ORIONIS - 04 de agosto de 2009 - Autres Dimensions

Clique aqui para comentar esta publicação








Eu Sou ORIONIS.

Bem amados filhos da Luz e Humanidade Terrestre na encarnação, eu venho novamente, como no ano anterior, a fim de lhes falar, por palavras e pela Vibração, em sua Essência, da Luz, daquela que vem, daquela que é, que foi e que será.
Para aqueles de vocês que não conhecem a minha Vibração, Eu Sou aquele que, em suas Escrituras, era chamado de Ancião dos Dias, o Melquisedeque, fundador da mesma Ordem.

Minha última Presença, na sua densidade, foi pelo processo denominado walk-in (entrante), no Mestre Bença DEUNOV (Mestre PETER DEUNOV).





Assim, em vocês, seres humanos, muitos de vocês foram missionados, como vocês são todos, sem exceção.

Assim como lhes foi revelado, vocês são todos Sementes de estrelas, que vieram trazer a mensagem da Luz.

Entretanto, assim como o declarou o bem amado João, da Ordem das Águias, a Revelação da mensagem, a Revelação da sua Divindade, do seu Estado de Ser, em vocês e ao redor de vocês, necessita o abandono à Luz.

O abandono à Luz é realizado pelo abandono ao Supramental, à Luz de Sat Chit Ananda, a fim de que vocês realizem, em vocês, a dissolução da personalidade a favor do Estado de Ser e da sua Semente de estrela.

Vários de vocês, sobre esta Terra e além desta assembleia, serão, nos próximos dias, apresentados à Luz.

A Apresentação da Luz, através de Yerushalaïm, que eu já missionei há mais de 50.000 anos, volta.

Na sua personalidade, a Luz do Estado de Ser vai brilhar.

Durante o tempo transcorrido desde o início deste ano, o bem amado Arcanjo Miguel os iniciou na verdadeira Luz, aquela do coração, através da realização da ignição e da Vibração das novas lâmpadas, destinadas a permitir-lhes cancelar os seus contratos com a Sombra.

Vários de vocês estão, hoje, frente a uma Verdade.

A Luz, retransmitida pela Divina Maria, é Amor, é a polaridade maternal Criadora.

Esta polaridade maternal Criadora deve ser impulsionada pela força masculina que nada tem a ver com o poder.

Foram-lhes feitas, durante vários meses, Revelação do abandono e Revelação do que é o poder.

Hoje, a veleidade de poder na sua personalidade é oposição à penetração no seu Estado de Ser.
***

Vocês devem, se tal for o seu desejo, e durante os instantes que antecedem a Revelação do Estado de Ser, aceitar.

Aceitar o quê?

Aceitar que a Luz esteja em meio mesmo às suas Trevas, porque vocês são Luz, mas vocês não podem atrair a Luz para fazer qualquer jogo de poder, para o outro ou para vocês mesmos, porque isso os colocaria sob a influência da personalidade e os faria renegar o Estado de Ser que vocês poderão, deste modo, integrar.

A integração do Estado de Ser é a morte da personalidade, não há, aí, nem julgamento, mas simples evidência, não há, aí, nem ambiguidade, mas evidência.

Há uma franja de interferências, assim como a nomeou o bem amado João.

Esta franja de interferências representa o que é procedente da sua personalidade e de alguns componentes extraterrestres que interferiram com a história desta Humanidade, em tempos muito remotos.

Esta Presença deixou em vocês marcas, feridas, sofrimentos, que a Luz tem por objetivo iluminar e apagar, na condição de que vocês aceitem totalmente esta Luz.

O aceitar totalmente quer dizer tornar-se humilde e corajoso.

A coragem sendo aceitar se ver em Verdade e não mais deixar as influências passadas (jogos de poder, sofrimentos vividos nesta Vida e em outras vidas) vir interferir com o Estado de Ser.

Quando eu digo e afirmo que vocês foram todos missionados, esta é a Verdade.

A atualização e a realização da missão, agora e doravante, passa pela dissolução do que eu chamaria, e que vocês chamariam, de personalidade.

Nesta personalidade se encontra o peso do passado, dos poderes que vocês mantêm, consciente ou inconscientemente, sobre os outros.

Esse jogo não é da Luz, esse jogo é jogo de personalidade.

O Estado de Ser é liberdade, autenticidade, Amor.

