O.M. Aïvanhov - 29 de maio de 2010 - Autres Dimensions

Clique aqui para comentar esta publicação




 - E BEM, CAROS AMIGOS... -

“As forças opostas à Luz sempre se serviram da Luz, invertendo-a.”



E bem, caros amigos, estou extremamente contente por reencontrá-los. 
Eu devo dizer, inicialmente, que houve intervenções que os debilitaram um pouco.
Então, como sabem, eu que gosto que vocês 'girem as bicicletas', vou lhes explicar porque. 
Inicialmente, transmito-lhes minhas saudações e, sobretudo, àqueles que jamais eu havia visto ainda, jamais percebido, em seus casulos de Luz. 
Então, de início, devo dizer que meu modo de proceder é o Fogo por atrito, quer dizer que eu gero em vocês, através das perguntas que vocês me colocam, a necessidade de girar ainda mais rápido a bicicleta (mental). 
Prestem atenção porque a bicicleta derrapa sobre a neve, não é? 
Portanto, tudo isso é para lhes dizer que a força com a qual vocês vão pedalar, ou seja, provocar a sua cabeça, ao final de certo tempo, os obriga a descer da bicicleta e a capitular diante da força da Verdade do Coração e do Amor. 
Aí está porque gosto muito de rir com vocês, cada vez mais.
É porque eu gosto de ajudá-los em suas perguntas mais comuns, eu diria, porque é através do comum que se encontra o extraordinário, certamente, e que se transcende a diferença comum-extraordinária para ir para mais autenticidade e simplicidade. 
Então, caros amigos, com todas as minhas saudações e o meu Amor, eu lhes dou imediatamente a palavra.

***

Questão: segundo Anael, a França seria poupada das perturbações climáticas. Por quê?

Porque vocês têm uma tradição, se quiserem, onde as bicicletas giraram muito.
Então, na medida em que as bicicletas giraram demais, vocês tornaram rígida uma série de coisas e é preciso bem compreender que não ter perturbações climáticas não é necessariamente uma vantagem, porque aqueles que se deixarem perturbar mais são aqueles que irão aceder, talvez, primeiro, eu diria, às Dimensões Unificadas. 
Portanto, quanto mais se está a oeste desse continente, mais há resistências ligadas ao mental que impedem o estabelecimento da Luz, de maneira também rápida como o será, por exemplo, nos continentes como a América do Sul. 
Há povos que, hoje, estão muito mais próximos das Dimensões Unificadas que os povos ocidentais, em particular os europeus do oeste, porque tiveram (tivemos, porque dele fiz parte), terrenos propícios a uma série de seguranças que foram instaladas, que nos fecharam, de algum modo, em uma espécie de torre de marfim, tornando-nos talvez mais dificilmente acessíveis e permeáveis à Luz. 
O que não é o caso, por exemplo, para os povos, como vocês vão vê-los em breve, da América Latina. 
E eu os lembro aliás de que eu disse, há aproximadamente 18 meses, que os povos, as primeiras pessoas a viverem a Ascensão de maneira consciente, seriam encontradas na América Latina.
O que não quer dizer, certamente, que vocês não terão qualquer evento de natureza climática.
Isso quer dizer, simplesmente, que a prioridade não está no nível climático e no parto, se quiserem, como disse Neige agora pouco (nota: referência à intervenção de Snow, de hoje).

*** 

Questão: para o que se dirige a Índia?

