URIEL – 5 de agosto de 2011

Clique aqui para comentar esta publicação







Áudio em francês:
URIEL_part1-05-08-2011 por autresdimensions
URIEL_part2-05-08-2011 por autresdimensions

Eu sou URIEL, Anjo da Presença e Arcanjo da Reversão.

Bem amadas Sementes Estelares, bem amados Seres, juntos, vamos comungar, de Presença a Presença, de vocês a mim e de mim a vocês.
Juntos, Unidos na mesma frequência, Unidos no mesmo Canto, vamos Vibrar.
E vamos viver o espaço de Liberdade.
Juntos, Unidos e reunidos na Liberdade da Luz, no Canto da Alegria, Vibremos.
Elevemos, juntos, o Coração ardente, aquele que Vibra o som da Liberdade, aquele que Vibra a Presença Sagrada, em seu espaço, nos espaços e no firmamento da Terra e dos Céus.

Filhos da Verdade, juntos, Elevemos o Canto de nossa Presença comum.
Juntos, Vibremos e vivamos, no espaço de Liberdade, no espaço de Alegria, no espaço de Paz.
Nesse tempo e no conjunto dos tempos, nesta Dimensão e no conjunto das Dimensões, vivamos a Liberdade, vivamos a Verdade.
E Vibremos.
Dancemos na Luz e no som da Vibração.

Reunidos e Unificados.
Livres e Liberados.


Fusão dos Éteres.
Fusão de Luzes.
A hora é para a Luz.
A hora é para o Instante: aquele da Verdade do Ser, nos espaços de Liberdade.
Elevemos a Vibração, elevemos nossa Consciência, a minha como a sua, a sua como a minha.
Juntos, Despertemos a Alegria, Despertemos a Unidade e a Paz da Verdade.

Amados do Um, nós somos Um.
Em vocês, entre vocês e entre nós, elevemos a Vibração, cantemos a Liberdade e vivamos a Vibração da Essência, no sentido do Um e de cada Um.

Filhos, amados do Um, criados na Verdade que é sua e que é nossa.
Juntos, ressoemos na frequência Una do Amor Um.
Elevemos nossa Presença e sua Presença, reunidas no Éter e na Eternidade.
Vibremos.
Filhos de Verdade, filhos da Alegria, nós estamos reunidos para sempre e na Eternidade dos Tempos, e na Eternidade dos espaços.
Trabalhemos e abramos o Templo da Alegria, Templo da serenidade no qual se estabelece a Paz, no qual se estabelece a Presença.

De Presença a Presença, na Presença do Um, na Presença da FONTE, filhos da FONTE, Fonte do filho, nós somos Um.
Isso, nós Cantamos e declamamos, nós proclamamos na Vibração da Unidade, na Vibração da Essência.

Elevem.
Elevem o sentido.
Elevem a Essência.
Vocês são a Verdade da Unidade, vocês são a Unidade da Verdade.

Filhos e, enfim, nós estamos reunidos no Um.
Para a Graça do Um.
Para a Graça da Alegria, do Amor e da Unidade.
Para além de todo limite, ilimitados.
Ilimitados e Revelados; ilimitados e Unificados.

Juntos, Vibremos.
De Presença a Presença, na Presença d’Ele, Ele, que vem a vocês.
Como vocês O acolheram, Ele os acolherá.
Juntos, nos espaços do Éter, no qual sombra alguma pode persistir.
Juntos, nós Vibramos no Canto da Liberdade, no Canto da Presença d’Ele, a fim de que jamais possa apresentar-se a menor forma de aprisionamento.

A hora chegou de estabelecer; a hora chegou de nascer à Verdade de sua Essência.
Presença e Unidade.
Presença e sentido.
Viver a Vida, a Verdade e o Caminho, porque vocês são o Caminho, a Verdade e a Vida.
Assim como Ele ensinou, tendo descido entre vocês, a fim de que vocês voltassem a Ele.

O Tempo chegou do Retorno d’Ele e de sua Reversão; de ir para Ele como vocês vão para vocês, a fim de que não haja qualquer distância em sua Presença e na Presença d’Ele.
Espaço de Liberdade, espaço de Verdade.
A hora é para a Essência, a hora é para a Alegria, a hora é para a Paz.

