O.M. AÏVANHOV - 19 de setembro de 2010 - Autres Dimensions

Clique aqui para comentar esta publicação




- E BEM, CAROS AMIGOS... -

 “Viver a Luz completamente não é unicamente uma mudança de ponto de vista. É uma mudança de estágio Vibratório.”



E bem, caros amigos, estou extremamente contente por reencontrá-los. 
Então, primeiramente, eu lhes apresento todas as minhas Bênçãos, todo o meu Amor e vamos começar. 
Eu espero que vocês tenham muitas questões para me colocar. 

*** 

Questão: podemos considerar a estase como um ensinamento prático?

É difícil de responder esta questão.
Um ensinamento, certamente, para aqueles que ainda não encontraram a realidade da Luz, que a encontraram intelectualmente, mas que não a encontraram no Coração. 
Porque, efetivamente, durante esse processo em que o aspecto físico do que vocês são está completamente inoperante, vocês se apercebem, constrangidos e forçados, de que a consciência pode funcionar e mesmo, por vezes, sair desse corpo. 
Por conseguinte, para aqueles, sim, isso será um ensinamento. 
Para outros, não, isso será o ensinamento, não da Luz, mas do terror, porque eles vão permanecer no interior dos seus corpos que não respondem mais.
Eles não poderão dali sair. 
Cada caso será diferente, de fato. 
Para alguns, eu penso que será um ensinamento e, para outros, não. 
Cada um irá vivê-lo, certamente, no seu nível de Vibração, de Consciência, de confiança também e de certeza Interior. 
Depois, cada um irá viver o que ele tem que viver durante este período. 
Mas eu os lembro de que, independentemente do Anúncio, 72 horas antes, por Maria, mesmo aqueles que não creem em nada e que não vivem nada, vão sentir que acontece, ou que vai acontecer alguma coisa. 
Olhem, naquele momento, os animais, vocês irão compreender imediatamente.
Porque eles vão senti-lo bem antes de vocês, quase uma semana antes de vocês.

*** 

Questão: durante os 3 dias, o Ser permanece consciente?

Inteiramente.
Quer vocês queiram ou não. 
Então, vocês imaginam, para aqueles que não podem permanecer cinco minutos imóvel.
E eu os tranquilizo, vocês não terão vontade de fazer as necessidades fisiológicas. 
O corpo será extremamente desacelerado, como em estado de hibernação, mas a Consciência estará totalmente lúcida. 
A partir do momento em que o corpo está no fenômeno de estase, quanto mais ele descer em temperatura, melhor é. 
O sentido visual, o sentido olfativo, a audição, estarão presentes, mas a sensação térmica, não.
Isso dito, cubram-se, hem?

*** 

Questão: nesse período, o contato com o Estado de Ser é possível?

Sim, é claro.

*** 

Questão: é um dos objetivos?

O objetivo não diz respeito a vocês, diretamente.
Ele se refere à Terra, à organização do Sistema Solar.

*** 

Questão: por que é necessário colocar a humanidade em estase durante esse momento?

Simplesmente porque os seus corpos, os corpos físicos que tivemos, uns e outros, estão sujeitos às forças eletromagnéticas e gravitacionais.
 
Se não houver mais gravidade e se não houver mais forças eletromagnéticas, o corpo, ali não fica mais em pé.
É tão simples assim. 
Diz-se frequentemente que é a alma que anima o corpo, ou o Espírito também, mas se não houvesse as forças e os gradientes eletromagnéticos e as forças gravitacionais, esse corpo seria uma boneca de pano.
É exatamente o que vai acontecer. 
Vocês não poderão falar, mas vocês ouvirão tudo.
O seu olhar será fixo.
Assim que vocês caírem em estase, o olhar permanecerá apontado sobre a mesma coisa. 
Vocês vão sentir, como os animais, que vocês devem se alongar e se deitar. 
Vocês têm o corpo que se torna muito pesado, que formiga e que se entorpece, e ele irá responder cada vez menos, progressivamente e à medida do passar das horas. 
Vocês têm 3 dias para esse processo, antes que ele se estabeleça inteiramente. 
Isso não é nas 72 horas, nós os prevenimos, e durante 72 horas, tudo está normal.
A partir do início das 72 horas, as coisas se modificam.
Mas elas se modificam gradualmente.

