retornar às Esferas da Unidade.
Jesus dizia: «há numerosas Moradas na casa do Pai».
Algumas dessas Moradas estão próximas d’Ele, muito próximas.
Algumas Moradas estão ainda afastadas, pela não reconexão, pela não possibilidade daqueles de ressoar com a Liberdade.
E isso, eu repito, para além da própria Ilusão do confinamento, é a estrita Liberdade de cada Consciência.
A FONTE havia dito que ela jamais violaria o livre arbítrio daqueles que se creem confinados.
IRMÃO K - 15 de julho de 2011

A realização, por exemplo, da Merkabah interdimensional coletiva, no fim de setembro, como anunciado no ano precedente pelo Arcanjo Miguel, reativou o Triângulo da Tri-Unidade, que pôde abarrotar-se de Luz, em todos os sentidos do termo, entre os pontos Maria, Ki-Ris-Ti e Miguel e, portanto, permitir o derramamento do Espírito no fígado e no baço, permitindo transmutar a energia invertida do fígado e do baço, fazendo retornar, eles também, à Unidade e não mais à separação, ilustrada pela passagem definitiva da Porta Estreita que vocês estão vivendo e que permite a Visão do Cristo, tal como está desenvolvendo-se, para além da Ilusão da tela desse mundo, na estrita Verdade.
IRMÃO K - 7 de julho de 2011

Mas não se deixem levar pelas emoções.
Não se deixem levar pelo mental ou pelas reações.
Isso, estritamente, para nada servirá.
O único modo de reencontrar a Paz é alinhar-se.
O único modo de reencontrar a Paz é reconectar-se à Merkabah Interdimensional Coletiva à qual vocês estão ligados.
CRISTO vai penetrar essa Merkabah Interdimensional Coletiva.
Não unicamente o Éter da Terra, como já foi feito, mas vocês vão conversar com o CRISTO, porque ele vai estabelecer-se em vocês, inteiramente.
Portanto, é aí, e unicamente nesse lugar, que se encontrará o Amor, a Alegria e a Paz.
Todo o resto desestabilizá-los-á.
É o momento de entrar, o mais possível, em seu Ser Interior.
O.M. AÏVANHOV – 2 de julho de 2011

Eu venho a vocês para explicar certo número de elementos concernentes à revelação futura da Luz em seu corpo físico, à ativação de certo número de elementos correspondentes a essa revelação.
Aí está agora (para alguns de vocês) certo número de anos que vocês viveram o despertar das Estrelas em sua cabeça.
Esses pontos de Vibração tornaram-se, progressivamente, uma Coroa, realizando, de algum modo, o fim da Ilusão Luciferiana e a revelação da Luz em sua cabeça, que levou a efeito e que permitiu, há algum tempo, ativar as Cruzes de redenção, as Cruzes fixas, as Cruzes mutáveis, a fim de preparar em vocês o retorno daqu’Ele que volta agora (ndr: elementos que vocês podem encontrar na rubrica «protocolos» de nosso site).
A ativação dessas diferentes Cruzes permitiu, também, para alguns de vocês, perceber e viver o Fogo do Coração ou o Fogo do Sacrum ou os dois.
Essas Doze Estrelas fizeram de vocês Sementes de Estrelas, fizeram de vocês seres em curso de despertar total.
Essas doze Estrelas, brilhando, ativaram o que poderia ser chamado, ao nível Vibratório, Arcos ou Portas de Luz.
Essas Portas de Luz são os elementos que representam, em vocês, o que é chamada a Jerusalém Celeste, com suas doze Portas.
ANAEL – 2 de julho de 2011