Para onde você quer que ela se dirija?
Como em todos os países, é preciso bem compreender que vocês estão submetidos a uma influência coletiva.
Esta influência coletiva não é cármica, propriamente falando, ela é matricial, quer dizer que ela está submissa a influências ligadas à sua própria cultura que tem existido desde muito tempo. 
A Índia é um país onde melhor se aconchega a ilusão mais cômica, eu diria.
Mas, entretanto, há Verdades essenciais que estão presentes na Índia, como em todos os países, não é? 
Entretanto, existem continentes, existem culturas, onde uma série de modificações é mais evidente a levar no nível coletivo, certamente.
Portanto, no nível dos continentes sub-indianos, as coisas irão a seu ritmo. 
No momento, vocês sabem, para os homens, não está evidente um parto.
Isso quer dizer que é algo que vai tocar inicialmente os continentes ou as culturas, de início da América Latina, em seguida dos países asiáticos. 
É lá aonde vão se revelar os movimentos tectônicos mais importantes, que vão se traduzir por fenômenos geofísicos dos quais vocês ouviram falar muitas vezes, certamente, e portanto vocês estão a par. 
Então, obviamente, a transformação não é a mesma para toda a humanidade, mas toda a humanidade passa pela porta da transformação.
Algumas transformações irão para algo de muito mais etéreo do que outras transformações e em meio mesmo às culturas ou aos continentes ou subcontinentes. 
Não se pode dizer que tal continente irá para tal lugar e que tal outro continente irá para tal lugar.
Obviamente, há predisposições, não é? individuais, que vão uni-los, aliás, a um continente como a um outro continente, independentemente da sua cultura ou do seu continente de origem. 
E quando eu digo uni-los, não é uma visão da mente, no nível vibratório.
Vocês vão ver: naquele momento, vocês irão viver transformações que irão colocá-los em meio a agrupamentos profundamente diferentes de acordo com o seu sistema de Crenças, eu diria, e sobretudo, de Vibração.

***

Questão: as Antilhas fazem parte das mesmas Vibrações que as da América do Sul?

Sim, completamente.
Todos os países situados não muito distante da América Latina, as ilhas, até mesmo, em meio a alguns mares, fazem parte desse mesmo «futuro» Vibratório. 
Na lógica, se quiserem, manifestações ligadas ao que já disse desde vários anos, em relação ao vulcanismo, por exemplo.
São os povos que estão os mais prontos para viverem o Fogo, o que chamei, parece-me, há quinze meses, de grelha-planetária.

***

Questão: por que a juventude parece estar na perdição (álcool, violência, sexualidade, etc.)?

As razões são múltiplas.
A humanidade foi condicionada, desde a existência da sua mídia moderna, a criar esta violência, a criar esta depravação. 
Mas não esqueça também que, entre os mais jovens que se encarnam hoje, são geralmente almas que responderam, elas ouviram em algum lugar no universo, nas Dimensões Unificadas, que haveria uma grande festa em algum lugar, uma festa inacreditável.
E o que fizeram todas essas almas?
Elas quiseram se encarnar sobre a Terra. 
Então, elas desceram na matriz e (para a maior parte, não todas, porque há as que se lembram, entre as almas índigo, cristal, diamante, que elas eram) elas se encontraram presas em um mundo que não é o seu mundo.
Elas participam, à sua maneira, através da resistência, através do que eu chamei de Fogo por atrito (a bicicleta que gira na cabeça, vocês se lembram), à sua maneira, na emergência da Consciência Unificada, porque, para que uma Consciência Unificada possa emergir, é preciso Fogo, muito Fogo. 
O Fogo do Espírito, certamente, mas, por vezes, para fazer nascer o Fogo do Espírito, é preciso que o Fogo da Terra e o Fogo das resistências da personalidade sejam manifestados.
Portanto, ainda uma vez, atenção ao ponto de vista que vocês colocam sobre as coisas.
Então, há quem diga ‘olhar’, outros, que dizem ‘ponto de vista’. 
Eu empreguei também o olhar, como é que isso foi chamado por Um Amigo? 
Borboleta, lagarta.
Isso depende do olhar que vocês colocam. 
Portanto, atenção, aí também, para não estarem limitados ao olhar que vocês colocam, porque quando vocês colocam um olhar nesse mundo da Dualidade, vocês emitem necessariamente um julgamento. 
Assim que um olhar se colocar sobre um acontecimento desse mundo, ainda que você seja um jovem que é atraído pelas jovens, você irá fazer um julgamento de valor: ela é bonita/ ela não é bonita, ou então, se você fir muito romântico: ela é romântica / ela não é romântica, ou então, se você estiver na Vibração: ela vibra ou ela não vibra, mas é assim mesmo um julgamento de valor, não é? 
Vocês adotam o mesmo princípio quando dizem: o que vão se tornar todos esses jovens que estão na violência?
Eu sempre disse e sempre lhes disseram, não se preocupem com os jovens.

