A humanidade que começa: CAPÍTULO 7: OS ESTADOS DO DIVINO

Clique aqui para comentar esta publicação






A revelação do Um através das novas Unidades.
Reencontro dos filhos da Lei do Um.

E bem, caro amigo leitor, caro irmão da superfície, caro filho da Lei do Um.

Como você pôde constatar através desta obra, várias revelações, bastante, certamente, surpreendentes para você, foram feitas.


Convém agora verificar por sua própria experiência se isso pode ser admitido ou não.

Jamais nós o forçaremos, assim como os planos espirituais, a adotar alguma coisa que você não tenha experimentado, a adotar alguma coisa que não iria ao sentido de sua Fluidez e do seu sentir.

Convém compreender que tudo o que foi dito participa de um grande plano de evolução que vai bem além do que nós chamamos de Intraterra, bem além da dimensão planetária, mas diz respeito a um casamento cósmico, um casamento espiritual aguardado desde muito tempo e que se refere ao conjunto do seu sistema solar e do nosso sistema solar.

É evidente que o que deve advir participa de um trabalho coletivo, de um trabalho ligado à Fonte, ligado à Divindade do homem e à Divindade simplesmente.

Convém aceitar que muitas coisas devem mudar em seu interior e em seu exterior.

Nisso várias profecias, chamem-no assim as coisas, foram emitidas, foram transmitidas, dadas à humanidade desde tempos muito antigos e que se referem a este período dos 7 últimos anos dos fins do tempo que vocês irão viver muito em breve.

Convém compreender que esses acontecimentos não estão escritos na rede do tempo, mas correspondem a futuros possíveis que, a cada minuto, a cada instante, modulam-se, transformam-se, agravam-se ou melhoram em função de cada pensamento dos filhos da Terra.

Entretanto, a probabilidade jamais foi tão alta de que essas núpcias cósmicas sejam acompanhadas de uma mudança importante e considerável deste planeta como jamais foi visto.

Em relação a isso, nós, povo da Intraterra, nós lhes pedimos para jamais ter medo, para jamais tentar saber quando isso ou aquilo irá ocorrer, mas simplesmente para centrar-se em seu interior e encontrar em você sua escuta interior, seu alinhamento interior que irá permitir, no momento oportuno e no momento vindo, permanecer centrado e alinhado em você mesmo e não no que virá, no que poderá parecer como alguma coisa bastante fantástica, qualquer que seja o sentido que você entenda isso.

Convém permanecer centrado a cada sopro que anima sua vida.

De fato, não é mais tempo agora, exceto de ser você mesmo, de querer interferir nesses acontecimentos, quaisquer que sejam.

Convém a você estar nesse famoso estado de alinhamento, neste estado de concordância com a sua própria Fonte que você é, a fim de viver isso, não desligado, mas permanecendo no alinhamento Divino da Fonte.

Os acontecimentos que devem advir e que irão advir agora, esteja certo, são de qualquer maneira um elemento necessário para o crescimento da nova humanidade regenerada na espiritualidade, regenerada na conexão com sua Fonte.

Na realidade, no momento oportuno cada ser humano saberá realmente quem ele é, saberá realmente as escolhas que ele fez, e as escolhas que ele ainda pode fazer em função do seu futuro e do seu passado.

Convém a você sentir isso no mais profundo do seu ser e adaptar sua conduta a algo que esteja em coerência, em alinhamento com sua Fonte e, então, com a totalidade do respeito à vida sob todas suas formas.

Eu especifico bem, sob todas suas formas.

Convém a você, cara alma, caro amigo, caro leitor, reforçar, gradualmente e à medida das semanas, dos próximos anos, sua própria conexão à sua Fonte.

Reafirmar, a cada sopro, sua ligação à Unidade e sua concordância e sua Fluidez da Unidade em você e bem compreender que você participa do mistério Divino da criação porque você é, você mesmo, filho da Fonte, filho do Um e então submisso à Lei do Um.

A partir do momento em que você respeitar essas simples exigências, além das simples contingências que correspondem à sua vida, e isso, em todos os planos, vai ser fácil para você, nós pensamos, e realmente nós o pensamos, viver em harmonia total com o que vem.