Assim, cada um é, portanto, confrontado à sua própria concepção, à sua própria vida, Interiormente como exteriormente.
A Passagem chamada Translação, chamada Ascensão, é um mecanismo posto em marcha, como o disse o Comandante, desde já alguns meses.
Esse processo foi iniciado a partir da instalação da Merkabah interdimensional coletiva.
O que quer dizer que alguns seres, entre os mais avançados, puderam penetrar, inteiramente, o Corpo de Existência, presente ainda no Sol e chegando, doravante, até vocês, a partir da revelação da Luz Metatrônica.
Alguns puderam, portanto, explorar esse Corpo de Existência.
Outros puderam, simplesmente, explorar, nessa carne, as manifestações dos potenciais espirituais novos, em ressonância com as novas frequências Vibratórias.
GABRIEL – 18 de junho de 2011

Na hora em que a Jerusalém Celeste se revela em seu Templo e em seus Céus, a hora chegou de festejar dignamente o retorno à Eternidade, o retorno à Verdade.
Acompanhado pelos Irmãos das Estrelas, acompanhado pelos Irmãos multidimensionais, revelando-se pouco a pouco em seu espaço, como anunciado por Maria e por METATRON, eu me junto a eles, a fim de entoar o Canto do retorno, o Canto da Eternidade.
Isso acontece sob seus olhos, isso acontece em seu Templo, isso acontece agora.
A ampulheta do tempo chega ao final desse Tempo, ao final da Ilusão.
Isso é agora.
URIEL – 5 de junho de 2011

A revelação das doze Estrelas, a abertura das doze Portas, a revelação do Cubo Metatrônico, a revelação de Yerushalaïm nos Céus e na Terra traduzem-se, para vocês, numa transcendência total de todas as limitações impostas pela encarnação e pelos próprios princípios da falsificação.
ANAEL – 4 de junho de 2011

Quando se está nos Mundos Unificados, quer vocês estejam na 5ª, na 11ª, na 18ª, há apenas relativamente pouca importância.
Mas, conforme vocês se estabeleçam (se se pode dizer assim, mas não é completamente assim), segundo sua Dimensão de predileção, seu corpo de Existência pode ser um corpo de Luz, um corpo de Silício ou Cristalino, um corpo de Diamante etc.etc.
Conforme a Dimensão, os corpos são profundamente diferentes, mas, quando vocês viajam de uma Dimensão à outra, seu corpo de Existência muda de forma e muda de Vibração.
Portanto, o corpo de Existência nada tem a ver com a Merkabah.
A Merkabah é uma ponte interdimensional, com uma forma precisa, que corresponde à junção que permite, justamente, extraí-los desta Dimensão onde nós todos estivemos confinados.
Existe, aliás, como vocês sabem, uma Merkabah interdimensional coletiva que é, de algum modo, o veículo de Existência da humanidade desperta, que tem a forma de um pássaro, de uma Pomba.
Mas é a única estrutura que não é geométrica, como o que se chama a estrutura Merkabah que, ela, é individual, que corresponde, se querem, a uma espécie de alquimia que se faz quando todos os seus corpos são despertados, que a Coroa Radiante da Cabeça está despertada e que o Bindu está despertado.
Naquele momento, ao nível do Bindu (que é um ponto de Luz, uma Fonte de Cristal, se preferem), vai aglomerar-se certo número de Partículas Adamantinas que vão arranjar-se segundo a forma chamada Merkabah e que gira em si mesma.
Pode-se dizer também que a Merkabah é a reversão do Cubo.
Mas não é o veículo de Existência.
É o veículo que lhes permite efetuar a transição desse corpo físico limitado ao seu corpo de Existência.
Mas ela é ativada assim que os Novos Corpos estão ativos, assim que a Coroa Radiante da Cabeça está ativa.
Não é uma decisão que vai ativá-la.
É uma Vibração.
É necessário mantê-la; é o que vocês fazem quando trabalham na Merkabah interdimensional coletiva.
Vocês trabalham também no reforço de sua Merkabah.
A Merkabah é mais ou menos iluminada, se se pode dizer assim, e, da qualidade dessa iluminação, decorrerá a facilidade de sua passagem na Existência, ou não.
O.M. AÏVANHOV – 3 de junho de 2011

