ANAEL - 12 de setembro de 2011 - Autres Dimensions

Clique aqui para comentar esta publicação




- Ensinamentos do Arcanjo da Relação e do Amor -

ÁUDIO mp3 ORIGINAL:

~ OS QUATRO PILARES DO CORAÇÃO ~

Eu sou ANAEL, Arcanjo. 
Bem-amados Filhos da Luz e bem-amadas Sementes de Estrelas, que a Paz e o Amor sejam a sua Morada.
Comecemos, primeiramente, por um momento de Comunhão, de Coração a Coração.

... Efusão Vibratória ...

Bem-amados, o meu propósito será, neste momento, mostrar a vocês o que são os 4 Pilares do Coração.
Há algum tempo, foi abordado pelos Arcanjos o que foi denominado os 4 Pilares, denominados Ética, Integridade, Atenção e Intenção, vindo ancorar, em meio à Cruz da Redenção, entre os pontos AL/OD e IM/IS, o próprio princípio desses 4 Pilares elementares, revelados na consciência ordinária, que eu chamei, em uma época, de HIC NUNC.
Esses 4 Pilares devem ser revelados, se isso ainda não aconteceu, em meio ao Coração, permitindo, através dos 4 Pilares do Coração (e não mais da cabeça e da consciência ordinária, mas, sim, no nível da nova Consciência), estabelecerem-se no Fogo do Coração, da sua Unidade e do seu Estado de Ser.
Algumas dessas Portas, alguns desses Pilares, foram abordados e explicitados (ndr: intervenção de O.M. AÏVANHOV, de 11 de setembro).
Essas Portas têm por nome: UNIDADE, AL, OD e KI-RIS-TI, permitindo sustentar o desdobramento da Coroa Radiante do Coração, o desdobramento da sua Unidade e o próprio acesso ao seu Estado de Ser.
A 4ª Porta (ou o 4º Pilar) foi instalada, há pouco tempo, pelo Lorde METATRON, chamada de KI-RIS-TI, situando-se na parte de trás do peito.
Este ponto (e esta Porta) está diretamente em ressonância com uma das virtudes cardeais existentes na Consciência Unitária, seja qual for a Dimensão do Corpo de Estado de Ser, e isso é chamado de uma palavra que é Transparência, ligada a KI-RIS-TI, o Filho Ardente do Sol, a Luz, Ela própria.

*** 

Outras Portas foram explicitadas por alguns Anciãos.
Essas Portas possuem os nomes das virtudes denominadas Humildade e Simplicidade.
Humildade corresponde ao Espírito (chakra de Enraizamento do Espírito), em ressonância direta com a Vibração interdimensional da Porta UNIDADE.
O chakra da Alma (ou Porta AL) está diretamente em ressonância com o conceito de Simplicidade.
Humildade, Simplicidade e KI-RIS-TI formam um triângulo peculiar, entre a parte da frente e a parte de trás do peito, vindo então se completar pelo ponto OD (Porta Estreita: primeiro novo Corpo denominado Corpo do Embrião Crístico), possibilitando a passagem do ego ao Coração, pela Porta Estreita, o que é denominado Ressurreição.
Este ponto OD é o 4º Pilar.
Ele também é chamado de Infância, ele também é chamado de Pobreza de espírito (ou seja, quando o mental não está prevalecendo).
Todas essas palavras chamam, da minha parte, além da Vibração dessas Portas, alguns elementos que eu vou tentar revelar, em vocês, pela Vibração e pelas palavras.