*** 

Questão: após os 3 dias, como serão as forças gravitacionais?

Não haverá mais durante os 3 dias.
Eu não disse que elas irão parar, porque o dia em que elas pararem definitivamente, vocês não estarão mais aí.

*** 


Questão: o que será dos aviões quando as forças gravitacionais forem perturbadas?

Nos primeiros momentos, nas primeiras horas, eles terão tempo de pousar, não é?
 
E depois, é muito simples, e isso vai reduzir bastante tudo o que é eletromagnético, eletrônico, que tudo vai entrar em pane.
Mas isso não vai ocorrer em um minuto.

*** 

Questão: como gerir esta abordagem da estase com as crianças?

Mas não é com elas que há problemas, é com vocês, eu sempre disse isso.
 
As crianças irão se ocupar de vocês, diríamos.

*** 

Questão: como dizê-lo a uma criança?

Mas não há que dizer.
Instantaneamente, as crianças com menos de 14 anos irão compreender o que acontece.
Os animais irão compreendê-lo também.
Como antes de um sismo, eles se afastam.
Como antes de um tsunami, eles se afastam.

*** 

Questão: todos os animais estarão em estase?

Eu diria que tudo o que possui um cérebro estará em estase.

*** 

Questão: se são 3 dias de Trevas, isso significa que a Terra não vai mais girar?

Bravo.
O que quer dizer, também, que a rotação não vai parar em um minuto.
Sem isso, não há qualquer Terra que seja habitável.
É um movimento que para muito progressivamente.

*** 

Questão: e depois da estase?

Ela irá no sentido inverso.

*** 

Questão: a inversão do sentido de rotação irá se generalizar para todos os planetas desse Sistema Solar?

É já o caso para vários planetas desse Sistema Solar.
Todos aqueles que estão no exterior, o que chamamos no exterior de Júpiter.

*** 

Questão: é correto não mais ter vontade de manter relações com pessoas com as quais há uma defasagem Vibratória ou isso releva de um fechamento do Coração?

Absolutamente não.
Isso responde, inteiramente, ao princípio de atração. 
Vocês observam, todos vocês, uns e outros, que as situações, as relações que, antes, não os incomodavam, tornam-se muito incômodas. 
A distância Vibratória e de Consciência é uma realidade que vocês vivem, até mesmo, por vezes, com pessoas muito próximas e, aí, vocês nada podem. 
Alguns evoluem e sobem na Vibração e outros recusam subir na Vibração ou em Consciência, o que é estritamente a mesma coisa. 
Portanto, é normal que o ‘princípio de atração e de ressonância’ atue plenamente e que vocês tenham, não um fechamento do Coração, mas, simplesmente, que fazem atuar o Coração. 
A atração não é mais com relação às mesmas pessoas, nem às mesmas situações, nem às mesmas atividades.
Mas é completamente normal. 
Vocês não podem ir para a Luz e se interessar, ainda, como vocês falam, por terceiros, não é? 
Vocês não podem se interessar e viver a Luz e se interessar pelo resultado do jogo de futebol de ontem, isso parece um pouco paradoxal, não é?

*** 

Questão: por que, quando subo em Vibração, me acontece de estar em contato com as egrégoras “negativas”?

