O.M. AÏVANHOV - 03 de dezembro de 2009

Clique aqui para comentar esta publicação




~ VALE A PENA LER DE NOVO ~



Bem, caros amigos, estou extremamente contente de encontrá-los e de ver que, uma vez mais, há pessoas que eu não conheço que estão aí.

Hoje, eu faço parte, desde a minha partida deste plano Terrestre, da ‘Assembleia dos Veneráveis Anciãos’ que nós chamamos, entre nós, os «Croûtons», os Velhos Croûtons, porque todos nós somos muito sóbrios e muito velhos.

A particularidade dos Melquizedeques é que estivemos, todos nós, encarnados um dia ou outro neste Sistema Solar ou, pelo menos, nesta Dimensão, e que tivemos, portanto, uma experiência importante da encarnação e das suas vicissitudes.

Eu digo «croûtons» porque todos nós tivemos Vidas que foram, para alguns de nós, para a maioria de nós, memoráveis, no sentido em que tentamos semear as palavras da Luz nas densidades.

E, recentemente, eu assumi a missão da ‘Assembleia dos Veneráveis Melquizedeques’ que preside, de certa maneira, a evolução deste Sistema Solar e desta Humanidade, em particular, no período memorável que vocês vivem.

É neste título, esta noite, em um primeiro momento, que eu desejo me expressar entre vocês.
Na realidade, eu faço um esclarecimento de forma geral, eu diria, um esclarecimento da situação, mais ou menos, agora, em cada uma das minhas vindas entre vocês, a fim de situar, na sua encarnação, as modificações que estão em curso pela chegada da Luz Vibratória e pela reação da Luz Vibratória desta Terra.

Vocês estão neste ambiente e, portanto, todos vocês estão coletivamente sujeitos a uma série de irradiações.

Então, como sabem, houve, neste ano, coisas extremamente importantes através das Núpcias Celestes.
Em seguida, há uma série de etapas que lhes são propostas pelo Conclave Arcangélico até o mês de maio de 2010.
De tudo isso, a maior parte de vocês já sabe.

É preciso bem compreender que há algumas modificações, no nível da sua Consciência individual, que vão ocorrer, em ressonância com as energias que são drenadas até vocês e que têm ocasionado, como sabem (para alguns, já desde um ano do seu tempo), uma série de modificações das camadas Vibratórias que os isolam do universo.

Essas camadas Vibratórias que os isolam estão em plena fase de desconstrução e vão permitir, progressivamente, sair da ‘curvatura do espaço/tempo’ e restituí-los à sua Unidade, ou seja, além da falsificação deste mundo e além da ilusão na qual vocês mergulharam e na qual nós mergulhamos, nesta densidade.
***
Então, é muito importante compreender que, agora que o Conclave Arcangélico iniciou a segunda e a terceira Etapas, cada vez mais Seres Humanos serão capazes (de maneira temporária, eu diria, em alguns momentos que são variáveis de acordo com os indivíduos, obviamente) de manifestar um estado de Consciência que nada tem a ver com a Consciência comum, que vocês conhecem neste mundo.

Então, para alguns, isso já é o caso desde o início das Núpcias Celestes, por intermédio da Vibração sonora da nota Si, do Silêncio Interior, e da Radiação percebida no Coração e na cabeça.

Alguns seres já têm a capacidade para manifestar a Unidade, o Estado de Ser na Vibração da Luz.
Alguns de vocês são, também, capazes de ter uma percepção do que existe, em Consciência, além desse plano dissociado da Terra, nos universos multidimensionais.

Então, o que vai acontecer agora é que, como vai lhes dizer o Arcanjo MIGUEL, a Coroa Radiante do Coração e a Coroa Radiante da cabeça devem se fusionar.
Isso irá provocar a possibilidade, para os seres humanos, de viver, ainda uma vez, processos de Consciência totalmente fora da linearidade do tempo.

O que isso quer dizer?
Que as meditações, ou preces, chamem como quiser, vão se encontrar muito mais rapidamente conectadas com a Luz e com a Vibração.

Nesta Vibração da meditação na Unidade, manifestar-se-á a vocês a Vibração do Espírito Santo, a Vibração do Ultravioleta, a Vibração da FONTE, que irão colocá-los em um estado que foi chamado de Samadhi, ou seja, a Alegria Interior.

Muitos, muitos seres humanos terão a possibilidade, doravante (não sempre, mas de maneira de início temporária, efêmera), de viver esses estados de Samadhi e de Consciência Unificada.
Isso é extremamente importante.

Como lhes disse, isso irá se manifestar de maneira cada vez mais importante na Consciência Humana.

A segunda coisa, e eu chamo a sua atenção nisso, quer seja a Vibração do Espírito Santo, quer seja a Vibração do Ultravioleta, ou seja a Vibração da FONTE, as Vibrações que vocês percebem têm a capacidade para fazer elevar a sua taxa Vibratória.