***

Questão: nos tempos que estão chegando, o fato de se agrupar para pedir a Maria seria mais útil do que recorrer à proteção Mariana individualmente?

Creio que Cristo disse: «quando vocês forem dois ou três reunidos em meu nome, eu estarei entre vocês».
É evidente que, a partir do momento em que vocês forem vários, com uma intenção comum, a intenção é, como dizer, mais eficaz, mais imediata, antes. 
Eu tenho assim mesmo que ponderar esse discurso, cara amiga, pelo fato de que falar de proteção externa não quer estritamente nada dizer.
Ainda que Maria esteja aí para socorrê-los, ela vem salvá-los no sentido, não de uma salvadora, mas no sentido daquela que vai cobri-los com o seu Manto e com a sua Vibração.
Isso é uma coisa. 
Agora, enquanto vocês imaginarem que lhes seja necessário serem protegidos, é também uma forma de Dualidade. 
Eu não quero dizer com isso que não é preciso pedir, que não é preciso solicitar proteção, mas que, talvez, seja preciso começar a encarar que, se vocês estiverem na Luz, vocês não têm necessidade nem de velas nem de eletricidade, talvez não hoje, para o instante presente, porque eu os coloco mesmo no desafio de fazer funcionar um computador com a sua mente, não é?
Isso será difícil funcionar. 
Mas quando vocês estiverem recobertos pelo véu de Maria, vocês serão guiados, literalmente, pela Inteligência da Luz, vocês serão colocados a vibrar e vocês serão levados, de diferentes maneiras, aos lugares onde terão que estar.
Vocês não terão que se incomodar com qualquer Dualidade. 
Se a Luz, em vocês, crescer suficientemente, nem um cabelo da sua cabeça poderá ser tocado. 
Lembrem-se também do que foi dito pelo bem amado João: «um será resgatado, o outro será deixado». 
O que faz isso?
Simplesmente, a potência da sua Vibração Interior, da sua abertura do Coração e da Luz, nada mais. 
Lembrem-se de que a Luz está se estabelecendo, a Luz Unitária não é, como dizer, não é mais perturbável em sua Dimensão, mesmo pelo jogo da dualidade, pelo jogo da Sombra e da falsa Luz. 
Se vocês mesmos estiverem neste estado Vibratório ou se vocês tenderem a se aproximar e a vivê-lo, como podem mesmo pensar que algo possa lhes acontecer e que possa impedi-los de aceder ao que vocês são?
Com ou sem o corpo. 
A partir do momento em que a Inteligência da Luz se manifestar de maneira tangível e total sobre a Terra, naquele momento, como vocês denominaram isso, a Divina Providência, estará em operação, tanto para nutri-los como para protegê-los e para iluminá-los. 
É preciso sair do seu contexto linear habitual da dualidade onde eu saco um bilhete para comprar o que comer, ou prevejo o que vai acontecer amanhã. 
Obviamente, o sistema de medo no qual todos vivemos, nos fez, como dizer, prever ou tentar prevenir algumas coisas, em particular as coisas desagradáveis: faltar dinheiro, faltar alimento, faltar um lugar para viver, faltar proteção. 
Mas vocês creem que a Luz que está chegando vai deixar as suas próprias Sementes de Estrelas em uma situação que poderia comprometer a sua própria Luz?
É impossível. 
Então, obviamente, vocês não sabem e nós não sabemos quanto tempo pode durar este período de tribulação ou de revelação.
Mas, neste período, não esqueçam que vocês estão sozinhos para poderem dar o último passo para a Luz, mas que, quando o tiverem dado, não esqueçam que somos uma multidão bem maior do que vocês, ao redor de vocês. 
Há quantos habitantes sobre o planeta atualmente?
Não sei, talvez 7 bilhões.
Há tantos Anjos guardiões, há o conjunto da Confederação Intergaláctica, há Maria com suas Irmãs, há nós, os ‘Croûtons’, há os Anjos do Senhor (o conjunto da Frota Intergaláctica de 3a. Dimensão unificada que colocaram os pés na Terra, eu os lembro), há os Arcanjos. 
Então, vocês, obviamente, quando falam de Arcanjos na sua compreensão e na minha também, em minha vida, eu imaginava, por exemplo, o Arcanjo Miguel derrubando o dragão com sua capa azul, com os seus anéis cor de fogo.
Então, essa é uma visão específica, mas o Arcanjo Miguel não é unicamente isso, não é? 
Nos mundos Unificados, não temos unicamente uma única forma, nossas formas são mutáveis, elas não são fixas como a sua nesta Dimensão. 
Nós somos Consciências e a Consciência de Miguel é algo.
Se o vissem, em seu céu, em sua Dimensão original, mas isso bastaria para mudar a face do mundo. 
Imaginem uma Embarcação de Luz palpitante e vibrante que teria milhares de quilômetros de largura, uma asa gigantesca.
Então, vocês veem, estamos muito longe das visões do Arcanjo derrubando o dragão, não é? 
Vocês ainda não têm ideia, como explicar isso, da potência do Fogo do Amor e da Luz que está a caminho e que está ao seu lado.
Muitos seres humanos ainda não têm consciência do que está chegando. 
Então, certamente, durante a minha vida outros tiveram visões, mas uma visão muito dualista, porque estávamos ainda na dualidade, apesar do nosso grau de Consciência em que tínhamos visto chamas. 
Muitos profetas anunciaram, mas é preciso ir além da aparência da visão.
É preciso ir para o significado profundo de um acontecimento, mesmo ocorrendo em sua dimensão, que é completamente outra coisa. 
Então, talvez não haja melhor imagem, no momento, do que o que disse Um Amigo ou outros, a propósito da lagarta e da borboleta. 
Estou desolado, mas se lhes falar da grelha planetária, vocês terão medo.
Mas há a grelha planetária e há o significado da grelha planetária.
A grelha planetária é o que vem queimar a ilusão. 
Como vocês querem existir na Eternidade e na sua Dimensão original, sem queimar, literalmente, a ilusão? 
É impossível.