Toda forma de manipulação deve ser abandonada.
***


A Divina Maria colocou em vocês, não mais tarde do que no dia de ontem, e como ela irá referi-lo conjuntamente com o Arcanjo Metatron, em 06 de agosto, em 08 de agosto e em 15 de agosto, a bondade.

Cada um de vocês terá o olhar colocado em meio ao Estado de Ser e verá o porquê da Luz ter sido falsificada.

A falsificação não é da Ordem da Luz, ela é da Ordem da materialização nesta densidade unificada que está prestes a desaparecer.

Eu mesmo, pessoalmente, e com os 24, juntos, nós decidimos nos opor ao poder.

Para isso, nós fomos obrigados, há mais de 50.000 anos, a separá-los, criando a dissociação, a fim de preservá-los das suas próprias Sombras e para não contaminar os planos Luminosos, para deixá-los também levar esta experiência até o seu final.

Os seres humanos, em sua grande maioria, não podem estar conscientes, porque não estão despertos sobre o que se joga.

Os seres humanos, dos quais vocês fazem parte, estão conscientes e se despertam, entretanto, têm cuidado para não deixar a personalidade, os jogos de poder, os jogos de seus sofrimentos passados, mancharem o Mensageiro e a mensagem.
***


O que vem a vocês é rigor e Amor, o que vem a vocês não pode deixar a Sombra agir, não pelo combate, isso já ocorreu em outras dimensões.

Nesta dimensão, a única Verdade é Perdão, Abandono e Doação.

Aqueles de vocês, aqui e em outros lugares, que se fecharem no Interior de si para sufocar a Luz e guardá-la para si, perder-se-ão.

Aqueles de vocês que nutrirem, pela Luz, o poder ou os sofrimentos passados, perder-se-ão.

Nós não viemos julgar, mas da confrontação, da associação ou da dissociação, entre a Luz e a Sombra, nasce a Luz.

A Sombra, que nós não julgamos, vai onde o princípio, enunciado aqui, continuamente, de atração e de ressonância, fizer com que a Sombra retorne à Sombra, ou será transmutada pela Luz.

Cabe-lhes, nesses tempos ultra reduzidos, perdoar, para que a Luz os perdoe.

Esse trabalho de perdão é realizado, sobre esta Terra, pela Luz, mas ela deve ser aceita, esta Luz, pela personalidade, a fim de se deixar morrer, para a Glória da Luz.

Assim, as resistências que vocês percebem, em alguns momentos ou frente a alguns eventos ou a algumas revelações, atraem a atenção sobre um afluxo de Luz nessas zonas, nessas falhas, eu diria.

Vocês tiveram, e vocês ainda terão, de maneira geral, até a festa do bem amado Miguel, a oportunidade de se voltar para a Luz.

Mas (a palavra é forte, porque é exata), desgraçado daquele que se servir da Luz autêntica para nutrir a personalidade.

Assim, Cristo disse: “perdoai-os, Pai, eles não sabem o que fazem”.

Mas, aqueles que sabem, e que vivem a Vibração no seu Estado de Ser, na sua lâmpada cardíaca, são responsáveis diante da Luz.

Cristo dizia: “o que vocês fazem ao menor de vocês, é a mim que vocês o fazem”.

Vocês não podem escapar desta Verdade vibratória.

Nisso, vocês devem ser suaves e fortes, ser Luz e Humildade.

Essas palavras são escolhidas intencionalmente, na sua densidade.

A Luz é justa e ela preencherá os justos, a fim de justificá-los na Verdade, mas vocês não têm que se justificar a si mesmos, porque, nosso, não é o Estado de Ser quem fala, nem a Semente de estrela, mas as Sombras da personalidade.
***


A Luz, bem amados humanos em encarnação, é Força e Verdade.

Ela não pode tolerar, em seu seio, além da sua dimensão que nós protegemos, o menor grama do que não for dela mesma.

Então, cabe-lhes mergulhar no seu Interior e se ver, realmente, e não na aparência e não no que vocês querem mostrar, mas no que vocês são, porque é no que vocês são que a Luz os toma.

O que vocês creem ser no nível da personalidade não pode resistir e se impor, porque o poder não tem qualquer peso, nem qualquer consistência, diante da Força da Luz.