E eu tenho que expor coisas extremamente simples sobre isso, porque a fonte da sua Alegria, a fonte da boa saúde (ou seja, não apanhar essas bobagens que andam à volta), a fonte que vai lhes permitir resistir a todas as modificações que estão em curso no seu ambiente, é unicamente a ‘elevação Vibratória’ porque, a elevação Vibratória, graças à Luz que vocês hoje recebem, tem a capacidade, literalmente, para elevar a sua Consciência acima das zonas turbulentas da 3ª Dimensão.

Então, vocês irão se encontrar nesses espaços Vibratórios vivendo duas realidades ao mesmo tempo.
A realidade comum, habitual, do seu tempo, com a sua ação/reação, as suas alegrias e as suas penas, e tudo o que faz a evolução da Vida na sua Dimensão.

E, às vezes, ainda permanecendo no interior desse corpo, ou então, para alguns, viajando.
Mas, ainda uma vez, se isso ainda não lhe chegar, lembre-se de que não é inexorável que aconteça neste mês.

Mas, se isso lhe acontecer, eu tenho que prevenir ao maior número de vocês, vocês vão começar a viver episódios de Alegria Interior que se manifestam espontaneamente.
Quer dizer que não são em função das suas reações a prazeres externos, mas é, sim, uma Vibração Interior que vai percorrer o seu Ser, no Coração e na cabeça, e que vai lhes permitir experimentar a elevação Vibratória.
***


A elevação na Vibração, que é obtida pela chegada da tripla Radiação da Luz, é algo que irá lhes permitir se safar, de algum modo, de todos os problemas inerentes desta Dimensão, ao invés de entrar na ação/reação.

Imaginem que lhes chegue algo que não seja muito agradável com relação a um setor ou a um domínio, se, ao invés de entrarem na reação emocional, vocês se centrarem, através, por exemplo, do acolhimento da Luz Crística em Verdade e em Unidade, ou em meio às sílabas sagradas OD-ER-IM-IS-AL, vocês irão, naquele momento, elevar a sua taxa Vibratória e, elevando a sua taxa Vibratória, a sua Consciência vai experimentar, de maneira, eu diria, muito fácil, algo que é muito simples, que é o ‘estado da Unidade’ além da dualidade, além da emoção e além do mental.

Vocês não podem combater a emoção pela emoção.
Vocês não podem combater o mental pelo mental.

Entretanto, a tripla Radiação da Luz que vocês recebem hoje é a melhor ferramenta que lhes é oferecida para ultrapassar e transcender tudo o que está, hoje, aos seus pés, em meio a esta humanidade.

Como sabem, a ‘desconstrução’ começou desde o mês de março/abril.

Esta desconstrução de tudo o que foi falsificado no seu mundo vai transcorrer durante um período de não mais de um ano, até o final da intervenção do Arcanjo MIGUEL.

E vocês sabem também, como lhes foi dito, que vocês estão entrando, agora, diretamente, no desvendamento e no final das eras do poder.
O poder deve ser reencontrado agora com relação a vocês mesmos.

E, aliás, progressivamente e à medida em que acolherem a Luz Crística em Unidade e em Verdade, progressivamente e à medida em que ativarem a Coroa Radiante da cabeça, pela pronunciação das sílabas sagradas, vocês irão constatar que o seu nível Vibratório se eleva, que uma série de potenciais novos se ativam em vocês, mas, também, que vocês vão se tornar cada vez menos capazes de suportar tudo o que, até agora, era o comum da sua Vida.

A sua Consciência irá viver e Vibrar em dois modos diferentes.
Um modo dissociado (o modo habitual que conhecem nesta dimensão) e um modo um pouco mais Unificado onde a Alegria Interior e a Vibração da Luz é tal que, neste estado, vocês estão no estado chamado de estado da Presença.

E, no estado da Presença do Ser, ou no Estado de Ser, todos os problemas se dissolvem já que a sua Consciência, nesta Vibração, não pertence mais a esta Consciência dissociada, mas começa a penetrar os domínios da Eternidade.
Isso é muito importante de compreender.

O processo Vibratório é extremamente importante.
Vocês vão aceitar elevar-se em Vibração ou vão aceitar ter medo?

Portanto, é muito importante compreender que a solução é, antes de tudo, Vibratória.
Vocês devem gravar isso, em algum lugar da sua cabeça.

Apenas através da Vibração vocês irão encontrar a Alegria, a Serenidade, a Paz e a Completitude.

Vocês vão saber que estão na Vibração quando a Vibração da Presença se incorporar em vocês e colocá-los em um ‘estado de Alegria que não tem motivo’ (o famoso Samadhi).

E vocês terão, obviamente, uma série de outros sintomas que já foram amplamente descritos pelo Arcanjo MIGUEL, sobre os quais eu não vou voltar, durante as Núpcias Celestes, que muitos seres humanos no planeta, agora, vivem isso, de maneira definitiva.

