URIEL - 25 de outubro de 2011

Clique aqui para comentar esta publicação





~ O Tempo da Graça e da Presença a Si ~


Áudio da Mensagem em Francês

Link para download: clique aqui


Eu sou URIEL, Anjo da Presença e Arcanjo da Reversão.
Eu sou aquele que vem oferecer a Passagem e a Graça.

Bem amados Filhos da Luz, que a Graça seja seu Presente.
Tal é o presente da Graça.

Hoje vamos, juntos, exprimir e Vibrar, bem além de simples palavras que empregarei, o Tempo da Graça, o Tempo da Presença a Si, tornando-os Presentes no mundo, na Verdade da Luz e da Unidade, a fim de que resplandeça a Glória do Um, a fim de que a Terra testemunhe e viva a Ascensão de sua Vibração nas Esferas da Unidade, acompanhando o Universo e o conjunto desse Sistema Solar nos Tempos da Graça, porque os tempos estão consumados, consumando, em vocês, a Graça e seu Presente.

Filhos do Um, manifestem a Graça, que é o presente feito para sua Presença.
Basta estar no Instante de sua Presença, no tempo de sua Presença, Presentes a si mesmos, Presentes ao mundo, Presentes ao Instante e Presentes ao Éter, a fim de que o Éter revele-se em sua Graça.

Luz do Um, Luz da Unidade, Luz de Verdade, que põe fim ao isolamento, aquele que era seu, que é restituído.
Enfim, o Tempo do fim.
Enfim, o Tempo da Passagem.
Tempo de contentamento e de Alegria.
Tempo de Verdade, no qual a revelação da Luz deixa lugar à Ascensão da Luz, respondendo ao Apelo da FONTE Una, que vem do Centro, a fim de que seu centro, aquele do Coração, eleve-se e desperte à Verdade da Unidade, a fim de que vocês possam, Presentes a si mesmos e Presentes ao mundo, viver a Presença.
Presença da Graça, que é a Graça presente em vocês.

Filhos da Graça, a hora chegou de saudar e de abrir a Porta àqu’Ele que vem, para entrar e magnificar o sentido de sua vida e o sentido de sua Presença para além desse mundo sobre o qual vocês estão, a fim de penetrar, em plena Consciência e em plena Unidade, os Mundos do Um.

Bem amados filhos do Um, Amados da Graça, cabe a vocês viver e abrir o que deve sê-lo.
Então, Filhos, vão para o que vocês São, de toda a Eternidade.

Sair do efêmero e entrar no Templo de seu Presente, porque Ele está aí, presente, a aguardá-los e a esperá-los.
Não há mais tempo, não há mais data, porque não haverá mais espaço para subtrair-se da Ação do Um, da Ação da Promessa e do Juramento.

Os tempos estão consumados, porque o Tempo veio do Novo Nascimento.
Nascer, nascer no Um, a fim de que cada um possa viver a Graça do Um, a Graça da Verdade, o Tempo da Presença a Si.
Cada um aberto a esse Tempo, no Tempo fora do tempo, que os chama num Tempo, chamado o Tempo Presente, para desvendar sua Presença e para Vibrar ao Som do Um, ao som da FONTE, ao Som do Céu e da Terra, enfim reunificados na mesma pulsação, na mesma Vibração, na qual vocês são esperados e aguardados, na Comunhão dos Uns, na Comunhão das Dimensões, na Comunhão dos Mundos Livres, a fim de viver a Liberdade do Um, a Liberdade da Graça, o Tempo da Graça que se revela em seu Templo Interior, chamando a Vibração do Coração a tornar-se a Vibração Essência e Essencial, dando-lhes o Sentido e o Tempo da Unidade, bem além do tempo desse mundo.
Presentes em todos os Tempos e em todos os Universos, nos mesmos Espaços e nos mesmos Tempos, que nada mais têm a ver com o inferno, aquele do confinamento.