É impossível.
Na Unidade, a Sombra não pode absolutamente nada. 
A subida Vibratória na personalidade, no astral, se reflete, permanentemente, por um combate entre a Sombra e a Luz. 
Vocês todos experimentaram isso. 
Mas quando a Vibração do Coração e a Coroa Radiante estão despertas, quando vocês penetram as esferas do Estado de Ser e da Unidade, a Sombra não tem mais qualquer possibilidade de ação ou de perturbação em relação a vocês e o próprio Diabo poderia estar defronte a vocês, que ele não lhes faria nem calor nem frio. 
O que mantém a presença da Sombra é a Dualidade. 
Penetrando na Unidade, não há mais Dualidade. 
Portanto, o jogo Sombra/Luz, tal como é conhecido na matriz, não pode mais interferir com a evolução do ser.
É impossível. 
Se houver manifestações da Sombra, no seu caminho para a Unidade, isso reflete simplesmente, em virtude do ‘princípio de atração e de ressonância’, que existem ainda, simplesmente, Sombras em você. 
E, sobretudo, jamais responder à Sombra nesses casos.
Porque, se você se puser a combater, você recai ainda mais na Dualidade. 
E a Sombra vai procurar atraí-lo ao combate, é claro. 
É preciso elevar as Vibrações. 
Quando vocês estão na Unidade, quando a Coroa Radiante do Coração está desperta ou a Coroa Radiante da cabeça, o seu campo Vibratório, o casulo de Luz, o ovo áurico, não pode mais ser, como dizer..., penetrado. 
Ele pode estar em ressonância na periferia.
Sim, vocês veem a Sombra passar, sim, vocês veem as entidades passarem, mas elas não podem nada contra vocês.

*** 

Questão: isso pode também causar medo?

O medo é uma Sombra.
O medo é apenas uma falta de Amor. 
Do mesmo modo, se você tiver medo da falta e se você alcançar a Unidade e o medo da falta não foi, como dizer..., a poeira não foi totalmente retirada, o que vai acontecer? 
A sua consciência vai colocá-lo frente ao medo, para, justamente, superá-lo. 
E, lembre-se, a matriz é mantida pela Dualidade. 
O que desencadeia a Dualidade?
É o medo, antes de qualquer coisa. 
O medo é apenas uma criação do mental.
É uma secreção, em todos os sentidos do termo, da Dualidade. 
O medo é diretamente procedente de uma atividade reptiliana, no seu cérebro, que não tem qualquer outra realidade além da projeção, vinda, portanto, do mental e do mental a que chamamos de razão reptiliana.

*** 

Questão: na 3D Unificada o cérebro reptiliano continua a existir?

Ele existe, mas unicamente para a manutenção das funções ditas automáticas.
Mas tudo o que está em relação com predação, o Bem e o Mal, não existe.

*** 

Questão: como vão evoluir as estruturas cerebrais na 3D Unificada?

Na 3D Unificada, a diferença essencial é que o núcleo reptiliano, implantado pelos maus rapazes, não existe e, sobretudo, há uma estrutura cerebral que não parece com o ser humano, que existe nos mundos Unificados, que é chamado de cérebro paralímbico, aquele que conecta com o Universo.
 
Eu creio que é chamada de zona do Divino, no nível do cérebro humano, mas que está atrofiada no ser humano, que volta a se desenvolver normalmente na 3ª Dimensão Unificada. 
O que explica que os seres, por exemplo, como as estruturas de 3D Unificada dos Vegalianos, têm uma grande cabeça. 

***

Questão: o Coração pode transformar a Sombra em Luz?