Não se esqueçam de que o nível Vibratório que lhes é oferecido, hoje, os restitui à sua integridade, à sua Unidade, ao seu poder pessoal e, sobretudo, à sua multidimensionalidade.

Então, acessando esta multidimensionalidade, não é preciso se surpreenderem ao encontrar uma Consciência que funciona mais do que funcionava até agora.
E é isso, o basculamento da Consciência coletiva que está em andamento, hoje.

Aí está, caros Amigos, o que eu queria lhes dizer em nome dos 24 Anciãos.

Agora, se houver perguntas relacionadas a esse processo, ao seu período atual, eu quero tentar respondê-las, se isso puder trazer um esclarecimento suplementar.
***
Questão: poderia desenvolver sobre o conceito de «Sementes de estrelas»?

Então, essa é uma palavra frequentemente empregada pelos Arcanjos.
Vocês sabem, vamos contar uma história.

Vocês estão nesta Terra.
Então, alguns de vocês, certamente, ouviram falar da reencarnação.
E, quando vocês estudam a reencarnação (quando têm lembranças de suas vidas passadas, não importa, ou quando acreditam nisso, simplesmente), bem, eu vou dizer-lhes que isso é uma crença.

Porque, na ilusão que percorrem, neste ciclo de encarnações (quer vocês estejam aqui, na Terra, desde algumas vidas, quer vocês aí estejam desde vários ciclos), sobre esta Terra, vocês experimentam uma separação: a separação da FONTE.

É preciso bem compreender que todos vocês são Sementes de estrelas.

Mas reencontrar a sua Dimensão de Semente de estrelas significa transcender os limites do espaço/tempo que lhes foram impostos por aquele que se denomina o Arconte, que é uma criação dissociada que a FONTE tolerou, há muito tempo.

Dentro desta criação, vieram associar-se elementos que fizeram o que vocês são, e que nós fomos, prisioneiros nesta Terra.

Então, existem crenças orientais que dizem que é preciso purificar, pacificar o seu karma para, um dia, poder escapar desta Dimensão.

E, depois, CRISTO veio e disse: «vocês estão neste mundo, mas vocês não são deste mundo».

E, hoje, muitos seres humanos tomam consciência, de uma maneira ou outra, de que eles não são daqui.

Por outro lado, a Dimensão específica de Sementes de estrelas está em relação direta, não tanto com a sua origem estelar, mas mais com a sua Dimensão não dissociada, ou seja, com o Estado de Ser multidimensional.

O que é um ‘ser multidimensional’?
É um ser que não está limitado pela Dimensão onde ele se encontra.
Eu me explico: se você tomar, por exemplo, o Arcanjo MIGUEL, ou outro Arcanjo, eles têm uma apresentação ligada a crenças e funções dos Arcanjos, nas diferentes religiões.

Nessas crenças, eles são apresentados com uma forma específica, com vestimentas específicas.
Isso não é válido em meio à Dimensão que é a 5ª Dimensão.
Mas, obviamente, as Dimensões nos universos estão bem além da 5ª Dimensão.

O Arcanjo MIGUEL, na sua Dimensão original, é um pássaro de Luz.
Ele nada mais tem a ver com aquele que vocês representaram, com uma espada na mão.
E, no entanto, esta representação não é falsa.
Ela está ligada a um mundo Vibratório, mas o Arcanjo MIGUEL não está limitado à sua Dimensão de origem.
Ele experimenta Dimensões intermediárias.

E, quando vocês encontram a sua Dimensão de Semente de estrela, vocês são capazes de caminhar, em Consciência, em meio ao seu corpo multidimensional.

Então, segundo com a sua origem Estelar e segundo a sua origem Dimensional, o seu veículo de Luz, dependendo da Dimensão que são originários, não é o mesmo.

Se vocês vierem da 5ª Dimensão, qualquer que seja a origem Estelar, vocês têm um veículo de Luz que é chamado de Merkabah.
Mas a Merkabah não é tudo.

Além da 5ª Dimensão, há seres que vêm da 11ª, da 18ª Dimensão.
E a estrutura, nessas Dimensões, não é a mesma.

O corpo dos ELOHIM da 11ª Dimensão é de cristal, de puro cristal, mas de um cristal não fossilizado, que não é imóvel como o seu.
É um corpo transparente de cristal.

Então, obviamente, eu não vou desenvolver sobre os diferentes corpos em todas as Dimensões, mas um ‘ser multidimentional’ é um ser que não ficou preso na matriz da 3ª Dimensão Dissociada (3DD), sujeito às ‘leis de ação/reação’ e ao bem e ao mal, ou seja, o que vocês experimentam nesta realidade.

Mas, quando descobrem os espaços multidimensionais, vocês tomam consciência de que o que são hoje, que é ‘limitado’, e sujeito ao que chamamos de ‘forças gravitacionais ou eletromagnéticas’, é uma falsificação do que vocês são realmente.
Vocês não são isso.
Vocês são muito mais do que isso.
Mas vocês acreditam que estão identificados a este corpo.