É extremamente importante, caro amigo leitor, que você compreenda bem, também, o teor dos ensinamentos que você leu, reteve, entendeu, tanto em relação à luz, como em relação ao funcionamento de nossas cidades, porque, evidentemente, nós demos aí uma visão do que deve ser, muito em breve, seu modo de evolução e seu modo de vida.

Você é livre, ainda uma vez, para recusar acreditar, estar de acordo ou em desacordo com o que nós transmitimos para você.

Mas, no entanto, a vibração que acompanhou este livro deve permitir-lhe não duvidar da realidade do que você sentiu, da realidade do que vem para você.

Nós lhe falamos indiferentemente enquanto ser, enquanto alma.

Mas, sobretudo, não esqueça que para verificar a veracidade do que foi transcrito, transmitido, você deve pensar em outras almas, em outras Fontes de Unidade de luz, a fim de conectar espontaneamente 23 outras entidades de luz com as quais você irá formar esta primeira Unidade coletiva.

Lembre-se de nossa história, desde 320.000 anos, onde o primeiro de nós conseguiu, no espaço de um instante, aliar, reunir, 23 outros seres em encarnação, naquele momento funcionar de maneira unitária e coletiva por esta célula de 24 e transmitir, por ressonância mórfica, esta informação ao conjunto de nosso povo.

O destino de nossa evolução foi profundamente alterado naquele momento.

Ele nos permitiu passar em um modo de consciência e de vida bem além dos dualismos, das dualidades, dos desconfortos da vida manifestada na 3ª dimensão somente.

Retorna hoje a você, assim, a honra, amigo leitor, de participar deste esforço de evolução através de 3 coisas simples: sua afirmação à ligação à Fonte, sua afirmação de sua Unidade com a Fonte, e, em terceiro lugar, criar de novo.

Imagine que isso seja possível.

Imagine isso como uma simples experiência a fazer, a fim de verificar ou contradizer algumas coisas.

A partir do momento em que você funcionar em consciência coletiva unificada de 24 Unidades, você irá aceitar mais facilmente o que lhe chega para ler, para sentir e para vibrar ao longo das páginas.

Amigo, irmão leitor, nós lhe desejamos boa direção nesse caminho de evolução.

É-lhe pedido hoje para subir um degrau e aceder a esta caminhada com passo firme, seguro, sem qualquer medo, porque seu futuro está diante de você.

Deve estar livre de todos os elementos que foram condicionantes e limitantes para você, também na esfera mental, emocional, e até mesmo afetiva.

A rede social que vocês construíram está impregnada desses condicionamentos e dessas limitações.

A rede econômica que vocês construíram está impregnada desses condicionamentos e dessas limitações.

Tudo o que vocês construíram até hoje está necessariamente impregnado das leis da 3ª dimensão, que nós denominamos, quanto a nós, ação / reação.

E na ação/ reação não há lugar para a Lei da Unidade, para a Lei do Amor, para a Lei do Serviço.

Hoje lhe é pedido para você dispor-se de todas essas vestimentas que você colocou em si e que obstruem sua caminhada para a leveza, para a liberdade, para si mesmo.

Convém a você aceitar as algumas experiências que nós submetemos ao seu julgamento, à sua perspicácia.

Reproduzir essas experiências simples e verificar por si mesmo a existência de áreas de consciência unificadas.

Quando você descobrir a área de consciência unificada, sua vida jamais será a mesma.

Sua vida será profundamente transformada.

Do mesmo modo que as pessoas que tiveram experiências místicas ou experiências às portas da morte e que decidem finalmente acreditar no que elas viveram e aceitar a transformação final de retorno à Fonte.

Nada nem ninguém, mesmo os acontecimentos que vão chegar, serão capazes de fazê-lo mudar se você não aceitou fazê-lo, se você não aceitou aceder a esta caminhada com passo firme, resoluto, sem possibilidade de voltar atrás.

Isso é sua liberdade, seu livre arbítrio final da alma, aceitar a luz ou recusá-la.

Jamais a luz se impõe, como nós tivemos a ocasião de dizer-lhe em várias repetições neste livro.

Jamais a luz engana, ou trai.

Jamais a luz desvia.

Convém a você fazer a mesma coisa de sua vida, de sua alma, do seu ser.

Convém a você ser claro com a Fonte que você é, de acordo com você mesmo e isso em todos os planos.

Pouco importa o que dirão os familiares, a sociedade.