Questão: veem-se também explosões, mas não ligadas a tremores de terra.
Tremores de terra há todos os dias.
A Terra está oscilando, muito gravemente, nesse momento mesmo em que eu lhes falo.
Os sismos são onipresentes.
Há um número de sismos que é exponencial.
Eles não têm todos, é claro, intensidades importantes, mas o número global de sismos é simplesmente multiplicado, mesmo em relação aos anos precedentes, por 200 ou 300.
O fenômeno de explosão é normal e, como eu disse várias vezes, e ainda sábado, parece-me, a Terra está em expansão.
A explosão é uma expansão.
Assim como vocês mesmos, vocês estão em expansão.
Portanto, é o conjunto de elementos.
O toque Metatrônico, ou seja, o despertar de Yerushalaïm, a ação de Metatron é também a ação eletrônica, é claro, e como foi especificado quando dos Casamentos Celestes, pelo Arcanjo Miguel, havia ali uma ordem de precedência, de algum modo, dos Arcanjos.
E o fato de que Metatron se densificou em vocês, despertou em vocês há apenas dois dias, três dias, significa, efetivamente, que vocês entraram nos tempos derradeiros do fim, dos três Dias, do basculamento dos pólos e do desaparecimento, como nós dissemos há dois dias, desse mundo.
Como vocês querem que esse mundo desapareça?
Está-se apagando esse mundo.
O.M. AÏVANHOV – 16 de maio de 2011

Mas é evidente que a maior das preparações que vocês vivem, além da Merkabah Interdimensional coletiva, é o trabalho de Luz que vocês fazem. É justamente nesses momentos que vocês não conseguem mais saber porquê vocês quebram um ovo.
Geralmente, é para fazer uma omelete, não é? Mas, mesmo isso, às vezes, torna-se complicado.
Mas é uma evolução perfeitamente normal.
O.M. AÏVANHOV – 14 de maio de 2011

Questão: a Nova Jerusalém, evocada por Gema Galgani, está em relação com o que se chama a Jerusalém Celeste e com a Morada de Paz Suprema, Shantinilaya?
Cara amiga, é exatamente a mesma coisa.
Houve, no final dos Casamentos Celestes, durante o verão de 2009 [inverno no hemisfério sul], a Jerusalém Celeste que se impactou no Sol, tendo permitido uma primeira aproximação do estado Interdimensional das Embarcações de Maria e de nossas Embarcações, desta vez, mais próximas de vocês.
Era a Jerusalém Celeste.
A Jerusalém Celeste é Yéroushalaïm, é uma Embarcação de Luz que tem vindo já, a cada 50.000 anos, trazer a Luz.
Há uma descrição específica que é dada em alguns escritos do Antigo Testamento.
Ela é descrita com doze Portas, como por acaso, doze Portas e quatro Lados.
Foi feita a relação com o quadrado que está presente em sua cabeça e que se revela, e que representa o que se chama Yéroushalaïm, a Embarcação de Luz, mas sua própria Embarcação de Luz, que é sua Merkabah Interdimensional, que se inscreve num cubo, nas cinco formas geométricas perfeitas que são agora constituídas, e que vão estender-se, ou seja, passar do quadrado para o cubo, com suas arestas em número preciso, e que vai permitir-lhes juntarem-se à sua Morada de Paz Suprema, ou seja, Yéroushalaïm Celeste, passando por sua própria Yéroushalaïm, que corresponde ao retorno do Cristo e à densificação de Metatron, nesta Dimensão.
Na ordem de intervenção dos Arcanjos, foi-lhes dada, durante os Casamentos Celestes, e já um pouco antes, a intervenção de diferentes Arcanjos, segundo os ciclos e as fases do calendário dos três últimos anos da Dimensão terceira que vocês vivem.
É exatamente isso que se realiza sob seus olhos e em seus corpos.
O.M. AÏVANHOV – 3 de maio de 2011