O mundo da 3ª Dimensão Dissociada é um ‘mundo de crenças’ que foi construído, literalmente, há mais de 300.000 anos, neste universo e em outros universos, por forças específicas que eram opostas à Fonte e que se denominam Deus e Diabo.

Deus não é o Criador, ele é a Ilusão suprema.
O Criador é uma Criadora, e é uma geneticista, e é a Mãe Primordial que vocês chamam de MARIA, IS-IS, ou, ainda, de Sekhmet ou Inanna junto aos Sumérios.

Isso nada tem a ver com o que lhes fizeram ‘engolir’ nas Escrituras, obviamente.
Deus se quis criador.
Ele criou a Ilusão na qual vocês estão, mas além deste Arconte, além desta dualidade, existe a FONTE Una.

Todos vocês são Filhos da Lei do Um, Filhos da Unidade, da Unidade perdida e que vocês devem, hoje, reencontrar.
***
Questão: poderia nos falar dos Mestres do Triângulo?

Oh, isso é um pouco complicado.

Há civilizações que são chamadas de ‘civilizações dos Triângulos’.
Vocês sabem, há um antropomorfismo possível, sob forma humana ou animal, ou angélica, até a 18ª Dimensão.
Além da 18ª Dimensão, entra-se nos mundos da geometria pura, desde os tubos de Luz, como, por exemplo, o único Arcanjo que não é o que se chamaria um ‘pássaro’ ou um ‘veículo que voa’, é o Arcanjo METATRON, que é um tubo de Luz branca.

Além desta Dimensão, há mundos, entidades de Consciência que estruturam os universos não dissociados, que estruturam os movimentos nos universos.
Por exemplo, os Quatro Viventes ou Hayoth Ha Kodesh, que são as Rodas nas Rodas, tal como descreveu Ezequiel, e que correspondem à trama do universo não dissociado.

Em seguida, há as ‘forças Triangulares’ que pertencem à civilização dos Triângulos: são Triângulos de Luz que são consciências extremamente evoluídas.

Quanto mais se for na evolução dimensional, mais se vai na ‘simplificação’ das formas e funções, mas que se tornam inclusivas, englobando todas as outras funções das consciências que estão abaixo.

Aí está o que podemos dizer sobre os Triângulos.
Está muito, muito distante de vocês.

O mais importante, hoje, é tomar consciência da sua multidimensionalidade e da Ilusão total, como diziam os ensinamentos orientais, desta matriz na qual estão e evoluem, e onde eu evolui também durante não muito tempo.
É uma criação ‘falsificada’, onde a Sombra e a Luz predominam, o que não é o caso quando vocês se juntam à sua morada da Eternidade.
***
Questão: por que a criação desta ilusão pelo Arconte foi autorizada?

Foi autorizada porque era uma experiência Criadora.

Como disseram, aliás, também de vocês: vocês são Criadores.

Mas os criadores têm ‘deveres’.
Aquele que criou uma Dimensão deve criar algo que deve se tornar para superior a ele, no decorrer da sua evolução.

Os Arcontes e os Dracos (ou seja, aqueles que chamam e eu chamo de «maus rapazes», ou de reptilianos, algumas classes de reptilianos), serviram-se de uma criação existente, quase como os pássaros, se vocês quiserem, que vão investir em um ninho, o ‘cuco’, que vai investir no ninho de um outro pássaro.

E aí, havia uma criação que estava em curso, uma criação que tinha sido organizada, na 3ª Dimensão, mas não dissociada, ou seja, conectada e ligada à FONTE.

Era uma criação onde os esquemas que vocês chamam de Humanos são aqueles que vocês têm hoje sob os seus olhos, na sua Humanidade.
Mas esta criação não estava cortada da FONTE e era uma criação de geneticistas de Sírius, que criaram, portanto, uma raça.

E esta raça tinha um grande futuro porque as formas criadas foram investidas pelas Consciências superiores que vinham por vezes de muito longe e que conduziam experiências de Vida e da própria Consciência.

Naquele momento, chegaram seres que propuseram um acordo, ou seja, disseram que os seres iriam evoluir ainda mais nos planos dimensionais se os cortassem da FONTE, e se os deixassem simplesmente, no interior dessas estruturas biológicas, apenas com uma ‘pequena lembrança’ desta Divindade, mas que era preciso talvez cortar da Divindade.

Então, organizou-se uma série de forças que vocês chamaram de forças gravitacionais e de forças eletromagnéticas que, sob a influência de algumas embarcações ‘polarizadas magneticamente’, curvaram o espaço/tempo, e fizeram fechar novamente o espaço/tempo sobre si mesmo, tendo levado à criação da heliosfera e, portanto, tendo isolado a totalidade deste Sistema Solar das influências das irradiações cósmicas e das irradiações da FONTE.

Assim, qualquer Consciência que se aproximasse muito perto desta esfera gravitacional era presa, literalmente, pela encarnação e não tinha mais a possibilidade, qualquer que fosse o seu nível Vibratório, de juntar-se às esferas da Unidade.