Pouco importa o que dirão aqueles que querem reatar o relacionamento, que querem fazê-lo voltar à razão, fazê-lo retornar à realidade.

A realidade não é aquela que eles creem.

A razão não é aquela que eles creem.

Eles funcionam como entidade dividida, separada.

E como uma entidade dividida, separada na totalidade das dimensões que a constitui, pode ser confiável?

Ela pode, de outro modo que distanciada, separada e cortada da realidade última que é a luz.

Convém a você também, caro amigo leitor, ter discernimento, prestar também atenção aos ruídos que iriam querer cortá-lo de suas raízes essenciais, que nós chamamos de nosso planeta Terra, aquele que nos carrega e nos suporta e que nos alimenta.

Na realidade, o evoluir da passagem desta 3ª para esta 5ª dimensão deve ocorrer com este planeta e não sem ele.

Independentemente do que você deve viver, não esqueça que este planeta, como nós dissemos em várias ocasiões, é um planeta sagrado em via de sacralização.

Ele deve encontrar sua dimensão plenária em meio à galáxia.

Todas as entidades que desejariam prometer-lhe uma luz, uma ascensão, uma liberação, alguma coisa ... sem seu planeta, seria ilusório e vão porque isso o levaria aos meandros dos abismos da falsa luz, aquela que é separada da Fonte.

Não esqueçam, e não esqueça, caro amigo leitor, que a Fonte de onde você vem encontra-se no interior deste planeta e não em qualquer outro lugar.

É esta Fonte mesmo que você é em meio ao planeta que deve vibrar, elevar-se e ascensionar à 5ª dimensão e que você deve acompanhar em um mesmo ímpeto, em uma sintonia vibratória e em uma sincronia vibratória.

O trabalho que nós propomos a você neste livro em caso algum deve desconectá-lo desta Fonte.

Ele pode efetivamente fazê-lo desconectar das paixões antigas, dos esquemas emocionais e mentais que foram construídos desde milênios.

Mas em caso algum ele deve afastá-lo de sua Fonte, daquela que está ao mais profundo da Terra.

Porque aí está seu futuro, aí está seu devir e lhe convém estar totalmente de acordo, à escuta da Fonte Mãe.

Você não poderá encontrar seu Pai sem sua Mãe.

Você não poderá aceder à Ascensão sem fazer ascensionar seu planeta.

Os mecanismos da ascensão vão levar alguns anos para instalar-se definitivamente e de forma duradoura, de maneira permanente, neste sistema solar.

Mas você deve acompanhar as oscilações vibratórias da Terra.

Você deve acompanhar as tempestades, os ciclones, os terremotos que ocorrem porque estes acontecem, como nós dissemos, no interior de você antes de tudo.

Eles não são destinados a qualquer punição, a qualquer retribuição, mesmo se exteriormente isso possa ser visto assim, mas sim como uma perspectiva interior de elevação e de transformação.

Convém a você nunca esquecer isso e ficar permanentemente conectado à sua Fonte.

Isso é um conselho essencial para o bom desenrolar dos mecanismos energéticos que vão ocorrer em você no momento em que você aceitar totalmente que a luz esteja em você.

Gradualmente e à medida, a partir do momento em que você tiver reconectado sua Unidade de consciência coletiva, gradualmente e à medida, você começará a viver uma série de modificações de consciência, mas também modificações em suas estruturas celulares.

Isso irá se acompanhar de sinais que poderão, para alguns, ser mais ou menos desagradáveis, ou até mesmo difíceis de viver.

Mas, entretanto, guarde presente no Espírito que mesmo aqueles fazem parte da sua transformação, a fim de que você possa realizar sua ascensão pessoal em meio à ascensão planetária.

Entre aqueles, alguns são constantes e participam realmente, como foram descritos nos tempos antigos, para a prova formal de que sua alma contatou de novo sua Fonte e que seu ser inteiro participa do esforço de elevação e de ascensão.

Aqueles consistem nos sinais, como nós dizíamos.

Entre os sinais, é preciso contar em você com o canto da alma, esse som tão específico, esses sons, deveríamos dizer, que deverão ser ouvidos de maneira particular em seu interior e particularmente do lado esquerdo.

Existem algumas percepções de vibrações às vezes incômodas situadas em diferentes regiões da cabeça e que correspondem também a marcações de conexão à Fonte.