O termo não é adequado.
A Luz se estabelece.
Estabelecendo-se, ela suprime a Sombra. 
Mas a Sombra não pode ser transmutada em Luz, exceto se ela se deixar penetrar pela Luz.
Sem isso, é uma Luz falsificada, que remete à matriz e à oposição Sombra/Luz. 
A Luz de que falamos é a Luz Vibral, que nada tem a ver com a Luz tal como vocês a concebem na sua cabeça ou nesta matriz. 
A Luz, vocês não a veem ainda.
Vocês a vislumbram.
Pois o dia em que vocês virem totalmente a Luz, seu corpo não existirá mais. 
Portanto, falar de Sombra que se transmuta em Luz, no Coração, é uma visão Dualista, ligada à Dualidade, à matriz. 
Não confundir a Luz Vibral e a luz da linguagem corrente, ou a luz que vocês podem conceber na sua cabeça, que é unicamente um julgamento de valor e que não é a verdadeira Luz. 
Toda ilusão vem daí, porque os seres creem que, quando eles fecham os olhos e veem a luz, é a Luz.
Não é a Luz.
Nós falamos muito longamente disso. 
A Luz Vibral não é uma luz fotônica.
O fóton é a sombra da luz.
A Luz de que falamos nada tem a ver. 
A Luz Vibral está ligada às partículas Adamantinas, a irradiações que vocês ainda não têm mesmo ideia, das quais vocês percebem simplesmente as primícias, através do Fogo do Coração e da constituição de tudo o que vocês vivem atualmente. 
Os Vegalianos explicaram por que eles tinham conchas de obsidiana sobre os olhos.
Porque, nos mundos Unificados, vocês não existem.
Vocês é que são a sombra. 
É preciso sair da visão do mecanismo da Luz onde vocês dizem: «eu estou em um mundo e eu vou tomar o meu corpo, vou abrir o meu Coração e eu vou continuar a minha pequena vida, como se nada fosse, nesta ilusão». 
Lembrem-se de que a Translação Dimensional é a morte da lagarta e o nascimento da borboleta. 
Vocês não podem ser ao mesmo tempo lagarta e borboleta.
Vocês devem colocar isso na cabeça e no Coração. 
É como se falasse da morte, que, no entanto, os faz permanecer na matriz, e juntassem suas malas, suas vestes, dizendo: «eu quero levar do outro lado».
Mas não é possível e, para a Translação Dimensional, é ainda menos possível. 
Vocês não podem levar a lagarta com vocês. 
E quando falamos de final de Dimensão, eu creio que vocês ainda não compreenderam completamente o alcance Vibratório do que isso significa, uns e outros, aliás. 
Se eu quisesse ser abrupto: preparem-se para entrar na Vida, ou seja, para morrer nesta vida. 
É aqui que vocês estão mortos, não do outro lado. 
Portanto, nós os preparamos para o seu nascimento, que é a saída da Ilusão, pelas Vibrações, pelos contatos Transdimensionais, pela Luz Vibral que penetra, até mesmo, desde quase uma geração, progressivamente. 
Por conseguinte, vocês apenas podem fazer suposições e projeções com relação ao que vocês vivem, no interior desse corpo. 
Mas, mesmo se esse corpo tiver que transmutar, mesmo se vocês tiverem que tomar esse corpo, o que vocês irão tomar nada tem a ver com o que vocês veem, com o que vocês creem ser. 
Mas, isso, vocês apenas podem compreender e viver a partir do momento em que o seu cérebro Vibratório lhes permitir fazer o switch da Consciência, passar na Vibração do Estado de Ser e da Unidade e, também, aceder ao seu corpo de Eternidade. 
É verdadeiramente a imagem que se podia encontrar. 
O seu cérebro tem tendência a trazê-los em uma visão linear: «eu vou me tornar Luz, portanto, eu vou manter esse corpo, eu vou estar bem no interior».
Não é realmente isso que vai acontecer, mas é um nascimento, não é uma morte. 
Isso depende do ‘ponto de vista’, como disse Anael.
Se vocês tomarem o ponto de vista da lagarta, isso será terrível.
Se vocês tomarem o ponto de vista da borboleta, é maravilhoso. 
Portanto, tudo o que vocês têm que fazer é não se projetarem em um futuro que vocês não podem apreender nesse corpo. 
Vocês podem apenas subir na Vibração para se aproximarem, cada vez mais, da porta e da chave do Coração.
E, em determinado momento, vocês irão bascular. 
Aqueles que já bascularam sabem do que eu falo, porque o viveram. 
Mas, enquanto vocês não tiverem vivido, vocês estão unicamente na projeção.
O que quer que vocês vivam no nível do Coração, são apenas suposições. 
Lembrem-se das palavras de Cristo: «Aqueles que quiserem salvar sua vida, irão perdê-la. Aqueles que estiverem prontos a perdê-la, irão encontrá-la».

*** 

Questão: poderia definir os termos simplicidade, humildade, Aqui e Agora?

Defini-los por palavras de nada vai servir.
É o momento em que vocês chegam a fazer calar as emoções.
É o momento em que vocês chegam a fazer calar os pensamentos. 
Quando vocês estiverem alinhados neste estado de vacuidade, então, a Luz Vibral pode penetrar. 
Não há mais qualquer resistência à Luz.
É o que gera o Fogo do Coração, a Alegria Interior, o Samadhi e o acesso ao Estado de Ser. 
Enquanto vocês forem complicados, enquanto vocês não forem simples, vocês não podem Vibrar no Coração. 
O Coração é extremamente simples.
Ele não se importa com qualquer conhecimento.
Ele não se importa com qualquer esoterismo.
Ele não se importa com qualquer religião. 
Isso, são ilusões Luciferianas que os fizeram crer que vocês se aproximam do Conhecimento, para livrá-los, por um Conhecimento, por uma Crença. 
O coração é experiência, e nada mais. 
Entretanto, esta experiência apenas pode ser vivida, justamente, quando vocês voltam a ser como uma criança: simples, humilde, pequeno e completamente no instante, quer dizer, desapegado das consequências do seu passado e desapegado do futuro, quer dizer, a parada das emoções que são ação/reação e a parada do mental, que é projeção.