***
 

Comecemos pela última Porta, aquela que foi aberta recentemente: Porta KI-RIS-TI, em ressonância com a Fusão em meio à Luz Branca, com a dissolução em meio à Transparência, em meio à Unidade, à Verdade e à Beleza.
A Porta KI-RIS-TI é, de algum modo, o impulso de CRISTO, realizado por alguns místicos que fizeram a fusão da sua Presença com a Presença de CRISTO.
Este foi o caso para algumas Estrelas.
Aquelas tendo ainda chamado CRISTO de seu esposo, não sem razão e não sem conexão, se pudermos dizer, com o princípio do casamento, no sentido humano, mas transcendido, em um sentido místico.
União que é Liberdade e que faz com que se torne Portador, na totalidade, pela Transparência, da Vibração de CRISTO.
Presença essencial nos Mundos Livres.
Isso apenas pode abrir-se e se manifestar na Transparência. 
O que é esta Transparência?
Trata-se de uma Transparência, inicialmente, frente a si mesmo.
Trata-se, em um segundo momento (às vezes confundido), de uma Transparência de si mesmo frente ao conjunto do mundo sobre o qual vocês estão.
Isso significa que a um dado momento, na vida da Consciência Unitária, há a possibilidade de se deixar atravessar, inteiramente, pelas energias deste Mundo, sem ali interferir de qualquer forma e de qualquer maneira.
Dando acesso ao verdadeiro desprendimento, dando acesso ao que os Anciãos denominaram Sat Chit Ananda, a Morada da Paz Suprema, Shantinilaya.

*** 

É apenas na Transparência e, então, na não resistência à penetração de tudo o que pode atravessar uma alma, um corpo e um Espírito, que é encontrada a Verdade da Liberdade e da Liberação.
Isto nada tem a ver com a indiferença.
Isto se aproxima do desprendimento, ou seja, de ser capaz de viver, no seu mundo, aí onde vocês ainda estão instalados, enquanto se tornando Transparente: não mais ser afetado por um elemento ou por um acontecimento, por uma pessoa ou por um lugar, tornando-se então Transparente, integralmente, e lhes permitindo então viver, não mais na personalidade (isso de que foi chamado de corpo de desejo, reagindo aos impulsos), mas estabelecer-se no Corpo de Eternidade, Corpo do Amor e do Coração.
Possibilitando serem atravessados por todas as correntes da vida, sem interferir e sem nada reter, em meio a estas correntes da vida.
Que isso se refira a uma pessoa, que isso se refira a um lugar, que isso se refira a uma circunstância, que isso se refira a um acontecimento, a Consciência da Unidade, naquele momento, torna-se Transparente e vive então, sem resistência, as provas, como alegrias, com a mesma Felicidade, a mesma Alegria, o mesmo Júbilo e a mesma Unidade.

*** 

Esta Transparência é obtida através de CRISTO, tornando-se, vocês mesmos, Filho Ardente do Sol, deixando-se casar e ser desposado pela Luz Vibral.
O impulso deste ponto ocorre, de maneira concomitante, com a Porta OD.
Passagem à Ressurreição, passagem à Crucificação, inscrita, muitas vezes, no mesmo tempo, na mesma passagem pelo mesmo tempo e pelas próprias circunstâncias da sua vida, chamando-os à Pobreza de espírito.
Ou seja, para superar os mecanismos duais da ação e da reação, para superar os mecanismos duais de qualquer compreensão, a fim de não mais querer saber, a fim de se estabelecer em meio ao Ser e em meio à Unidade.
Este é um eixo vertical, da mesma maneira que existia um eixo AL / OD (Atenção e Intenção), no nível da cabeça.
Nestes 2 Pilares na vertical, constituindo um eixo vertical do Coração entre KI-RIS-TI e OD, vocês realizam o princípio da Nova Aliança, da nova Eucaristia.

*** 

Pode, então, ser estabelecido o que são denominados Humildade e Simplicidade.
Humildade estando em ressonância com o ponto IM da cabeça, chamado também de HIC, pois é efetivamente aqui (ICI), desembaraçado de todo este futuro, desembaraçado de todo este passado, desembaraçado de qualquer passado, desembaraçado de qualquer futuro, que vocês podem se alinhar à Vibração do instante eterno do seu presente, denominado HIC.
Isso ocorre de maneira concomitante à instalação da Humildade.
Pois a Humildade nada tem a ver com qualquer reivindicação do eu, nada tem a ver com qualquer atribuição de papel e de função, neste mundo.
É isso que é denominado, em termos comuns, Humildade: tornar-se de novo humano, tornar-se húmus, isto é, o sal da Terra e o pó da Terra.
Realizando, assim, as palavras: “tu és pó, e ao pó voltarás”, consistindo em não mais se identificar com qualquer efêmero (seja no corpo, nas reivindicações e em uma presença efêmera), mas transmutando esta instalação no Eterno.
Humildade: Sopro do Espírito, Sopro da Verdade, Vibração da Unidade, aceita, aquiescida e integrada.