Era uma experiência.
Muitos seres estavam entusiasmados, eu diria, com a ideia de mergulhar nesta Dimensão e de ver o que era estar cortado da FONTE Una, da Luz.

Depois, os «maus rapazes» criaram um segundo, e depois um terceiro envelope, até quase apagar totalmente qualquer lembrança da Divindade no ser humano e prenderam, aí, desta vez de maneira um pouco menos agradável, inúmeras Consciências, porque, além da heliosfera que engloba o conjunto deste Sistema Solar, e como o limite das forças gravitacionais deste Sistema solar, criaram uma magnetosfera, ou seja, eles prenderam um planeta, precisamente, que é a Terra, dentro deste Sistema Solar, fazendo de forma a precipitar, dentro do bem e do mal, as Consciências que eram prisioneiras, agora, da heliosfera.

Em seguida, encontraram um terceiro modo que foi o de criar, mais perto da Terra, a ionosfera, ou seja, uma camada eletrônica (de elétrons) que chamamos de ‘franja de interferências’, que corta literalmente a alma humana da Consciência superior.

Portanto, isolaram-nos três vezes nesta densidade.
A cada 50.000 anos, diziam que, neste Sistema Solar, mudariam de ciclo.
E em cada um dos 50.000 anos havia enviados da Luz que vinham, e a cada vez eles se sacrificavam, porque houve mesmo muito poucos que conseguiram escapar desta densidade.

Então, eu sei que, em algumas tradições, falam-lhes da Realização.
Mas o que é a Realização?
Os únicos que conseguiram escapar da prisão gravitacional foram suficientemente notáveis para deixarem suas marcas, ou seja, por exemplo, CRISTO (que partiu com o seu corpo), assim como MARIA (que, na Assunção, partiu com o seu corpo), ou ainda como Enoque, ou Elias (que subiram ao Céu com os seus corpos).

Isso é o que chamamos de Maha Samadhi, ou seja, a capacidade para extrair-se voluntariamente da Consciência, totalmente, desse veículo comum, e levar este corpo (ou sem o corpo) a outras Dimensões.

É, por exemplo, o que acontece com a incorruptibilidade da carne para alguns Místicos ocidentais que conservaram um corpo totalmente intacto.
E isso se chama, na tradição oriental, o Maha Samadhi, ou seja, o ‘Grande’ Samadhi.

Então vocês, enquanto Seres Humanos, não estão ainda no Maha Samadhi, mas começam a perceber períodos de Samadhi, muito mais importantes do que o que era possível anteriormente.

E é nesses episódios de Maha Samadhi, ou de Samadhi comum, que vocês encontram o acesso à sua multidimensionalidade.
E isso ocorre unicamente pela Vibração.
Vibração da Luz, percebida nas Coroas Radiantes da cabeça e do Coração, para aqueles que conseguiram, agora, fusionar as duas Coroas Radiantes.
Isso é muito importante.

Eu não sei se respondi à pergunta, porque voltamos sempre a este conceito de Vibração.
***

Questão: poderia desenvolver sobre o que chamamos de Dragões Dourados? Qual é a sua função, podemos invocá-los, se sim, por quê?

Os Dragões Dourados, os Dracos, que vêm na maior parte de certa região da estrela polar, do que vocês chamam de ‘Estrela Polar’
 [expressão comumente utilizada para se referir à ‘Polar’ da constelação Ursa Menor - http://pt.wikipedia.org/wiki/Estrela_Polar], são seres redimidos, ou seja, eles faziam parte dos ‘maus rapazes’ mas tornaram-se ‘bons rapazes’ quando viram que a experiência de privação da Divindade, entre aspas, da Reconexão com a FONTE, permitia efetivamente crescer, pela compressão, a intensidade da Luz que estava fechada nesse corpo, mas que era tempo de pôr fim à experiência, o que não era desejado pelos outros ‘maus rapazes’.

Eles se tornaram os Dragões Dourados, 
porque, na sua Radiação, incorporaram uma série de transubstanciações no nível Dimensional, ou seja, eles são os Seres (exceto talvez os Arcanjos) que têm a capacidade, nas Dimensões que percorrem, para ter formas extremamente móveis.

Um corpo de ELOHIM é um corpo de cristal, mesmo ele podendo viajar em outras Dimensões e em outras estruturas, está limitado pela capacidade Vibratória do silício, que é mais, muito mais Vibrante, com certeza, do que a sua molécula de carbono.

Do mesmo modo, esses seres, que vocês chamam de ‘Dracos Dourados’ ou ‘de Ouro’ têm, na sua estrutura molecular, efetivamente, vibrações de ouro monoatômico.
O ouro monoatômico não é o ouro que vocês conhecem neste planeta, que é diatômico, eu os lembro disso.

Aí, o ouro monoatômico apresenta propriedades Vibratórias extremamente amplas e que conferem uma ‘maleabilidade’ da forma.