*** 

Questão: poderia nos falar da atividade dos Anjos do Senhor?

A primeira coisa que deveria dizer-lhes é que não tenham medo.
Os Anjos do Senhor são seres de 3ª Dimensão Unificada que jamais passaram pela separação matricial que é a de vocês e que foi a minha, ou seja, eles são desprovidos de emoção. 
São grandes telepatas que vivem em estruturas de carbono, mas diferentes da estrutura humana.
Eles são, entretanto, humanoides.
São pequenos seres brancos cobertos de um macacão branco, não confundir com os maus rapazes ou os seus acólitos que foram chamados de ‘pequenos cinzentos’, ainda que a morfologia seja sensivelmente a mesma. 
A diferença essencial é que os seres ligados a esta Dimensão de Anjos do Senhor são seres de puro Amor, mas eles não têm o lado emocional, como dizer, do humano. 
Então, agora, a sua missão é aquela anunciada já quando Sri Aurobindo era João e quando recebeu, sob o ditado de Cristo, o Apocalipse, não é? 
Os Anjos do Senhor são aqueles que virão assisti-los, mas não apenas os Anjos do Senhor, há também todas as Consciências da Confederação Intergaláctica da Luz.

***

Questão: não mais ter vontade, projeção, criatividade, está relacionado com o que se vive?