*** 

Questão: isso significa que, para estar na simplicidade, é preciso estar desapegado da personalidade?

Inteiramente.
Vocês não podem alcançar, como diria Um Amigo, o Si, estando ainda no pequeno Eu. 
É por isso o que eu disse também, a analogia com relação a se desapegar desta personalidade e do que vocês creem ser, porque vocês não são isso. 
E desapegar-se desta ilusão é não mais pensar, não mais estar identificado às emoções, nem mesmo mais estar identificado ao que quer que seja da lagarta. 
É assim que a borboleta pode nascer e que a Vibração do Coração pode se elevar.

***

Questão: você tem preconizações para parar o mental?

Sobretudo não se interessar pelo mental.
Porque, quanto mais você combatê-lo, mais ele irá se reforçar. 
Porque o mental, sendo dual, se você entrar na Dualidade com ele, ele vai continuar ganhando. 
É semelhante para as emoções. 
É necessário passar para um nível Vibratório que está além. 
Vocês não podem combater algo no nível em que ele está situado e, no mais, a Luz não combate, ela se estabelece e ela irradia. 
Portanto, crer que com o seu mental você vai vencer o seu mental, você não saiu do albergue. 
É a mesma coisa para as emoções, são noções de transcendência. 
Enquanto vocês estiverem na Dualidade, é muito lógico encontrar ferramentas que vão permitir lutar contra isso, contra aquilo. 
Os obstáculos podem ainda se manifestar: os miasmas, as poeiras, como eu chamei disso, há alguns meses. 
Desde o mês de julho, antes, a poeira, vocês a colocavam sob o tapete.
Era fácil, via-se a poeira, arranjava-se. 
O problema é que, agora, o tapete foi retirado.
Portanto, a poeira, não se pode mais escondê-la e não é preciso combater a poeira.
É preciso simplesmente aceitar vê-la. 
Quando eu digo vê-la, é vê-la com toda Lucidez e em Consciência e, naquele momento, a Luz irá trabalhar. 
Então, é claro, o mental ali vai dizer: «mas não é verdade, porque eu toco a Luz, mas tenho sempre dor nas costas, eu toco a Luz e tenho sempre tal doença». 
E eu responderia que você não subiu suficientemente alto na Luz Vibral.
Porque a Luz Vibral é Alegria, Samadhi, Plenitude. 
Quer dizer que, mesmo se um problema existir ou persistir, não há mais a mesma importância nos campos da Consciência Unificada. 
Viver a Luz completamente não é unicamente uma mudança de ponto de vista.
É uma mudança de estágio Vibratório.

*** 

Questão: as ferramentas que permitem fazer subir as Vibrações são ainda úteis?

É claro.
Mas a ferramenta principal é, e vai permanecer, a própria Consciência.
É ela que é a mais capaz de elevar a Vibração. 
Certamente, vocês têm as muletas.
Certamente, vocês têm as ferramentas.
Mas, em última análise, é a sua Consciência quem decide. 
Lembrem-se do que disse Cristo: "Se vocês tivessem a Fé como um grão de mostarda, vocês levantariam montanhas".
E não é uma visão da mente, nem uma parábola, é a estrita Verdade.

*** 

Questão: qual é a diferença entre atingir a Transcendência e atingir a Realização?

Admitindo que o acesso real à saída da matriz existe apenas desde algumas dezenas de anos, todos os seres que existiram, e alguns hoje são “croûtons”, como eu, como Um Amigo, por exemplo, viveram momentos de transcendência tão intensos que passaram a vida inteira tentando estabilizar esse momento.
 