Vocês não têm necessidade de invocar quem quer que seja, porque, agora que há a possibilidade de estarem ligados à Tripla Luz Vibral (A FONTE, Espírito Santo e Ultravioleta), vocês podem subir em Vibração, sozinhos.

Vocês devem encontrar a sua Autonomia, a sua Integridade e o seu poder sobre vocês mesmos.

Para isso, vocês devem tornar-se Autônomos, vocês não devem mais remeter o mínimo poder a quem quer que seja senão a vocês e recuperar, sobretudo, a sua Soberania e a sua Integridade multidimensional.

É nesta condição que, dentro de pouco tempo, esperamos fazer bascular o conjunto desta criação para uma Dimensão que não está mais separada, ou seja, o que denominam Ascensão e que preferimos chamar de «Translação Dimensional».

***

Questão: de qual dimensão vêm aqueles que criam os círculos de colheita, e qual mensagem querem nos dar através das suas criações geométricas?

Então, os traços geométricos foram ‘ondas de formas’ destinadas a despertar a sua Consciência.
São, geralmente, para aqueles autênticos, criados pelas Inteligências provenientes de Arcturus, extremamente precisos, e cujo objetivo é revelar-lhes a trama multidimensional.

Este ano, eles foram extremamente importantes, porque mostraram o mecanismo celestial, falsificado, e a intervenção de uma série de forças da Luz, mas também efeitos de certos tipos de irradiações neste Sistema Solar.

O ano que acaba de transcorrer foi o ano em que os círculos de colheita estavam diretamente em relação com as etapas das Núpcias Celestes
 (*).
Foi o ano mais importante.

Se tiverem a possibilidade de ver os gráficos que correspondem a este ano que acaba transcorrer, eles anunciam, quase todos, a Translação Dimensional e os eventos cósmicos aos quais vocês são confrontados, já há vários meses.

***

Questão: de qual Dimensão vem Shiva?

Aquele que tomou manifestações encarnadas de Shiva é A FONTE.

Agora, quando dizemos a FONTE, o que isso quer dizer?
Todos vocês são Filhos, todos nós somos Filhos da FONTE e da Unidade.
A FONTE é a única Consciência global capaz (isso foi dito, mas é preciso também aceitá-lo Vibratoriamente) de ser igualmente um átomo de areia e ser a totalidade dos universos e a totalidade das Dimensões.

A FONTE tem a possibilidade de percorrer o conjunto dos universos, o conjunto das Dimensões, e o conjunto das criações, materializando um corpo próprio da Dimensão.

Assim, a ‘dança de Shiva’ está ligada ao Fogo.
Está, portanto, ligada à FONTE, de maneira preferencial.

Mas se tomarmos agora os princípios gerentes e os princípios criadores, logo a seguir da FONTE, o que há?
Há os elementos Criadores, ou seja, aqueles que chamamos de Hayoth Ha Kodesh.

A FONTE é inicialmente dicotomizada, ela mesma, em uma polaridade feminina.
E há também a FONTE que se espelha em si, que se criou, ela mesma, na pessoa do Arcanjo METATRON.
Não há uma Dimensão específica para Shiva.
Shiva é a totalidade das Dimensões.

Agora, a origem Dimensional, ainda uma vez, não significa que vocês estejam restritos a esta Dimensão, dado que têm a capacidade para utilizar todas as outras Dimensões.
Simplesmente, há um nível estabilizado onde evoluem de maneira natural, sem transformação de forma, e sem mudança Vibratória.

***

Questão: quando iremos abandonar tudo o que é portátil e eletrônico?

Isso assinala, se vocês quiserem, uma evolução.
Como sabem (e como já lhes disse há não muito tempo, mas creio que isso ainda não foi divulgado), nós adaptamos, nós, a Assembleia dos 24 Anciãos, assim como o Conclave Arcangélico e a Divina MARIA, e as Forças Intergalácticas, da melhor forma possível, as Efusões e as Radiações de Energia que chegam à Terra para vocês, para fazer com que o máximo de Seres Humanos sejam revelados a si próprios, o que vai permitir viver um processo de Translação Dimensional muito mais agradável.

Mas nós não fazemos omeletes sem quebrar os ovos, não é?, vocês conhecem a expressão.

O que isso quer dizer?
Que todo Ser Humano é livre.
Há seres Humanos que estão muito bem nesta 3ª Dimensão, é preciso aceitar que não têm a mínima vontade de ir para outro lugar, que não têm a mínima vontade de encontrar outra coisa.

Mas há, aí, realmente um problema: é que esta Dimensão vai desaparecer, totalmente.

Então, o que irão fazer aqueles que não querem se juntar à sua multidimensionalidade?
Não se deve bani-los ou puni-los, deve-se respeitá-los, ainda mais do que vocês, porque eles aceitam refazer, eu diria, um caminho de separação.

Sim, mas a FONTE decretou que não haveria mais separação da FONTE, ou seja, eles deverão fazer 'ciclos’ em uma Humanidade Unificada.