Evidentemente, você deverá também, a partir do momento em que você contatar sua Unidade coletiva, sentir certo número de coisas que acontecem embaixo dos seus pés.

E bem, embaixo dos seus pés que irão ajudar a realidade da sua ligação à Fonte Mãe.

Paralelamente, alguns elementos de consciência vão modificar-se.

Sua maneira de se alimentar irá modificar-se.

Sua maneira de enxergar as concepções da vida será perfeitamente diferente do que se faz atualmente.

Você terá cada vez menos tendência a considerar-se como distanciado, separado de toda a criação.

Os ciclos do sono irão modificar-se.

E sobretudo, sobretudo, certo número de contatos poderá ocorrer com algumas dimensões que não são habituais para o ser humano, ligadas à 5ª dimensão e a dimensões superiores de contato no sentido o mais nobre do termo.

Certamente, não é dado a qualquer pessoa que começasse esse caminho de retorno à Unidade viver um contato com a Intraterra, seja lá o que deva ocorrer em um plano manifestado em um curto espaço de tempo.

Mas, no entanto, o contato com entidades que povoam os mundos angélicos e arcangélicos irão se tornar mais fáceis para alguns de vocês e, em particular o acesso ao que nós denominamos, nós mesmos: a Santa Trindade.

Nós nomeamos as energias femininas do arquétipo feminino, as energias do Arcanjo São Miguel e as energias da dimensão Crística (aquela do seu grande Mestre que foi encarnado um tempo sobre esta Terra).

Esse contato é um contato que será preciso realmente, qualquer que seja o nível de contato, tanto através de uma visão como através de ensinamentos, como através simplesmente da alegria do contato e dos reencontros, para bem assimilar, para bem digerir.

Será preciso se beneficiar da intensidade vibratória desses contatos que serão como ajudas em seu caminho de retorno.

Na realidade, o que lhes é prometido é realmente um retorno à sua Fonte, um retorno à sua Unidade primeira de entidade espiritual livre, liberada das contingências da matéria e liberada dos condicionamentos que foram os seus desde 52.000 anos.

Trata-se efetivamente de grandes reencontros e isso é uma digna festa vibratória no mais alto dos céus.

Se vocês soubessem o número de seres que participam desse fenômeno de pré-ascensão, se vocês soubessem o número de almas de luz que estão aí para assistir sua elevação de consciência e que anteveem, por sua própria presença em seus céus, sobre esta Terra e sob esta Terra, esse fenômeno, a fim de viver esse momento de luz excepcional.

Lembrem-se de que ele ocorre apenas raramente em sua escala de tempo.

Mas hoje as condições foram reunidas a fim de que um povo inteiro, se tal é sua vontade, reencontre o caminho de sua casa, o caminho da Unidade, o retorno à Fonte.

Isso é um acontecimento que se festeja dignamente com todos seus irmãos e irmãs, elevados ou não elevados, mas que participam desse plano da Unidade, em concordância total com a Lei do Um.

E essas entidades estão extremamente presentes, digamos, não impregnadas, mas presentes e se têm no limiar de sua consciência prontas a comunicar-lhes sua ressonância, sua afinidade, para entrar em contato com vocês a fim de encorajá-los a ir a esse caminho de luz, a esse caminho da Unidade, a esse caminho do retorno.

O caminho do retorno foi acionado e nada, absolutamente nada, poderá frear esse retorno exceto seu livre arbítrio (que pode ser levado a recusar por razões que lhes são próprias).

Como nós já lhes dissemos, se tal é sua escolha, amigo leitor, em nenhum momento nós poderemos fazer julgamento porque você permanece e você permanecerá, mesmo se você não quer admitir, uma alma livre diante da eternidade da luz.


Nós supomos, caro leitor, que depois do que você acabou de ler, de descobrir, de ressoar, certo número de questões apresenta-se a você, questionamentos compartilhados pelo walk-in consciente que recebeu essas informações.

Foi-lhe proposto no final desta obra certo número de respostas a questões que você poderia se perguntar.

Esperamos que estas respostas satisfaçam às suas perguntas e que possam reafirmá-lo e fazê-lo entrar em ressonância com o que nós acabamos de escrever.

Do site francês:
http://www.autresdimensions.com

Tradução para o português: Zulma Peixinho
http://portaldosanjos.ning.com


Gostou? Compartilhe esta publicação nas redes sociais

0 comentários:

Postar um comentário