Então, juntos, no âmbito de nossa Presença, acolhamos o Graal da Luz d’Ele, a Verdade da Unidade d’Ele, que é sua para a Eternidade.
Juntos, abramos a Vibração Una, aquela da Essência reencontrada.
Viver a Liberdade.
Viva sua Liberdade.
Liberação na Alegria.
Liberação, na qual nada está compartimentado.
Liberação, na qual tudo é Liberado.

A hora chegou de ser a Alegria.
A hora chegou de ser a Paz.
A hora chegou de ser a Verdade.
Nesse tempo e para além desse tempo.
Nesses espaços, nos quais nenhum tempo pode constranger; nos quais nenhum tempo pode comprimir a Verdade que se expande ao infinito dos Mundos, no infinito dos Cantos, no conjunto de frequências da Alegria.

Vibração.
Eternidade.
Vocês são os filhos da Eternidade.
Vocês são os filhos da Luz.
Vocês são a Luz da criação.
E isso se desenrola agora, no espaço Sagrado de seu Templo, sobre esta Terra, reencontrando seu Sacro e seu Sagrado.

Filhos do Um, filhos da Lei de Um, estendam suas asas, aquelas da Liberdade.
Estendam suas asas, aquelas da Vida n’Ele.
Da Vida na Verdade.
Espaço.
Espaço não submisso.
Espaço insubmisso, no qual nenhuma barreira pode transgredir a Lei da Liberdade, que é a Lei da Graça dos Filhos do Um.

Eu sou URIEL e vocês são o que eu sou.
Ressoemos e Vibremos na comunhão de nossa Presença, reunidos na Ronda do Um, na Ronda do Amor, na Ronda da Verdade, formando o círculo e o cenáculo, no qual se pode depositar a Verdade da Liberdade.

Filhos, abram.
Abram as válvulas do Coração.
Abram o Templo do Ardente, Aquele que vem queimar o que é falso, aquele que vem Liberar o peso.
Reencontrem a leveza de sua Essência.

Juntos, reunidos na Presença, chamemos e abramos a Luz da Verdade.
Chamemos e abramos o espaço da Verdade, no Templo Sagrado, no qual se revela, então, a Verdade da Presença d’Ele.

Reencontrem-se em vocês.
Reencontrem-se na Unidade, aquela da Liberdade e aquela da Verdade, na qual está a Vida, a única, a Verdadeira, e não a Ilusão da Vida, e não a Ilusão de algo de limitado.

Vocês são chamados a viver o que vocês São.
Vocês são chamados a Vibrar no som do Éter, no conjunto dos Éteres da Criação, sem limite, sem barreira e sem nada que possa frear a Ascensão da Verdade.
Revelação, Presença a Presença, Canto de Glória e Canto de Unidade.

Juntos, vivamos a Liberdade.
Juntos, Elevemos a Vibração, aquela da Alegria e aquela do Fogo do Amor, Fogo do Espírito, no qual nenhum obstáculo pode perdurar.
A hora chegou de reencontrar o sentido.
A hora chegou de viver a filiação.

Filhos do Um, o Um revela-se através de vocês, de Presença a Presença.
Comunhão do Um ao Um e do Um ao outro e do outro ao Um.
Abram.
Nada mais há a fechar, nada há a voltar a fechar.
Há apenas a Vibrar, há apenas a Ser a Alegria e a Eternidade.
Viver a Liberdade é viver a Essência, viver o que vocês São.

Filhos de Luz, filhos da Verdade, Vibrem no Templo do Sagrado, a hora do Sagrado, aquela de seu Coroamento.
Filhos, Filhos Ardentes do Sol, KI-RIS-TI Revelados a KI-RIS-TI, abram.
Nada há a temer.
Nada há a esperar, porque tudo está aí.