*** 

Ao lado da Unidade, simétrico em relação ao ponto ER do peito (Irradiação da FONTE), encontra-se a Simplicidade.
Na realidade, o Amor é simples, contrariamente às construções existentes neste mundo sobre o qual vocês estão, requerendo justificativa, explicação, reivindicação e ação-reação.
A Simplicidade da alma (AL que se volta para o Espírito), a Simplicidade do Espírito reencontrado, manifesta, neste próprio mundo, o sentido da Simplicidade.
Isso significa que a vida se torna simples, ela não impõe qualquer condição.
Na Transparência mais total e na Crucificação mais total, a Unidade é então centrada.
Segundo esses 4 Pilares, o Coração então pode se abrir, tal como uma corola, e Vibrar no Fogo do Coração, da Coroa Radiante do Amor.
Os 4 Pilares são então assim estabelecidos, pela Vibração das Portas, permitindo-lhes, então, manifestar a Coroa Radiante do Coração, possibilitando transmutar as virtudes cardeais (chamadas de Elementos), situadas no nível dos pontos AL-OD e HIC e NUNC da cabeça, permitindo revelá-las no peito.

*** 

Este trabalho é um trabalho de Abandono total, de fidelidade a CRISTO, de fidelidade à Luz.
Fazendo desaparecer, por completo, o corpo de desejo.
Fazendo-os passar a Porta Estreita, estabelecendo-os no casamento místico da nova Eucaristia com CRISTO, MARIA e MIGUEL.
Permitindo, pelo caminho da Humildade e pelo caminho da Simplicidade, estabelecer-se no ER, ou seja, no Coração e no Centro.
Naquele momento, o Fogo do Coração os abrasa e permite serem estabilizados na Alegria, em Sat Chit Ananda e viver a Paz e a Morada da Felicidade Eterna.
A Porta Estreita, a Humildade, a Simplicidade e a Transparência são as quatro virtudes cardeais do Coração, possibilitando transcender, de alguma maneira, a Atenção, a Intenção, a Ética e a Integridade, nessas virtudes, não mais impostas ou acatadas, mas vivenciadas, realmente e em Verdade, no Coração.
É nisso que o desdobramento final dos quatro Elementos (denominados também os quatro Querubim ou os quatro Hayoth Ha Kodesh) vai permitir realizar a Fusão da nova Tri-Unidade (inscrita, há quase um ano, nos pontos denominados, no nível do Coração, o Triângulo da nova Tri-Unidade).
Cabe a vocês ajustar-se e se fundir em uma mesma Verdade: aquela da Unidade, pelo quaternário dos 4 Pilares, permitindo integrar-se na Trindade, reunir-se à Unidade e ali estabelecer a sua Morada.
Através das novas fundações, da Porta OD.
Através da Transparência, do Corpo de Estado de Ser.
Através da Humildade e da Simplicidade.
Transformação de HIC e NUNC, permitindo penetrarem no Tempo sem tempo, além deste mundo e além dos tempos deste mundo, a fim de viver a Verdade.

***

Aí está o que é proposto a vocês, pelo conjunto dos Arcanjos, pelo conjunto dos Anciãos e das Estrelas, reunidos, doravante, na mesma Assembleia, levando-os a viver conosco, os Arcanjos, a Unidade, na totalidade.
Então, resta estabelecerem-se, em Consciência e em Verdade, através desses 4 Pilares, no Fogo do Coração (Fogo do Amor, Fogo da Alegria, Fogo da Verdade) e, enfim, ascenderem ao que vocês São, na Transparência, na Pobreza, na Humildade e na Simplicidade.
Esses 4 Pilares são as 4 Portas, as últimas, levando-os a viver o Fogo do Coração e a ignição do ponto ER, no centro do peito, conferindo, naquele momento, como foi dito, a capacidade para viver a Irradiação d’A FONTE, tornando-se vocês mesmos, pela Transparência, A FONTE.
Vivendo, por si mesmo e por esta Transparência, a passagem da Porta Estreita.
Pela Humildade, pela Simplicidade, procedentes de HIC e NUNC, para estabelecerem-se em meio à Cruz centrada, aquela que os faz viver a Verdade do Éter, além do confinamento dos quatro Elementos deste mundo.