A transcendência, durante minha vida, eu a vivi meditando ao nascer do Sol.
Isso bastou para dirigir toda a minha vida. 
Hoje, as experiências às quais vocês têm acesso são, de muito longe, mais importantes e mais avançados do que aquelas que nós vivíamos. 
Na época, por exemplo, se vocês tomarem Ma Ananda Moyi, ela viveu os estados de Transcendência mais avançados que foram possíveis de viver no século XX.
Foi ela quem os manifestou com o seu Samadhi quase permanente. 
Mas, hoje, aqueles que vivem o Samadhi vão para o corpo de Estado de Ser. 
À época, os seres como Ma Ananda Moyi ou como Um Amigo, viveram episódios de Transcendência.
Sri Aurobindo fala muito bem e eles levaram esses estados na Dualidade, para tentar expressar, escrever, mostrar os ensinamentos, para permitir aos aspirantes, aos discípulos, encontrarem isso. 
Hoje, vocês vivem esta transcendência que é o acesso ao Estado de Ser.
Portanto, a partir do momento em que vocês têm acesso ao Estado de Ser e substituindo isso no contesto deste final do mundo, desse tempo, desta Dimensão, é evidente que a época é especial. 
Portanto, «realizado» queria dizer o quê?
É aquele que alcançou o Si, que alcançou A Fonte, sem, no entanto, ali se estabelecer na sua vida ou, em todo caso, manter a conexão com A Fonte, pelo Samadhi. 
E, hoje, vocês vivem as idas e vindas. 
Pela Coroa Radiante do Coração, vocês experimentam a Alegria, vocês experimentam níveis Vibratórios que estavam fechados à época e que, hoje, lhes são abertos. 
E a palavra ‘Realização’, nesse contexto, hoje, não quer mais dizer grande coisa.
Nós preferimos falar, como Maria disse, de Coroação.

*** 

Questão: você escolheu o seu posto atual?

Eu não escolhi, obviamente, no tempo da minha vida, na minha última vida.
 
Eu penso que é, de preferência, a sequência lógica das minhas encarnações na matriz, porque, como viram, os Anciões são seres que conheceram um caminho espiritual, mas também as vicissitudes da matéria. 
É, aliás, a diferença entre os 24 Croûtons e as 12 Estrelas.
É que nós tivemos, nós, papéis muito encarnantes. 
Era necessário para poder sermos os intermediários entre a nossas experiências da matriz, espirituais e o que está acima. 
O que nos dá uma responsabilidade de escolhas a colocar, de decisões a tomar. 
Portanto, a nossa função é muito ativa. 
Nós tentamos perceber, Vibratoriamente, os efeitos das nossas decisões e também, nós estamos em certa forma de antecipação, mesmo estando ainda, talvez alguns de vocês saibam disso, em uma bolsa de Luz Vibral, mas no interior da matriz, para poder perceber a matriz. 
Porque, para o Conclave Arcangélico, é muito difícil perceber a atmosfera real, materialmente, os eventos, porque eles raciocinam em termos elementares, do que é visto no nível dos elementos. 
Mas é muito difícil para eles, quando não penetraram a matriz, quando não tiveram a experiência da matriz, é muito difícil ali exercer, como dizer..., uma ação coerente, mesmo para a Luz. 
Portanto, nós somos a ligação entre a matriz e o que está acima. 
Os Arcanjos têm funções, como vocês sabem, muito mais globais e gerais. 
Então, dizer que eu fui escolhido ou que eu escolhi..., eu diria simplesmente que é a consequência direta das minhas encarnações, certamente.

***

Nós não temos mais perguntas, nós lhe agradecemos.

*** 

Então, caros amigos, eu vou dar-lhes todo o meu Amor incondicional e fraternal.
Até breve.


************

Mensagem do Venerável OMRAAM (Aïvanhov) no site francês:
19 de setembro de 2010
(Publicado em 28 de setembro de 2010)

***

Versão do francês: Célia G. http://leiturasdaluz.blogspot.com
Postado por Célia G.

*** 

Transcrição e edição: Zulma Peixinho


************


Gostou? Compartilhe esta publicação nas redes sociais

0 comentários:

Postar um comentário