É preciso não esquecer, tampouco, que a Terra, também, encontra a sua multidimensionalidade, dado que vocês não são as únicas Consciências que foram confinadas.

Os planetas, também, foram fechados no interior deste isolamento, e, portanto, viveram, constrangidos e forçados, nas Dimensões que não eram as suas.
Isso vocês compreendem.

Portanto, a Consciência que muda hoje, isso não vai ser feito, assim, em um Ser Humano, aqui e ali.

É o conjunto do sistema que muda e, para que esse sistema mude, devem ser mudados todos os sistemas que foram criados para subjugá-los.

Então, o que os subjugaram à Ilusão?
Bem, é extremamente simples.
São as crenças que foram colocadas em meio à Humanidade.

Quais são as crenças que foram colocadas em meio à Humanidade e que funcionam hoje como funcionavam há milhares de anos e em todos os ciclos?
É a de entregar o seu poder pessoal a outra pessoa.
Quer essa outra pessoa seja um pai, um curador, um padre, um rabino ou qualquer autoridade exterior a você.

Vocês não têm necessidade de ninguém para conectar com a FONTE, sobretudo agora.
Isso é o que quiseram fazê-los crer: que eram pecadores.
Mas vocês jamais foram pecadores.
Se houver um pecador na história, é aquele que os tratou como pecadores, ou seja, o Arconte que chamam de Deus e que por vezes se chama Diabo, é a mesma entidade.

Perguntem-se por que (e isso, eu já disse), quando vocês oram a Deus, o Diabo está sempre aí?
E por que aqueles que se comportam mal jamais são incomodados pelo Diabo?
Há, realmente, algo que ‘não é normal’ aí.

Vocês têm, por todos os lugares, o exemplo de ‘maus rapazes’ que fazem maldades.
E depois, vocês dizem: «é kármico, eles vão pagar em outra vida».
Mas eu vou lhes dizer, eles jamais irão pagar, porque o karma, também, é uma ilusão.

Vocês são a reação do seu passado: mas isso também é uma crença.

E quando vocês descobrem a sua multidimensionalidade, a crença no karma se esvai, porque vocês penetram no Ser, ou seja, na totalidade da sua Presença a si mesmo.
E nisso, nada tem tomada: nem o passado, nem o futuro.

Então, quando será isso?
Bem, isso será em função do que acontece, atualmente, na Terra.
Mas compreendam bem que, se nós nos manifestássemos na sua Dimensão, esta Dimensão não iria mais existir, em seguida.
Ela seria volatizada.

Nós alteramos grandemente as condições dos três envelopes que os isolavam.
magnetosfera tem uma brecha monumental entre o Sol e vocês.

heliosfera, que isolava o sistema, está completamente retalhada.
E a ionosfera.

Vocês têm a ilustração pelas auroras boreais absolutamente inacreditáveis e pelos céus peculiares que se manifestam a vocês desde o início deste ano.

Portanto, se nós nos aproximarmos desse sistema instável, nós criamos condições não muito agradáveis para aqueles que não estão prontos.
Assim, nós preferimos esperar que o máximo de Seres Humanos viva esta ‘alquimia’ de transubstanciação, ou seja, a Translação Dimensional da 3ª Dimensão para esta outra Dimensão que lhes está prometida.

Nós podemos também, sem nos manifestarmos de maneira Dimensional a vocês, criar ‘campos de força’ específicos, e em particular pelo Sol, de maneira a parar toda eletricidade ou eletrônica neste planeta.
É muito fácil para nós.

Mas nós preferimos deixar seguir o seu curso humano, com a influência da Luz, entre todos aqueles que se despertaram a esta Dimensão desde o início do ano.

Vocês são dezenas de milhões, na superfície deste planeta, a viver a Coroa da cabeça e a Coroa do Coração.
Quer dizer, a viver esta ‘transmutação’.

E são vocês, como disse MIGUEL, progressivamente e à medida que elevarem a Vibração, que farão bascular o sistema.
E vocês irão fazê-lo bascular da maneira, se possível, mais harmoniosa.
É o que esperamos.

***

Questão: chamando por Deus, significa que chamamos a FONTE?

Não.
Vocês chamam o Diabo.
É assim simples.

É preciso compreender que os Arcontes amarraram tanto o seu plano, que vocês foram persuadidos de terem sido criados por Deus.

Mas vocês não foram criados por Deus, vocês foram criados por uma Criadora, nesta entidade biológica que habitam, e é por isso que MARIA reivindica o status de Rainha dos Céus e da Terra e da maternidade de todos os Seres Humanos sobre o planeta, neste corpo biológico.

Mas, Deus/Diabo é o jogo dos Arcontes, para mantê-los sob a falsificação e a ilusão da dualidade, à qual todos nós aderimos, quando estivemos encarnados.