Para a maior parte de vocês, sim.
Alguns devem continuar as suas atividades, em meio às suas diferentes esferas de vida, como se nada estivesse acontecendo.
Outros, por outro lado, têm um impulso tão forte para a Unidade, que tudo o que lhes dava prazer, na dualidade, está desaparecendo. 
Como eu disse, a um dado momento, muitos tinham a nádega entre duas cadeiras, ou seja, ao mesmo tempo um pé ou uma nádega na 3ª Dimensão e o outro lado que já estava na 5ª Dimensão.
Hoje, há seres que são tomados de um frenesi de ação e outros que, pelo contrário, vão viver, poderíamos dizer, uma inatividade total com a imersão da Luz no Estado de Ser e na Vibração Unitária. 
Compreendam bem que, cada um, vocês têm funções e papéis diferentes no que está vindo.
Alguns deverão ancorar a Luz, e ancorar a Luz necessita do que vocês chamariam, na sua Dimensão, de inatividade.
Ancorar a Luz se faz na ausência de ação no mundo exterior.
Para outros, isso será o inverso. 
Tudo pode ser visto.
Mas vocês constatam, todos vocês, de uma maneira ou de outra, que as coisas estão mudando, em vocês como no mundo. 
Então, cada um vive as mudanças ao seu modo, em função da sua capacidade para integração da Vibração, mas também em função da sua própria função e do seu próprio papel no que está por vir. 
Alguns vão sentir Vibrações, por exemplo, que lhes tomam a cabeça, em lugares que jamais sentiram.
Outros vão sentir Vibrações muito fortes no nível do nariz, que é a ativação da 12ª lâmpada [‘andrógino primordial’].
Portanto, cada um vive coisas incomuns, novas. 
Há quem esteja implicado, por exemplo, em uma relação e, de repente, se pergunta o que faz nesta relação.
Mas tudo isso faz parte das mudanças e dos ajustes também, necessários, para ajudá-los a ir para o que vocês são. 
De qualquer modo, é muito simples, eu já disse.
Se vocês sentirem que algo muda, se lhes for preciso lutar, se lhes for preciso empregar uma energia considerável para remetê-los aos esquemas antigos, significa que isso não está certo para vocês. 
Lembrem-se de que a Luz é simples, de que a Luz é evidência, de que a Luz é facilidade. 
Ela não tem que fazer suas cogitações mentais, ela não tem que fazer seus giros de pedais nas bicicletas.
Ela tem simplesmente necessidade de que vocês deixem estabelecer a facilidade, a Fluidez e a sincronia. 
Aqueles de vocês que já confiaram na Luz, apercebem-se de que, quanto mais vão para a Luz, mais as coisas se tornam simples, que tudo o que era complicado, que levava sua vida adiante, desaparece. 
Quanto mais vocês vão para a Luz, mais isso se torna simples.
Se as coisas permanecerem complicadas, significa que vocês estão resistindo à Luz e isso não pode ser de outro modo. 
Podemos ser alguém de uma grande Luz e ter muitas resistências, porque temos um mental muito forte.
Podemos, ao contrário, vir de uma Dimensão que eu diria inferior (mas não vejam aí noção pejorativa, porque isso nada quer dizer, nos mundos Unificados, digamos, de uma Dimensão menos expandida) e termos menos resistências e vivermos a Luz com uma maior acuidade nesta Dimensão. 
Portanto, cada caminho é diferente, cada vivência é diferente, cada percepção é diferente, mas, no conjunto dessas vivências, no conjunto dessas percepções, vocês devem reter assim mesmo que, quanto mais vocês forem para a evidência e para a simplicidade da Luz, mais sua vida tornar-se-á fácil.
Quanto mais vocês resistirem, mais ela tornar-se-á difícil.
Isso é uma regra quase absoluta. 

***

Questão: se Deus e diabo são equivalentes, por que o termo Deus é por vezes empregado nas canalizações, mesmo por Maria?