*** 

O momento é para o desdobramento, como vocês constatam, da Luz Adamantina (em sua fase mais importante que se situa a partir de amanhã, em termos do calendário terrestre), levando-os a viver, em vocês, o desdobramento desses 4 Pilares.
Conduzindo-os às Portas da Interdimensionalidade, às Portas do Estado de Ser, às Portas da Verdade, às Portas da Alegria e às Portas da sua própria Eternidade.

*** 

Uma série de elementos serão dados, de maneira complementar, permitindo, por meio de manobras muito simples, para aqueles de vocês que ainda não vivenciaram o Fogo do Coração, de maneira estável, tentar ali se estabelecer, pelo seu Abandono em meio aos 4 Pilares, e viver a Unidade, plenamente (ndr: ver o protocolo ‘Os 4 Pilares do Coração’).

*** 

É isso aí o que o Conclave Arcangélico, do qual eu sou o Embaixador, encarregou-me de divulgar a vocês, hoje, de divulgar sobre esta Terra, despertando os 4 Elementos da Terra.
Permitindo, dessa maneira, a passagem da Porta Estreita da Terra, confirmando a libertação da Terra, para um momento muito próximo, em termos terrestres.
Em meio a esta passagem (como os Anciãos, as Estrelas e nós mesmos, denotamos a vocês), nós estamos doravante à beira da sua Dimensão, ao lado de vocês (para as Estrelas), em vocês (pelas Portas).
E em vocês, pela irradiação do Amor, que nos une e nos reúne, na Liberdade e na Autonomia.

*** 

Bem-amados Filhos da Lei do UM, bem-amadas Sementes de Estrelas, neste instante (que antecede o nosso alinhamento, onde eu irei permanecer com vocês e em vocês), nós iremos acolher a Vibração dos 4 Pilares, à minha maneira.

*** 

Primeiramente, acolhamos a Porta KI-RIS-TI, em ressonância com o Anjo METATRON.

... Efusão Vibratória ... 

Bem-amadas Sementes de Estrelas, acolhamos agora o segundo Pilar: OD, a Porta Estreita, a Pobreza e a verdadeira Riqueza.

... Efusão Vibratória ... 

Acolhamos agora o terceiro Pilar (em ressonância com HIC, ICI): Pilar da Humildade, Porta da Unidade.

... Efusão Vibratória ... 

Bem-amados Filhos da Lei do UM, acolhamos e ressoemos, agora, o último Pilar: aquele da Simplicidade, em ressonância com NUNC, Porta AL.

... Efusão Vibratória ...

Bem-amadas Sementes de Estrelas, resta conectar, no centro do Coração e no centro do ponto ER, o conjunto dos 4 Pilares.
Então, pode ressoar o Som do Éter, o Som da Terra e o Som do Céu, novamente reunidos e liberados.

... Efusão Vibratória ... 

Dessa maneira, nós poderemos, juntos, reunidos e Unificados, viver o alinhamento com a Merkabah Interdimensional coletiva, tendo feito ressoar e Vibrar a base dos 4 Pilares.
Juntos, agora, eu estou em vocês, e com vocês, para Vibrar, no Canto do Éter da Merkabah.

... Efusão Vibratória ... 

Filhos do UM, que a Luz de CRISTO seja a sua Verdade.
Eu sou ANAEL, Arcanjo.
E eu lhes transmito Bênçãos e Amor.
Até breve. 


************ 

Mensagem do Bem-Amado ARCANJO ANAEL no site francês:
12 de setembro de 2011
(Publicado em 16 de setembro de 2011)

*** 

Tradução para o português: Zulma Peixinho


************


Gostou? Compartilhe esta publicação nas redes sociais

0 comentários:

Postar um comentário