Bem amados Filhos do Um, eu testemunho, em nome da FONTE, por minha Presença e minha Vibração em vocês, o Tempo do Coração, aquele de Ki-Ris-Ti, da Ardência do Sol e da Ardência de seu Coração, aquecendo em vocês o que deve sê-lo, pela Graça do Um e da Luz.
Vocês são isso.
Então, abramos, juntos, um espaço de Comunhão que jamais poderá voltar a fechar-se, que jamais poderá ser alterado, porque o Tempo chegou de ser Livre: ele acaba de renascer à nova Vibração, à nova banda de frequências que não conhece nem limite inferior nem limite superior, que os faz descobrir a Verdade de seu Ser, a fim de Ser ao mais próximo da Graça do Um, ao mais próximo da Graça da Verdade da Luz Una, magnificada por sua Consciência, magnificada por seu Despertar, aquele do Coração Ardente, Coração Ardente do Sol.
Filhos Ardentes do Sol, elevem-se na Vibração do Um, que abrem e estendem, em vocês, as asas, aquelas que permitem significar sua Unidade e significar sua Presença nos Mundos Unificados.

Filhos do Um, o Instante é aquele da Graça.
Por nossa Comunhão e nossa Presença, no Tempo e no tempo desse espaço, nós abrimos, juntos, o Templo do Um, no Templo de carne que é, de momento, o seu, a fim de que o Estado de Ser, o Corpo de Espírito magnificado, o Corpo de Ressurreição, renasça, tal uma Fênix, de suas cinzas.

Agora, nesse Tempo do Instante, nós estamos Unidos e reunidos na Comunhão do Coração do Um, na Comunhão do Coração de cada um, no Coração de todos.

Abram, abram as asas, como se abre o Coração, a fim de que o receptáculo e o cálice preencham-se da Presença d’Ele, que é sua Presença, elevando o Si nas Moradas Eternas da Paz Suprema.

Filhos da Unidade, Filhos de Verdade, a hora da Criação chegou, a fim de nascer à Ressurreição do Espírito, a fim de que a carne volte a tornar-se Transparência, a fim de que a carne volte a tornar-se Leveza, Comunhão e conexão, assinalando o Retorno à Verdade e à Beleza.

Filhos do Um, na Comunhão de nossa Presença, de meu Coração ao seu Coração, do Coração da FONTE ao seu Coração, celebremos a Presença da Unidade e a Vibração da Unidade, juntos, reunidos e Liberados, unidos e Unificados.

Nós Vibramos juntos, nós, Arcanjos, e o conjunto de Consciências Unificadas.
Celebramos, antecipadamente, o Retorno à sua Unidade, o Retorno à sua Verdade, a fim de que a Alegria seja sua Morada de Eternidade, a fim de que a Verdade seja sua Morada, para sempre estabelecida na Verdade, estabelecida em CRISTO.

Filhos do Um, através de minhas palavras, através de sua Transparência, acolhamos, na Humildade e na Simplicidade, a Vibração palpitante da Unidade da FONTE, que vem despertar, em vocês, a reminiscência do que vocês São, para além do esquecimento e para além da separação.

Filhos do Um, celebremos, juntos, a Comunhão dos Uns com o Um.
Isso se abre e torna-se possível, porque sua Consciência e Espírito podem, doravante, escapar da marca desse tempo, desse mundo, a fim de penetrar no Tempo sem tempo, sem mais esperar.
A fim de que vivamos, de Comunhão em Comunhão, sua Ascensão e nossa Descensão, permitindo-nos reunir no nó da Unidade, no qual se Libera e revela-se a totalidade dos possíveis, a totalidade dos Cantos da Criação, a fim de voltar a tornar-se Criador de sua vida, Criador de sua Consciência.

Filhos do Um, Unificados ao Um, o Tempo chegou de não mais viver o mínimo medo, porque o Amor está além do medo, porque a Luz vem, enfim, despertar, inteiramente, o Coração do Ser e o Coração da Consciência, magnificando sua Presença no Si despertado, no Si realizado, no Si e no mundo, a fim de que esse mundo não seja mais alterado por quem quer que seja e pelo que quer que seja.