Nós zelamos, pela nossa Presença e pela nossa Radiação e pela Potência da Radiação Arcangélica, que foi entregue inteiramente à Divina Maria.

Nós, os 24 Anciões, somos as garantias, pela nossa Ronda, do estabelecimento do Plano.

As ilusões do homem irão cair, quaisquer que sejam.

Isso é agora.

Então, vocês devem voltar a ser como um cordeiro, não para serem sacrificados pelos lobos, mas, sim, para serem possuídos pela Luz.

Tornar-se Luz, encarnar a Luz e vibrar Luz e Força.

Vocês devem ser, nos próximos dias, e vocês devem demonstrar, a coragem e a fé.

A fé está na base de tudo.

Àquele a quem muito será dado, muito será cobrado, pela ressonância/atração da Luz, mas desgraçado daquele que falhou, após ter recebido a Luz, pois o sofrimento, para ele, será bem maior do que para aquele que não conhece nem a Sombra nem a Luz.
***
A Saudação dos 24 Anciões, chamada de Saudação de Orion, irá lhes permitir, nesta assembleia, como em qualquer assembleia, reconhecer-se e se reconhecerem uns aos outros.
A Luz e a Verdade não podem mais ser falsificadas, porque a Luz vem na sua densidade.

Até agora, a densidade era um reflexo da Luz, ela se torna, agora, a autenticidade da Luz, por decreto da Fonte, porque os tempos chegaram, porque os tempos estão aí.


O tempo do final da ilusão, o tempo da Revelação da Verdade, é agora.


Vários seres humanos juntar-se-ão, nas próximas semanas, os batalhões de Sementes de estrelas, batalhões não de guerra, mas de paz e de instauração de paz, em meio àqueles que ainda não sabem e não vivem a Vibração.


Assim, pela minha Radiância e pela minha Presença, apoiada pelo conjunto do que nós somos, nós, os 24 Anciões, pela densidade e pela Presença que apoia o seu mundo, os Hayot Ha Kodesh, pela Ronda dos Arcanjos, e pela Presença, ao centro, da Divina Maria, eu lhes transmito as bênçãos da Fonte/Uma em meio à sua Unidade, mas, em meio também, e como isso chega dentro de alguns dias, na totalidade do seu ser e não unicamente no seu Templo Interior, mas no conjunto das suas túnicas mortais, nas suas Vibrações sutis que participam desta encarnação e desta Vibração.


Assim, sim, a Luz vem, mas ela não vem mais unicamente na cabeça e no coração, ela vem, inteiramente, lavar os seus mantos.


As chaves serão dadas à Humanidade, essas chaves não podem ser falsificadas pelos Mensageiros.


Então, vocês devem morrer para vocês mesmos, a fim de renascer para a Luz da Verdade.


É isso que vocês vão realizar, por antecipação, em meio à sua Ronda, em meio à  sua Unidade Coletiva. 


Recebam, agora, a Radiância que vem e que lhes dou, por antecipação.


Não se esqueçam de que o Estado de Ser, de que a Luz do Supramental, assim denominada, é a Luz da sua casa, é a Luz que vem fecundá-los, literalmente.


Então, agora, apoiado pelas Presenças que nomeei, eu lhes peço que cruzem suas mãos sobre o peito, assim como eu o faço, que inclinem a sua cabeça, para receber.


... Efusão de energia ...



... Efusão de energia ...

Elohim.

... Efusão de energia ...

Em nome da Fraternidade Galáctica, em nome de Cristo, bênçãos em suas lâmpadas, bênçãos e Luz no seu Estado de Ser e na sua personalidade, para fazer o milagre de uma só coisa.

Vibração.

... Efusão de energia ...

Hum An - Ité - Unité - Une.

Em Cristo e em Verdade nós os saudamos, nós os amamos, nós os queremos retos, dignos e fortes.

Vão em Paz, eu os abençoo e vocês são amados.
************
 ÁUDIOS


************


Mensagem do Venerável ORIONIS no site francês:
http://www.autresdimensions.com/article.php?produit=385
04 de Agosto de 2009
***
Versão do francês: Célia G. http://leiturasdaluz.blogspot.com.br/ 
***

Transcrição e edição: Andrea Cortiano e Zulma Peixinho


************


Gostou? Compartilhe esta publicação nas redes sociais

0 comentários:

Postar um comentário