Esta fase de Dissolução total do ego, da personalidade, é o que lhes permite implementar e acionar sua Merkabah interdimensional.
Quer dizer juntar-se, uma vez que o CRISTO tiver batido à porta de seu Templo Interior, residir, de maneira definitiva, em seu Templo Interior e em sua Dimensão Eterna.
A fim de deixar, de maneira irremediável, a Dimensão do efêmero.
UM AMIGO – 2 de maio de 2011

Se tomamos o exemplo da libélula que passa do estado de larva ao estado de libélula abandonando uma carcaça que morreu e que não suporta mais a vida (porque fixada num espaço/tempo de Dimensão ainda mais inferior à 3ª dimensão dissociada), é exatamente esse processo de metamorfose ligado à aurora do dia novo que vocês estão vivendo, traduzindo-se, para vocês, pela ignição de suas Estrelas, pela redenção das Cruzes Mutáveis e pela ativação da Merkabah Interdimensional, coletiva e pessoal, permitindo-lhes Vibrar em uníssono da Luz Una, até identificarem-se à Luz que é, ela mesma, Liberdade Absoluta e Inteligência Absoluta, tal como se estende sob seus Céus, apesar da falsificação, chamada a Via Láctea, chamada a Inteligência Criadora, em seu sentido o mais nobre.
ANNA – Mãe biológica de Maria - 28 de abril de 2011

A partir do instante em que vocês tiverem concretizado a ignição das Doze Estrelas da Merkabah interdimensional coletiva, então, naquele momento, vocês observarão, por si mesmos, que, nos espaços de alinhamento que serão prosseguidos às 19 horas [hora francesa], vocês não têm mais necessidade alguma de levar sua atenção e sua consciência sobre o OD-ER-IM-IS-AL, porque o conjunto da Coroa da cabeça, fusionado com a Coroa do Coração, manifestar-se-á em vocês.
O despertar do Kundalini será total e permitir-lhes-á então entrar em ressonância com o Canto da Unidade.
UM AMIGO – 11 de abril de 2011

Todo o trabalho que vocês realizaram, vocês que seguiram os Casamentos Celestes ou que trabalham na Vibração do Amor, foi preparar, obviamente, a Merkabah interdimensional da Terra, a nova Matriz de vida liberada no que é chamada a 5ª Dimensão.
Vocês trabalharam para a Terra e também para o conjunto de seus Irmãos e de suas Irmãs.
Vocês foram, como Miguel o disse, os Ancoradores da Luz, os Portadores de Luz e agora vocês vão irradiar cada vez mais a Luz.
Há simplesmente que aquiescer, aí também, a esta nova liberdade que vem.
MARIA - 6 de março de 2011

É necessário efetivamente compreender que os espaços Interiores, quando meditam, quando fazem a Merkabah interdimensional (ndr: espaço de alinhamento de 19h 19h30, hora francesa ao relógio), quando vibram o OD ER IM IS AL, vocês vão, naquele momento, reforçar sua própria, se posso dizer, densidade de Luz.
Vocês vão aglutinar cada vez mais partículas Adamantinas.
E vão preparar, literalmente, sua Ascensão.
É o que vive a Terra, nesse momento, e os seres humanos, aqueles que percebem, obviamente, pelo menos uma das Vibrações.
O.M. AÏVANHOV – 5 de março de 2011



Leia também as demais partes desta Coletânea: PARTE 2 e PARTE 3 


Trechos extraídos das mensagens do site http://www.autresdimensions.com
Traduzidas para o português por:
Célia G. http://leiturasdaluz.blogspot.com e
Zulma Peixinho http://portaldosanjos.ning.com
Seleção e Edição: www.mestresascensos.com

Gostou? Compartilhe esta publicação nas redes sociais

0 comentários:

Postar um comentário