Não, Maria jamais fala de Deus, ela fala do Divino e eu a chamo, aliás, de Divina Maria.
A etimologia da palavra Divina nada tem a ver com a etimologia da palavra Deus.
Agora, vocês devem aprender ou compreender e viver o fato de que as forças opostas à Luz sempre se serviram da Luz, invertendo-a.
Isso vocês o viveram através das revelações das Chaves Metatrônicas, através de tudo o que é jogo Sombra / Luz, nesta densidade.
Vocês sabem que a sombra projetada, por exemplo, está ligada à insuficiente transparência que existe nesta Densidade.
Nos mundos Unificados, a sombra não pode existir, ela não existe, tudo é transparência.
Mas quando eu lhes digo transparência, como vocês podem compreender a transparência, uma vez que não a vivem?
Vocês têm o hábito de certa densidade, de certo peso.
Quando vocês percorrem os caminhos do Estado de Ser, quando vocês têm acesso à Verdade, além da matriz, vocês penetram estados de Consciência e fenômenos ligados a visões, ligados à Consciência, ligados à percepção de cores e de formas que estritamente nada têm a ver com o que existe neste Plano.
Agora, é preciso compreender que o verdadeiro Deus, se o quiserem chamar assim, o que nós denominamos a Fonte, manifestou-se através de uma Deusa que é a Criadora.
Mas Deus é unicamente o nome que se deu Yaldebaoth, ou seja, a entidade «Suprema» («Suprema» entre aspas, Supremo imbecil, pode-se dizer hoje), que quis imitar a Criação da Fonte, que construiu o que vivemos e o que vocês vivem hoje, isto é, a ilusão.
Simplesmente, vocês estão tão aclimatados a esta ilusão que vocês, que nós todos acreditamos (eu também, o primeiro, quando estava vivo nesta Dimensão) que havia leis que existiam nesse mundo e a primeira dessas leis nos fazia crer que nós nos reencarnávamos para irmos progressivamente para uma liberação.
Mas isso é impossível.
Os únicos seres que estavam livres da matriz, vocês os conhecem.
É Cristo, ele jamais esteve sujeito à influência da matriz.
É Maria.
Os dois únicos a terem conseguido extrair-se da matriz inteiramente, o fizeram pelos Anjos.
Foram Enoque e Elias.
Os outros seres ditos realizados, dos quais eu fiz parte na minha vida, foram colocados em uma bolsa de Luz para evitar que tivessem a necessidade de se reencarnarem, isso foi semelhante para Sri Aurobindo, foi semelhante para Um Amigo, foi semelhante para os 24 Croûtons que nós somos.
Nós fomos colocados em uma esfera Vibratória que era como uma espécie de proteção, de casulo, que nos evitou de reencarnarmos, até o momento em que a matriz começou a dar sinais de enfraquecimento e o momento em que pudemos realizar a nossa missão.
Portanto, o que é chamado de Deus, é simplesmente a entidade Yaldebaoth que veio dos Dracos não redimidos, que veio da Ursa Maior e que se intitulou Criador, enquanto que apenas modificou a Criação existente neste planeta, como sobre outros planetas, que foi criado por Maria.
Isso lhes mostra a que ponto de impregnação a Fonte foi falsificada e transformada pela impregnação de Deus, porque se emprega a palavra Deus a torto e a direito, não é?
E, obviamente, quando vocês pronunciam a palavra Deus, o diabo não está longe, certamente, dado que é a mesma entidade.
É ele quem foi chamado de grande Shatane, o administrador deste mundo ou, se preferirem, Satã.
Deus lhes fala de Diabo, obviamente, eis que ele tem interesse em manter a dualidade, e o único modo de manter a matriz é privá-los da Unidade.
É lógico.
Portanto, quanto mais se criar, na humanidade, um sistema de controle humano, um sistema de controle mental, o que vai ocorrer?
Haverá inicialmente modificação das forças gravitacionais, para fechar um sistema solar no interior de si mesmo e privá-lo da irradiação da Fonte.
Coisa que foi realizada há mais de 300.000 anos.
Em seguida, isso irá induzir, nesse sistema privado da Fonte, comportamentos de ação/reação e criar uma lei maravilhosa que se chama Carma, à qual alguns vão aderir dizendo: «vou purificar meu Carma para aceder à Unidade».
Como uma expressão que diz: vocês podem sempre correr, aliás, todos muito correram e pedalaram, não é?
E depois, um dia, vocês acedem, como alguns de vocês aqui, à Vibração do Coração.
E como alguns de vocês aqui, vocês penetram as esferas do Estado de Ser.
E aí, todos os véus caem.
Vocês compreendem a diferença entre uma vivência e uma Crença, e vocês compreendem que o ser humano, a Consciência humana limitada, se deixou fechar nas Crenças: a Crença da doença, a Crença da morte, a Crença do nascimento, a Crença das religiões, a Crença em um salvador, a Crença em algo do exterior e vocês exteriorizaram esse mundo e vocês levaram, e nós todos levamos, esta Criação a ser o que ela é.
Nesta Criação, felizmente, grandes Seres e muito grandes Arcanjos mantiveram, escondida no interior do ser humano, uma parcela da Eternidade que se pode mesmo chamar de corpo Divino ou Deus em Si, não Deus, certamente, em Si, é a Fonte em Si.
É tempo, hoje, de dar a César o que é de César.
Deus, Diabo, participam da mesma dualidade e da mesma Criação falsificada.
Deus se quis Criador, mas o Criador é a Fonte e vocês são a Fonte.
Quando vocês vivem o Estado de Ser, quando vocês acedem ao Sol, como eu o fiz em minha vida, quando da minha primeira revelação meditando frente ao Sol, naquele momento, o mundo jamais irá lhes parecer mais do mesmo modo.
Vocês chegam muito claramente, com o olho da Consciência, com o olho do Coração, a fazer a diferença entre a Verdade e a falsificação.
Vocês chegam a fazer a diferença entre o que é chamado de Deus e o que se chama de Verdade.
Não é uma visão da mente, não é uma Crença, é uma experiência.
Essa é toda a diferença.
***
Questão: o que significa se abandonar à Luz?