Juntos, pela Graça da Comunhão, elevemos a Vibração.
Pela Graça da Paixão, para além de toda paixão, pela Paixão do CRISTO, do Amor Crucificado e Ressuscitado na Unidade da Verdade, juntos, nós Vibramos na Graça da Comunhão.

De meu Coração ao seu Coração e de cada Coração Presente, aqui e em outros lugares, ao meu Coração (que é o mesmo Coração, que bate em uníssono ao Um), vivamos, juntos, essa Comunhão.

União e Liberdade, Verdade e Vibração e Pulsação, ressonância útil da Beleza, da Glória e da Verdade.
Para além de toda Ilusão, para além de toda percepção, no silêncio das palavras, no silêncio dos sons, vocês penetram, enfim, através de sua última Passagem, aquela da Porta Estreita, nas Esferas do Silêncio e nas Esferas dos Anjos, nas quais tocam mil violinos, nas quais os Anjos acolhem-nos por seu Canto Unificado, magnificando a Presença de vocês no Si, na Unidade.
Isso está aberto, porque a Porta está aberta.
Isso é possível porque, na Graça, nada há de impossível.
Para isso, sua consciência deve desviar-se de tudo o que é falso, abrir-se a tudo o que é Verdadeiro, sair do efêmero e entrar na Eternidade.

Filhos do Um, Filhos de Verdade, a hora e o Instante são o Tempo da Presença, doação da Graça que magnifica seu Presente, que magnifica seu Instante e que magnifica sua Vibração.
Juntos, acolhamos a Graça do Um.
Vivamos, juntos, a Comunhão dos Santos e a Comunhão dos Uns, a fim de que o mundo torne-se Consciente e seja Livre para fazer a escolha da Graça, a escolha da Unidade e da Verdade.

Façamos, juntos, o Silêncio da Comunhão.
Escutemos e ouçamos o Apelo do Um para viver o Si.
O Apelo do Um para responder à Graça d’Ele, por sua Graça.

... Efusão Vibratória / Comunhão...

Bem amados Filhos da Lei de Um, na qual a única Lei é a Unidade, na qual o único peso é a Leveza, na qual a única Liberdade é aquela de ser Livre, na qual a única missão é aquela de Ser, permanentemente e para a Eternidade, a cantar o Canto da Criação, a cantar os Louvores da Verdade e da Unidade, percorrendo as Dimensões ou inscritos na Luz Una, vivos.
Porque vocês o São, para além da morte desse mundo, para além desse mundo que é Ilusão.

O Tempo chegou de sua Verdade.
O Tempo chegou de palpitar na Vibração Una.
O Tempo chegou de viver.
Então, juntos, Comunguemos ao conjunto dos Arcanjos dos quais me faço, nesse instante, o porta-voz Vibral, a fim de despertar as Estrelas de seu Coração, as Portas e os Pilares de seu Coração, a fim de que nada mais seja confinado, a fim de que nada mais seja selado, a fim de que nada mais seja isolado.

Comunguemos.

... Efusão Vibratória / Comunhão...

Juntos, na Unidade e na Verdade, proclamemos, no Instante Presente, a Presença a Si, no «eu sou Um».
Comunhão de Graça.
Comunhão e Fogo.
Fogo do Coração, que vem abrasar e elevar o Coração de sua Unidade, o Coração do seu Estado de Ser, o Coração de sua Consciência.
No mesmo Canto e no mesmo Silêncio, aquele que abre as Portas à Comunhão e ao CRISTO.
A Dança das Estrelas, a Dança do Sol e a Dança de seu Coração permitem a esse corpo viver a mutação que o conduz à sua Transparência, que o conduz à sua Alegria.

Acolhamos, nesse espaço Vibral, o Canto de OD, Passagem de Porta e Abertura.

... Efusão Vibratória / Comunhão...

É tempo de abolir as distâncias e os tempos, aqueles da Ilusão.
É tempo de estabelecer-se na Presença d’Ele, na Graça e no Presente da FONTE Una, a fim de magnificar sua Consciência.

... Efusão Vibratória / Comunhão...