Mas existem mundos que não funcionam completamente como vocês funcionam aqui.
Na 5ª Dimensão, as sombras não existem.
Nada é opaco.
Tudo é transparente, mas em todos os sentidos do termo enquanto que, neste mundo, obviamente, tudo é opaco.

Especialmente no que se refere a Deus.
Olhem os textos: jamais a palavra Deus aparece no Antigo Testamento.

A palavra que aparece, desde o início, é ELOHIM.
ELOHIM ou ELOHA nada tem a ver com Deus ou Yahvé.
Tudo isso é uma paródia.
Vocês chamam sistematicamente o ‘princípio de dualidade’ e reforçam o ‘princípio de dualidade’.

Hoje, muitos seres humanos no planeta vão além das crenças.
Todos vocês são habitados pelas crenças, quaisquer que sejam, sem exceção.

O Ser Humano é um ‘ser de crenças’ que crê na própria existência disso.
Mas existem mundos onde a crença não tem mais lugar de ser, porque a crença se esvai diante da Consciência.

Nesses universos, cada vez mais seres humanos (que viajam até o Sol, em veículo de Estado de Ser ou corpo de Estado de Ser) chegam a viver em consciência o que é Deus, o que é Diabo e o que é a FONTE.

E não há qualquer possibilidade de confundir Deus /Diabo e a FONTE.
São dois princípios profundamente diferentes.

A FONTE é Liberdade.
A FONTE é Eternidade.
Ela é Amor ilimitado.

O que vocês chamam de Diabo ou Deus, são nomes criados pelos povos, em dados momentos, sob a influência efetivamente daqueles que se diziam chamar-se Deus, mas que não eram Deus.

O nome do seu Criador é ELOHA.
É a Criadora.
É MARIA.

Agora, o nome do que vocês são é Filhos da FONTEFilhos da Unidade e Filhos da Lei do Um, que eram os nomes utilizados no tempo da Atlântida e, bem antes, na Lemúria.

Agora, vocês são livres para acreditar no que quiserem.
Mas, entretanto, se rezarem ao que denominam Deus, irão rezar, do mesmo modo, ao Diabo, ou seja, vocês apelam à dualidade.

A Unidade está além dessas contingências.
Então, dito isso, isso pode lhes parecer bizarro, certamente, e eu o concebo completamente.

Mas, enquanto vocês não tiverem acessado esta Unidade, vocês não podem aceitar perder as suas crenças.
Vocês bem que dirão «eu não quero crer nisso» (ou crer no que eu digo, o que dá no mesmo), vocês podem apenas ‘fazer a experiência’.

Enquanto estiverem submissos à menor crença, vocês não serão livres.

Mas, para acessar a multidimensionalidade é preciso voltar a serem Seres livres.
Totalmente livres.
Livres de toda dominação.

O que não quer dizer tudo abandonar, certamente, mas ter um olhar da Consciência liberada de todos os apegos (mas, isso não é novo, existe em todos os ensinamentos Místicos, não é?).

A única diferença é que, hoje, quando vocês descobrem a multidimensionalidade pela Vibração da Consciência, vocês são obrigados a tomar Consciência de que estão aqui, em uma matriz, e de que esta matriz está se desagregando.

Então, caros amigos, eu espero não ter dado crenças a mais, mas, sobretudo, crenças a menos.

Principalmente, não é preciso crer, como dizia BUDA, no que lhes dizem.
Mas façam a experiência.

E, hoje, vocês vivem uma etapa extraordinária desta Humanidade.
Jamais a humanidade esteve tão próxima da Revelação do que significa uma Ilusão nesta Dimensão.

Este trabalho acontece em milhões de Seres Humanos, dezenas de milhões que descobrem a Unidade e sua multidimensionalidade.

Não há mistério aí.
Não há mérito.
Há, simplesmente, como disse o Arcanjo ANAEL, muito longamente no início deste ano, o abandono à Luz e o abandono à Unidade (**).

O abandono é certamente a coisa mais importante para encontrar a mestria e a Unidade.

Então, meditem sobre isso, se quiserem.
Eu lhes peço não para acreditarem em mim, mas para viverem a elevação Vibratória, porque a solução está na subida Vibratória, não está na sua cabeça.
Está unicamente no Coração, despertado pela Coroa Radiante da Luz.

Aí está, caros amigos, eu lhes transmito todas as saudações de todos os ‘Croûtons’ e nós lhes dizemos até muito em breve.
Passem bem.


************
ACESSO À PRIMEIRA PARTE:
************


(*) – ARCANJO MIGUEL e os ‘CROP CIRCLES’:
*
(**) - **SAINDO DA ILUSÃO 6** - ARCANJO ANAEL (11.05.2009):

*** 


Mensagem do Venerável OMRAAM (Aïvanhov) no site francês:
03 de dezembro de 2009

***

Versão para o português: Célia G. http://leiturasdaluz.blogspot.com
Postado por Célia G.

***


Transcrição e edição: Zulma Peixinho

************



************


Gostou? Compartilhe esta publicação nas redes sociais

0 comentários:

Postar um comentário