Presença, Presença e Verdade.
Luz.
Luz Vibral, na qual se revelam as asas de sua Liberdade, as asas de seu Vôo.
Pelo Fogo ardente do Sol.
Pela Porta do Sol, que é aquela de seu Coração, aquela de sua Unidade.
Revelem suas asas.
Revelem sua Consciência, porque nunca mais ela será limitada por qualquer Sombra e qualquer obstáculo que seja.
Nunca mais vocês serão confinados.
Nunca mais vocês serão comprimidos.
A hora chegou, porque o tempo chegou.
Aquela do apelo da Luz.
Aquela da revelação de CRISTO, de volta em vocês e entre vocês, chamando-os a segui-Lo, a fim de ressoar sua Presença na Presença d’Ele.
Instante de majestade, no qual o Sacro do Sagrado revela seu tempo e seu espaço, no qual nada mais pode permanecer afastado, no qual tudo é reunido na Verdade do Ser Supremo.

Filhos, filhos do Um, escutem.
Escutem o Canto de sua Liberdade.
Escutem o Canto de seu Espírito, Unificado ao Espírito d’Ele e aos outros Espíritos, para fazer apenas um Espírito, no mesmo espaço e em todos os espaços.

Vibração.
Ardentes.
Filhos Ardentes, revelem o Canto da Liberdade, o Canto da Verdade e Vibrem.

Esqueçam tudo o que não é Ele.
Afastem tudo o que é limitado.
Voltem a tornar-se a Verdade.


Juntos, trabalhemos através de nossa comunhão, no acolhimento da Verdade Una.
Presença e Eternidade.
Vibração.
Acolhamos.
E acolham.
Como eu os acolho, vocês me acolhem, a fim de fazer apenas um no Um.
Revelem sua Luz, porque essa é sua natureza, porque é a última Verdade, sua Presença é nossa Presença.
Nunca mais haverá superior.
Nunca mais haverá inferior.
Somente permanecerá a Verdade do Instante e do meio, na qual se encontra o conjunto dos lugares, na qual se encontra o conjunto dos tempos, o conjunto dos espaços.
No Mistério da Criação, revelem em todos os Uns e em cada um.

Juntos, nós Vibramos no Fogo do Amor, Fogo da Verdade, Filhos Ardentes do Sol, no qual se revela o conjunto de sua Criação.

Vocês são a Criatura.
Vocês são a Criação.
E vocês são o próprio Criador de sua Unidade.

Sigam-No.
Descubram-No.
Ele é Bondade.
Ele é o Amor.
Ele é a Liberdade.
Ele é seu Caminho, sua Verdade e sua Vida.
Ele lhes pertence, como vocês pertencem a Ele.
Para além de qualquer relação, para além de qualquer pressão, para além de qualquer compressão.
Na Liberdade a mais total, que inunda o Coração de um Fogo: o Fogo da Unidade, o Fogo do Amor.

Viver a Liberdade é viver n’Ele, na FONTE Una.
Revelem suas asas de Liberdade.
Revelem a Coroa ardente de seu Coração, a fim de realizar o Sacro e seu Sagrado.
Tornem-se o Um, o Único, porque essa é sua Essência, porque essa é nossa natureza.
Uns e outros não estamos separados.
Na Luz do Um o Arcanjo se faz o filho, o filho se torna Arcanjo e ressoa na Liberdade da Vibração.

Sejam o que vocês São.
Mais nenhum obstáculo pode frear ou retardar a revelação da Presença d’Ele e de sua Presença, reunidas, Vibrando em uníssono da Verdade Una da Liberdade, estabelecendo seu Reino para a Eternidade.

Nós vimos a vocês, como vocês vêm a nós.
Ele vem a vocês, porque Ele sempre foi.
Jamais a separação pôde separá-los.
Jamais a Ilusão pôde fechá-los de maneira definitiva.
Esqueçam o que não é a Verdade.
Esqueçam o que não é a Unidade.
Vivam a Liberdade.

Juntos, nós revelamos a Luz Branca da Presença d’Ele e de sua Presença.
Abram as asas e abram o Coração.

Ascensão.
Ascensão.
Ascensão.

O Tempo chegou.
O Tempo do fim dos tempos, que é o Tempo do início da Liberdade, da verdadeira Vida na Eternidade.