A Estrela que brilha nos Céus aproxima-se a grandes passos, para vir abraçar o Céu e Liberar, inteiramente, a Consciência do Ser.
E Liberar, inteiramente, pela Graça do Fogo e do Espírito.

O Tempo é para a consumação.
O Tempo chegou de sair desse tempo, para entrar na Eternidade, a fim de esquecer essas vidas, esses sofrimentos, a fim de não mais portar o medo e os horrores da separação, a fim de ouvir o Canto da alegria da Unidade, no silêncio das palavras e no silêncio dos males, a fim de que apenas a Alegria permaneça, porque ela é sua Morada, para a Eternidade, porque ela é seu Espaço, sem limite e sem fim.

O Verbo, e não mais a linguagem, fez-se carne.
O Verto volta a tornar-se Espírito: aquele de Verdade, aquele do Amor.
O Verbo é Luz, porque Linguagem Vibral.
O Verbo é Verdade, porque ele soa em vocês e faz ressoar o Coração.
Cada um de vocês pode viver a Graça, na condição de que a Graça torne-se, inteiramente, sua Presença, no Tempo do Instante, para além de todo sofrimento, para além de todo peso.
Há apenas a necessidade de que o Coração abra-se e incline-se no Instante Presente.
Então, a Graça e a Comunhão inundarão a Consciência.
A Alegria tornar-se-á a Eternidade, como vocês fizeram no Juramento, há extremamente muito tempo de seu tempo, à FONTE Una.
E, juntos, unidos no Um e Liberados, eu Vibro, em vocês e por vocês, na Comunhão da Graça.
Amados do Um, amados do Amor.

... Efusão Vibratória / Comunhão...

Juntos, Unidos e Liberados em Comunhão, nós Unificamos a Consciência, a fim de que o Louvor do Um torne-se o Canto da Vida, o Canto de sua Presença.
No silêncio da Ilusão e na Plenitude do Coro dos Anjos.
Abram a Porta à nossa Comunhão.
Nada há a reter.
Nada há a conservar, porque tudo deve ser dado, porque tudo deve ser Abandonado à Graça e à Verdade.
Filhos do Um, Comunguemos no Fogo do Espírito, no Fogo do Coração e na Unidade revivificada.
O tempo de sua Presença chegou.

... Efusão Vibratória / Comunhão...

Então, juntos, por minha Presença e sua Presença, nós podemos Trabalhar no Ser absoluto, estabelecido no Um e Passar o que há a Passar.
Revelemos o átomo embrião de Diamante.
Revelemos o Espírito que jamais pôde ser apagado.
Enquanto desenrola-se e desenrolar-se-á o alarido desse mundo, percebam apenas o Canto do novo Nascimento, aquele da Consciência Una.
Tornem-se a Alegria que vocês esperam ver nesse mundo, em sua nova Vibração e em sua Ascensão.
Tornem-se o Ser que vocês jamais deixaram de ser.
Os véus do isolamento e da Ilusão serão consumidos, inteiramente, abrindo seus olhos e seu Coração, dando-lhes a ver o Éter e o Coração, dando-lhes a viver o Som da Unidade, dando-lhes a viver o Tempo Eterno da Graça.
Comunhão permanente e perpétua.
Nova Eucaristia da Tri-Unidade.
Em todo Mundo e em toda Dimensão, nos quais estará sua Consciência, magnificada, Revelada ao Si e à sua Presença.

Juntos, vocês aqui e em outros lugares, e eu, Arcanjo URIEL, vivamos e reforcemos a Comunhão e a Graça, pelo Fogo do Espírito e o Fogo do Amor.

... Efusão Vibratória / Comunhão...

O Tempo é aquele do Coração, aquele da Presença, aquele da Vibração, da Unidade e da Liberdade.