Então, eu creio que há alguém que fala muito melhor disso, que é o Arcanjo Anael, que longamente se expressou, durante o mês de maio e junho do ano passado.
Eu os engajo então a ali extrair o que chamamos de abandono à Luz.
Eu, eu posso dar-lhes exemplos extremamente simples.
O ser humano resiste à Luz porque toda a nossa vida é resistência.
A vida que levamos nesta Dimensão é resistência.
Vocês bem veem que se abaixar para ir cultivar legumes, ou trabalhar, custa energia, nada é gratuito.
É toda a diferença com os mundos Unitários, onde tudo é gratuito, onde tudo é doação e onde tudo é abandono.
O abandono participa da doação.
Abandonar-se à Luz é aceitar que a Luz e a Vibração do Coração, que é a mesma coisa, são capazes de conduzir e dirigir a sua vida segundo os princípios da Unidade, mesmo na Dualidade.
No abandono à Luz, todas as Graças se manifestam a vocês, sem exceção.
Vocês não vivenciam mais qualquer situação de falta, qualquer situação de medo.
O medo é o oposto do abandono, mas, o que quer fazê-los crer o seu cérebro?
Ele quer fazê-los crer que, se vocês se abandonarem, vocês terão ainda mais medo.
É maravilhoso, não é?
O seu cérebro passa o tempo a fazê-los ter medo, uma parte do seu cérebro.
E todo o seu sistema (educativo, familiar, afetivo, social, político, econômico), é baseado no medo.
E em nada mais, unicamente no medo.
***
Questão: as preconizações que você dava, na sua vida, para colocar a Consciência sobre cada ato quotidiano, continuam atuais?