Comunguemos, juntos.
No silêncio do espaço, infinito, da revelação da Luz e da Verdade.
Comunguemos, de cada um a cada um.
A Graça é o Templo da Alegria.
A Graça é o Templo da Liberdade.
Saiam do inferno.
Entrem no Tempo da Alegria.
Presença.
Luz.
Na imaculada brancura do Amor infinito e da Presença infinita d’Ele, que põe fim ao temporário, revertendo à Liberdade e à Eternidade, na qual o efêmero não tem mais lugar.

Presença e Vibração.
Canto do Êxtase.
Canto do Íntase.
Canto da Verdade.
Pulsação e Vibração.
O Coração se abre e se eleva.
As asas revelam-se e o Vôo Canta e ressoa no mais profundo de seu Templo.
Abram as válvulas do Amor.
Abram o Fogo da Liberdade.

Filhos do Um, escutem e ouçam a Presença d’Ele em sua Presença.
Som da Eternidade.
Momento no qual a Terra e o Espírito fazem apenas Um, porque todas as Presenças fazem apenas Um no Canto da alegria, na Vibração do infinito.
No espaço Sagrado de HIC e NUNC, o Espírito da Verdade revela-os a vocês mesmos: Seres de Alegria, Seres de Eternidade, Seres de Presença, de plenitude e de vacuidade, de Transparência e de Beleza.

Acolhimento.
Majestade da Simplicidade.
Majestade da Vibração.
O Fogo, o Fogo ardente do Coração consome e abrasa de Amor, num Canto de Êxtase e de Íntase, a Verdade de sua Presença e da Presença d’Ele.

Escutem.
Escutem e ouçam.
Viver o apelo à Liberdade, a Liberdade de viver a Presença.
Filhos Ardentes do Sol, Filhos Ardentes da Luz.
Presença Una.

Juntos, nesse espaço de Vida, de Liberdade, abramos o Caminho, abramos a Verdade, abramos a Vida.
Assim URIEL anuncia.
Assim URIEL abre-os ao Caminho, abre-os à Verdade e abre-os à Vida.
Cruzem a Porta.
Presença.
Unidade.
No silêncio de palavras e no Canto do Coração, aí, de imediato, aqui, nesse Presente, viver a Liberdade, espaço e tempo da Presença total d’Ele, em sua Presença, filhos do Um.

Eu sou URIEL e anuncio a Presença d’Ele em seu Presente.
E anuncio o Retorno da Liberdade.
Então, Canta e eleva-se o Canto do Espírito.
O som do Sagrado.
Aquele do Caminho, da Verdade e da Vida.

Eu sou URIEL, Anjo da Presença.
Eu sou vocês e em vocês, para manter a Porta e a tocha que vocês deixam passar à Presença d’Ele e à Radiância d’Ele.
Viver a Liberdade.

Filhos do Um, a Graça está em vocês, porque vocês são a Graça.
A Vida está em vocês, porque vocês são a Vida.
A Verdade está em vocês, porque vocês são a Verdade.
E o Caminho está em vocês, porque vocês são o Caminho.

Então, juntos, de Presença a Presença, Cantemos.
O Canto do Amor.
A gama da Unidade.
A nota da Verdade.
A chave da Liberdade.


Acolhimento.


Eu permanecerei alinhado a vocês e em vocês, como Ele estará para vocês e em vocês.
Amados do Um, através de minha radiância, a FONTE abrasa-os e torna-os Livres.
É tempo, agora, de preencher-se de Alegria, de saturar-se da Presença d’Ele.

Eu sou o Anjo URIEL e eu os amo.
Até já, no Instante Presente, na Alegria e na Presença, na Liberdade.
Gratidão infinita.
Amor.
Até já.

_______________________
Compartilhamos estas informações em toda transparência. Obrigado por fazer do mesmo modo. Se você deseja divulgá-las, reproduza a integralidade do texto e cite sua fonte: www.autresdimensions.com.
Versão do francês: Célia G. http://leiturasdaluz.blogspot.com

Gostou? Compartilhe esta publicação nas redes sociais

0 comentários:

Postar um comentário