Amados do Um, a Trombeta da Ressurreição irá ecoará no seu Coração.
Graça do Amor.
Graça feita para esse mundo.
Nesses Tempos de Ascensão.
Nesses Tempos de Alegria.
A Comunhão e a Unificação de Consciências é a arma a mais intensa do Amor e do Um.
Então, emitamos, no ser íntimo e Interior, o Canto da comunhão e o canto da Graça, revelação de Luz que vem iluminar o Templo do Coração, acendendo a Lâmpada e a tocha do Fogo, aquela que vai trabalhar nas colunas da Liberdade e nas asas do Vôo.
Juntos, Unidos e Livres, na Unidade da Alegria, na Unidade da Vibração, na Unidade da Tri-Unidade, no Fogo de sua Tripla Lareira, Comunguemos.

... Efusão Vibratória / Comunhão...

Nós somos Um, porque tudo é Um.
Nós somos o Amor, porque tudo é Amor.

... Efusão Vibratória / Comunhão...

O Tempo chegou de mostrar sua Chama e sua Ardência.
O Tempo chegou de iluminar esse mundo, inteiramente, pela Presença da Graça e a Graça de sua Presença, a fim de que o Canto da Comunhão conclua suas Núpcias de Luz.
No abrasamento do Amor, no abrasamento do Sol e da Terra, e desse corpo que se forjará no Amor, na Transparência e na Beleza.

Então, como Anjo da Presença e Anjo da Reversão, Arcanjo da Passagem, eu lhes emito e transmito minha Graça.

... Efusão Vibratória / Comunhão...

Vocês serão chamados pelo Canto do Êxtase a entrar em Comunhão, a viver sua Unidade, no Tempo da Passagem Interdimensional, no qual o Coração abrasar-se-á, de maneira eterna.
Tudo é Um, porque nós somos Um.
Dignem-se, Filhos do Um, aceitem minha Presença em seu Coração.
Dignem-se viver a Comunhão de nossa Unidade.

... Efusão Vibratória / Comunhão...

Eu, URIEL, Anjo da Presença, Anjo da Magnificência, emite-lhes o que deve ser emitido.

Comunguemos.

... Efusão Vibratória / Comunhão...

Tudo é Um.
Nós somos Um.
Eu sou Um.

... Efusão Vibratória / Comunhão...

Eu suis URIEL, Anjo da Presença.
De meu Fogo ao seu Fogo, no mesmo Amor e na mesma Verdade.
O Batismo de Fogo, aquele do Espírito Santo, vem fecundar e vivificar o sentido de sua Presença e a acuidade de sua Presença, a fim de viver a Fusão do Éter e a Fusão do Um, nesse espaço, nesse lugar, em todo Espaço e em todo lugar, tanto nesse tempo como em Todos os Tempos.

Comunhão e Graça.

... Efusão Vibratória / Comunhão...

No Amor do Um, na Verdade do Um, na Luz do Um.

... Efusão Vibratória / Comunhão...

Tudo está consumado, porque tudo é Um.
Eu sou URIEL, Anjo da Presença, e eu sou vocês, nesse espaço e em todo Espaço, em Comunhão.

... Efusão Vibratória / Comunhão...

Vibração do Único, no Templo do Coração, em nome do Um e da Verdade, damo-nos os Corações, no mesmo Coração.

Eu sou URIEL, eu nos amo, porque eu sou Amor.
E eu recebo seu Amor, porque vocês o São, tanto quanto eu o sou.
Nós somos Um.

... Efusão Vibratória / Comunhão...

Eu saúdo, em vocês, a Beleza e a Verdade.
Eu saúdo, em vocês, a Graça e a Presença.
Eu saúdo o que vocês São.
E eu rendo Graças pelo que nós Somos.

URIEL lhes diz, no Fogo do Espírito, na comunhão de suas 19 horas (hora francesa): até já e até sempre.

... Efusão Vibratória / Comunhão...

___________________
Compartilhamos estas informações em toda transparência. Obrigado por fazer do mesmo modo. Se você deseja divulgá-las, reproduza a integralidade do texto e cite sua fonte: www.autresdimensions.com.
Mensagem publicada em 26 de outubro, pelo site AUTRES DIMENSIONS.
Versão para o Português - Célia G - leiturasdaluz.blogspot.com



Gostou? Compartilhe esta publicação nas redes sociais

0 comentários:

Postar um comentário