Completamente.
Estar no instante presente é o que irá aproximá-los, mais perto, da Luz.
Enquanto vocês estiverem no instante passado ou no instante futuro, vocês não podem ser vocês mesmos.
Enquanto vocês não estiverem alinhados à sua própria Presença, isso necessita de uma Consciência, mesmo em meio à comum, de estar no instante.
Quantas coisas vocês fazem (eu também, em minha vida) de maneira automática, como comer, como todas as atividades da vida quotidiana, que se tornam automáticas?
O ser humano é um ser, no nível desta densidade, um ser de automatismo e, efetivamente, é muito sedutor ter automatismos.
Lembrem-se, talvez, se vocês dirigirem, de como era difícil no início e como se tornou fácil depois, para a maior parte de vocês, eu não falo daqueles que têm acidentes todo o tempo.
Entretanto, o aprendizado resulta no automatismo e o automatismo resulta no sono.
Olhem as Crenças nas religiões, as Crenças na Luz.
Crer na Luz não basta para viver a Luz.
Crer em uma pós-vida não basta para viver a pós-vida.
Enquanto vocês não tiverem a experiência, vocês permanecem seres de Crenças.
Ora, hoje, a experiência está ao alcance do Coração.
Se vocês se alinharem no instante presente, se vocês estiverem na natureza, se vocês evitarem de comer muito, se vocês beberem muita água, se vocês se imergerem na natureza, se vocês permanecerem simples, a Luz vai fulminá-los porque, nos tipos de vida ou no tipo de Consciência que colocarem, haverá simplicidade, mas, lembrem-se sempre de que a Luz é simples.
Apenas o mental quer fazê-los crer que o inverso é que vai levá-los para técnicas de aprendizado diversas e variadas indo tranquilizá-los.
Vocês têm a impressão de compreender o universo, mas jamais, no entanto, os cientistas, exceto talvez alguns despertos, estiveram tão longe e ao mesmo tempo, paradoxalmente, tão próximos da Verdade.
***
Questão: os intraterrenos vão participar desse movimento planetário?

Eles já participam, desde algum tempo.
São eles que prepararam, agora, muitas coisas com vistas a esses momentos, desde já vários anos, como vários canais agora o disseram.
Os intraterrestres têm um papel a desempenhar, certamente.
Nós temos, todos nós, um papel a desempenhar e vocês, sobretudo.
Então, os papéis são vários.
Do mesmo modo que cada ser humano da superfície tem um papel que lhe é específico.
Mas vocês não têm que saber qual é esse papel porque, na Inteligência da Luz, se vocês viverem a Luz, o papel se estabelece sozinho.
Mas enquanto o seu mental lhes disser: «eu devo procurar o meu papel ou o meu lugar», vocês não estão na Luz, vocês estão na busca e vocês estão na cabeça.
As manifestações Vibratórias ligadas às Radiâncias Arcangélicas, ligadas às intervenções Micaélicas, de Maria e as nossas, como foi o caso, no início do ano, às 19h (hora francesa), tiveram apenas um objetivo, o de aproximá-los da sua Presença a vocês mesmos, porque tudo está aí.
Nada está em outra parte, é o seu mental que quer fazê-los crer que tudo está em outra parte, em outro lugar, ainda que, por vezes, efetivamente, alguns seres sejam levados, sejam impulsionados para mudar de lugar ou para mudar de vida ou para mudar de ação, mas, em última análise, esses impulsos são apenas destinados a fazê-los encontrar a sua própria simplicidade, a sua própria Verdade.
***
Não temos mais perguntas, agradecemos.
***
Então, caros amigos, vou agradecê-los por terem feito girar as suas bicicletas, moderadamente.
Eu vejo que as forças de resistência estão se esgotando em vocês, tanto melhor.
Eu lhes transmito todo o meu Amor mais caloroso possível.
Passem bem.
************

Mensagem do Amado OMRAAM (Aïvanhov) no site francês:
(Publicado em 08 de junho de 2010)

***

Versão para o Português : Célia G. http://leiturasdaluz.blogspot.com
Postado por Célia G.

***

Transcrição e edição: Zulma Peixinho


************


Gostou? Compartilhe esta publicação nas redes sociais

0 comentários:

Postar um comentário